O que é faturamento de uma empresa, como calcular e quais os tipos?

Entenda o que é faturamento, saiba como funcionam os faturamentos brutos e líquidos e veja a diferença entre faturamento e lucro!

12669432_1218137561529803_7092902009906739723_n
Thainá Cunha

O faturamento de uma empresa é um dos fatores que determinam o tamanho do negócio e o coloca dentro de uma das categorias de pequeno, médio e grande porte, por exemplo.

Assim, é possível estabelecer quais serão os valores de arrecadação e tributos que deverão ser repassados ao governo, além de analisar a gestão financeira da empresa.

Continua após a publicidade

Se você não sabe a fundo o que é faturamento e as diferenças entre ele e o lucro da empresa, esse conteúdo vai te ajudar. Além disso, listamos quais práticas podem ser adotadas para aumentar o faturamento do negócio.

Portanto, confira o texto a seguir e tire suas dúvidas sobre o assunto!

O que é faturamento?

Faturamento é o valor total que uma empresa arrecadou durante determinado período de prestação de serviço ou venda de produtos.

Continua após a publicidade

Apesar do negócio conseguir arrecadação por outros meios, como atividades alternativas e investimentos financeiros, o principal faturamento vem da ação principal, que é a venda de produtos e serviços.

Dessa forma, é possível avaliar se a situação da empresa é realmente favorável por meio do faturamento e junto a outras métricas, como:

  • projeção de crescimento;
  • previsão de gastos;
  • retorno dos investimentos.

Além disso, o faturamento determinará os valores e tipos de impostos que deverão ser pagos pela empresa, ou seja:

  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS);
  • Programa de Integração Social (PIS);
  • Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS);
  • Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS);
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

Como calcular o faturamento?

Para calcular o faturamento da empresa, é necessário entender que existem duas categorias: o faturamento bruto e o líquido. 

Continua após a publicidade

Para calcular o faturamento bruto, basta usar a seguinte fórmula:

Faturamento bruto = preço de venda do produto X a quantidade de unidades vendidas no período

Já para o cálculo do faturamento líquido, utilize a fórmula:

Faturamento líquido = Faturamento bruto – impostos – despesas de vendas

A partir desses valores de faturamento, será possível determinar, também, em qual categoria a empresa se encaixa: Microempreendedor Individual (MEI), Microempresa (ME) ou Empresa de Pequeno Porte (EPP), por exemplo.

Qual a diferença entre lucro e faturamento?

Essa é uma das questões que podem gerar dúvidas para o empreendedor iniciante. Afinal, se os conceitos são tão parecidos, o que é faturamento e o que é lucratividade?

Como citado acima, o faturamento é o valor total da arrecadação feita pela empresa, seja com as vendas, prestação de serviços ou até mesmo com a renda proveniente de outras atividades, como investimentos financeiros e doações.

Continua após a publicidade

Já o lucro representa quanto de dinheiro sobrou em caixa, depois de deduzidos os gastos fixos e variáveis que a empresa tem, como pagamento de funcionários e fornecedores, compra e fabricação de produtos etc.

Desse modo, geralmente, esses valores são elencados no fluxo de caixa empresarial.

Quais são os tipos de faturamento?

Para entender melhor o que é faturamento de uma empresa, é preciso saber que o conceito é dividido em duas categorias. Conheça quais são elas!

Faturamento Bruto

O faturamento bruto é uma conta simples, na qual o preço de cada item é multiplicado pela quantidade de produtos vendidos.

Dessa forma, se a empresa vende um produto por R$ 100,00 e, ao final do mês vendeu 200 peças, o faturamento bruto será de R$ 20.000.

Continua após a publicidade

O cálculo é: R$ 100,00 x 200 = R$ 20.000,00.

Faturamento líquido

A conta do faturamento líquido é um pouco mais detalhada, porém, também não é algo tão complexo assim. 

Ela se resume no preço de cada item, multiplicado pela quantidade de peças vendidas. No entanto, desse valor, são subtraídos os encargos com impostos de cada peça e deduções de venda, como comissões, produtos devolvidos, cancelamentos, dentre outros.

Sendo assim, utilizando o valor do faturamento bruto acima de R$ 20.000,00, com uma dedução de impostos de 10%, sem qualquer custo com comissão, o faturamento líquido seria de R$ 18 mil.

O cálculo utilizado é: R$ 100,00 x 200 – 10% = R$18.000.

Como melhorar o faturamento do negócio?

Com mais informações sobre o que é faturamento, vale a pena saber também quais medidas podem ser tomadas para fortalecer essa métrica.

Continua após a publicidade

Por isso, para te ajudar a melhorar o faturamento da empresa, detalhamos algumas práticas que podem ser adotadas, veja!

Faça um diagnóstico da empresa

Antes de começar a melhorar o faturamento, é preciso entender como estão as finanças do negócio e estar por dentro de todas as métricas que envolvem seu desenvolvimento.

Alguns dos indicadores que podem ser analisados são:

  • quantidade de clientes e receita por cada um deles;
  • renda total da empresa;
  • margem de lucro e contribuição;
  • capital de giro;
  • gestão de vendas
  • produtos com mais saídas;
  • entre outros.

Com isso, você poderá definir se as estratégias utilizadas para alavancar a empresa estão sendo eficazes ou se é necessário pensar em outras soluções para otimizá-lo, consequentemente, aumentar o lucro.

Equilibre os custos e despesas

Os custos da empresa são um dos principais fatores que geram uma redução dos lucros.

Continua após a publicidade

Se você aplica um valor dos produtos compatíveis com o mercado, mas está lucrando menos que seus concorrentes, a solução pode estar criação de estratégias que permitam que a empresa gaste menos, mantendo a qualidade dos produtos e a competitividade naquele nicho.

Nesse sentido, algumas das medidas que podem ser adotadas, são:

  • negociar melhores preços com fornecedores;
  • investir em otimização da produção;
  • apostar na informatização da empresa;
  • terceirizar alguns setores e atividades;
  • promover treinamentos constantemente a seus colaboradores para reduzir os erros.

Analise os preços aplicados

O preço dos produtos é o fator determinante para o faturamento, afinal, se a empresa não vende, não há receita.

Portanto, faça um estudo detalhado de mercado para saber se o valor que está sendo aplicado está compatível com seus concorrentes.

Preços muito acima podem afastar o cliente em um primeiro momento, mesmo que a sua equipe de vendas seja acima da média. Por outro lado, preços muito abaixo do mercado podem até gerar vendas, mas trazem o risco do faturamento não ser suficiente para cobrir os custos da empresa ou gerar lucro.

Continua após a publicidade

Para facilitar o processo de precificação, utilize a nossa calculadora de preço de venda!

Invista no marketing da empresa

“A propaganda é a alma do negócio” é um dos ditados mais coerentes dentro do setor empresarial. Se o seu público-alvo não conhece o seu produto, dificilmente ele sairá das prateleiras. 

Nessas horas, o melhor a se fazer é investir em um marketing eficiente, que traga resultados satisfatórios. Por isso, vale a pena contar com estratégias simples, gratuitas e efetivas, como o uso de frases para atrair clientes e o marketing de conteúdo.

Otimize suas vendas

De nada adianta fazer uma boa campanha de marketing e aplicar os melhores preços se o seu processo de vendas não é otimizado. Saber definir um funil é importante para melhorar as chances de sucesso dos colaboradores.

A melhor solução para esse caso, é investir em soluções tecnológicas, como sistemas de CRM ou ERP, para mapear com mais eficiência os passos do seu público-alvo, podendo acompanhar todos os processos, tanto da pré-venda quanto do pós-venda.

Continua após a publicidade

Ainda, realizar cursos de vendas pode ser determinante para a estratégia do negócio.

Reduza as inadimplências

Produto que foi retirado e não foi pago pelo cliente, se caracteriza como prejuízo. Portanto, crie estratégias para reduzir essa inadimplência. 

Se a empresa trabalha com crediário próprio, por exemplo, utilize um processo mais criterioso de aprovação de crédito, selecionando bem os clientes que poderão comprar por meio desse recurso, reduzindo o quadro de maus pagadores.

Conclusão sobre o que é faturamento

Esse conteúdo te ajudou a descobrir o que é faturamento de uma empresa? Como detalhamos acima, o conceito se refere ao recurso obtido pelo negócio após as transações financeiras de produtos e serviços.

Com mais informações sobre esse conceito e seguindo os métodos apresentados, certamente, será possível definir estratégias eficientes para alavancar o seu faturamento.

Continua após a publicidade

No entanto, caso ainda tenha dúvidas mais específicas, pode ser importante entrar em contato com especialistas em contabilidade e administração.

Afinal, como o faturamento é fundamental para garantir a sobrevivência de qualquer empresa, é preciso ter muita clareza sobre como está a sua situação.

Para continuar aprendendo mais sobre finanças empresariais, leia também o nosso artigo sobre como emitir nota fiscal MEI de forma facilitada e gratuita! Além disso, cadastre-se em nossa newsletter e ative as notificações push!

Perguntas frequentes

  1. O que é o faturamento de uma empresa?

    Faturamento é o valor total que uma empresa arrecadou durante determinado período por meio de prestação de serviço, venda de produtos, investimento de terceiros, empréstimos, dentre outros.

  2. Como se faz um faturamento?

    O cálculo do faturamento é feito a partir das vendas realizadas e dos impostos previstos nessas transações. Então, o faturamento líquido será o recurso que sobra ao descontar os impostos.

  3. Qual a diferença entre lucro e faturamento?

    O faturamento é o valor total da arrecadação feita pela empresa, seja com as vendas, prestação de serviços ou até mesmo com a renda proveniente de outras atividades. Já o lucro representa quanto de dinheiro sobrou em caixa, depois de deduzido os gastos fixos e variáveis que a empresa tem.

  4. Qual a diferença entre receita e faturamento?

    O faturamento é o valor total da arrecadação feita pela empresa, não importando a origem. Já a receita representa quanto de dinheiro entrou na empresa apenas por meio das atividades que ela exerce, seja vendas ou prestação de serviço.

  5. Qual a diferença entre faturamento e caixa?

    Enquanto o faturamento é a definição de todo o valor obtido pelo negócio, o caixa é o valor que poderá ser utilizado na própria empresa, seja para investimento ou reserva financeira, por exemplo.

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.