Responsabilidade Editorial

Por que confiar no iDinheiro

O iDinheiro tem o propósito de democratizar e simplificar os serviços financeiros. Nossa missão é te ajudar a fazer as melhores escolhas, a partir das mais completas informações e recomendações sobre cada serviço.

Franquia Subway: veja quanto custa e como abrir essa franchising

A franquia Subway pode ser uma boa alternativa para quem deseja começar um negócio. Então, veja como funciona essa franchising e se realmente vale a pena abrir a sua unidade dessa lanchonete com lanches mais saudáveis!

vitor braga
Vitor Braga Estagiário de Negócios
Investimento inicialR$ 337,5 mil
Faturamento médio mensalR$ 80 mil
Prazo de retorno24 a 36 meses
Nota no Reclame AquiAproximadamente 5
VantagensModelo de negócio testado e reconhecido
Qualidade dos produtos
Treinamentos e orientações
Ajuda no financiamento bancário
Custo-benefício do investimento
DesvantagensPagamento de taxas elevadas
Dificuldade de encontrar bons pontos comerciais
Falta de flexibilidade
Sem possibilidade de inovação

Uma das formas mais seguras de abrir um negócio é fazer parceria com uma marca já existente. Dentre as possibilidades, a franquia Subway se destaca.

Segundo o Portal do Franchising, a rede tem mais de 44 mil restaurantes em 112 países. Além disso, mais de 70% dos franqueados optam por adquirir mais uma unidade da marca. Ou seja, estão satisfeitos com o investimento.

Continua após a publicidade

Outro fator positivo são os próprios resultados das franquias. Conforme dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento do setor cresceu 5% no 4° trimestre de 2021, quando comparado ao mesmo período de 2020.

Um dos melhores resultados foi no segmento de alimentação. Ele apresentou uma alta de 8,3%, chegando a um faturamento de R$ 3,14 bilhões. No acumulado do ano, a elevação foi de 12,5%.

Continua após a publicidade

Tudo isso mostra que optar por uma franquia Subway pode ser um bom negócio. Como decidir? Leia este conteúdo e saiba como começar no mundo do empreendedorismo fazendo parceria com a rede.

O que é Subway: a história de um lanche mais saudável!

A história da franquia Subway remonta a 1965. Na época, Fred DeLuca tinha 17 anos e o sonho de se tornar médico. Por indicação dos amigos, abriu uma loja de sanduíches “submarinos” para pagar os estudos.

Por isso, contraiu um empréstimo de 1 mil dólares do Dr. Peter Buck, que se tornou sócio da empreitada. Os dois amigos abriram a primeira unidade em Bridgeport, Connecticut (EUA), ainda em 1965.

O negócio deu tão certo que a meta estabelecida era a de abrir 32 lojas em 10 anos. Para alcançar esse objetivo, o propósito passou a ser administrar bem a empresa a partir dos seguintes critérios:

Continua após a publicidade

  • Servir um produto bem feito e de alta qualidade;
  • Oferecer um excelente atendimento ao cliente;
  • Manter os custos operacionais baixos;
  • Encontrar bons endereços para abrir as unidades.

Em 1974, Fred DeLuca e Peter Buck já operavam 16 lojas de sanduíche em Connecticut. Como seria impossível atingir a meta criada, a franquia Subway começou a ser estruturada e apresentou um crescimento notável.

O primeiro restaurante franqueado foi aberto em Wallingford, ainda em Connecticut. Em 1981, já havia 200 lojas abertas, todas nos Estados Unidos.

No ano seguinte, foram abertas 100 unidades. Por sua vez, em 1984, a rede abre sua primeira franquia internacional no Bahrain.

Uma curiosidade é que a marca foi a primeira rede de fast-food presente no Pentágono, ou seja, na sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

Continua após a publicidade

Subway no Brasil

A história da franquia Subway no Brasil começa em 1994. No entanto, exigia custos elevados. Com a economia começando a se recuperar da crise financeira e saindo do período de alta inflação, a iniciativa deu errado no País.

Por isso, foi somente na segunda aterrissagem da marca por aqui que tudo deu certo. Em 2003, a marca já estava bem consolidada e tinha unidades franqueadas em vários países.

Além disso, o menu tinha sido internacionalizado e adaptado a padrões e procedimentos. Portanto, a iniciativa trouxe resultados positivos — inclusive, porque a economia brasileira já estava estabilizada.

Em 2022, já são 1,6 mil lojas nos 26 estados e no Distrito Federal. O Brasil é o 4° maior mercado da rede, mas deve se expandir.

Continua após a publicidade

Conforme o presidente do Subway, Jorge Rodriguez, a expectativa é de 40 a 50 novas unidades somente em 2022.

Qual o valor da franquia Subway?

Se você se pergunta quanto custa uma franquia do Subway, saiba que o investimento inicial é de R$ 337,5 mil. A informação é do Portal do Franchising.

As lojas podem ter tamanho variado e ficar entre 40 m² e 150 m². Por isso, é possível abrir uma unidade em praticamente qualquer lugar. Por exemplo:

  • Universidades;
  • Aeroportos;
  • Hipermercados;
  • Pontos movimentados de bairro;
  • Cidades do interior;
  • Shopping centers;
  • Rodoviárias;
  • Postos de gasolina.

Em comparação com outras redes de fast-food, o valor da franquia Subway é baixo. Isso porque a estrutura exigida é simples.

Continua após a publicidade

Ainda existem outros custos. Eles devem ser considerados, porque interferem no seu negócio. Veja quais são eles:

  • Taxa de franquia: R$ 25 mil;
  • Estoque inicial: R$ 23 mil;
  • Taxa de royalties: 8% do faturamento líquido;
  • Taxa de publicidade: 4,5% do faturamento líquido;
  • Capital de giro: R$ 24 mil.

Para entender todos esses custos, é importante saber o que é franquia. Além disso, é necessário compreender o funcionamento desse modelo de negócio.

De toda forma, o preço da franquia Subway é considerado baixo pelo retorno que pode trazer. A seguir, veremos informações sobre a receita média mensal do franqueado.

Qual o faturamento médio mensal de um franqueado do Subway?

O faturamento representa quanto o empreendedor ganha em determinado período de tempo. Nas franquias do Subway, a média mensal é de R$ 80 mil. No entanto, isso varia de acordo com diferentes fatores.

Continua após a publicidade

Quando se pensa em margem de lucro, o resultado é de aproximadamente 15% do faturamento bruto mensal.

Tempo de retorno da franquia

O prazo de retorno costuma ficar entre 24 e 36 meses. Tudo depende do lucro líquido da franquia Subway, que varia conforme o tamanho da loja, a localização e outros aspectos.

De toda forma, essas informações estão disponíveis na Circular de Oferta de Franquia (COF). O documento é entregue, pelo menos, 10 dias antes da assinatura do contrato.

Como funciona e como abrir uma franquia Subway?

O processo de abertura de uma franquia do Subway é mais simples, se comparado ao de outras redes de fast-food. Isso porque tem menos regras e aceita abrir unidades no interior dos estados.

Continua após a publicidade

Além disso, como já explicamos, o negócio é versátil. Ou seja, você pode abrir lojas de diferentes tamanhos e em várias localidades.

Para saber como abrir uma franquia do Subway, é preciso executar algumas etapas. Elas são:

  1. Preencha o formulário “Registre seu interesse”, disponível no site do Subway;
  2. Insira os dados solicitados e aguarde o retorno;
  3. Caso aprovado, você receberá uma COF com um questionário detalhado;
  4. Em seguida, seu perfil passará por uma pré-avaliação e será selecionado para uma entrevista;
  5. Se houver uma nova aprovação, começa a etapa de documentação.

Depois de todos esses passos, o franqueado tem 2 anos para abrir a loja. O tempo médio para colocar a unidade em funcionamento é de 3 meses.

Esse prazo inclui reformas, treinamento etc. O que pode demorar é a emissão do CNPJ.

Continua após a publicidade

Além disso, a marca aceita diferentes perfis de empreendedores. Porém, é importante ter:

  • Noções sobre gestão;
  • Proatividade;
  • Dedicação à marca.

Vantagens e desvantagens desse tipo de franquia de lanchonete fast-food

O próprio modelo de negócio das franquias traz várias vantagens. Isso porque a marca já é conhecida e testada no mercado. Portanto, tende a ser mais bem aceita pelo público.

No que se refere especificamente à franquia Subway, os benefícios são:

  • Treinamento e orientações sobre o modelo de trabalho da empresa;
  • Auxílio na obtenção de financiamento bancário para abrir o negócio;
  • Qualidade do produto, mantida devido à compra dos insumos a partir de um fornecedor exclusivo. Assim, o padrão de sabor é assegurado em todas as unidades da rede;
  • Custo-benefício, já que o investimento inicial é baixo, quando comparado a outras lanchonetes de fast-food.

Por sua vez, existem algumas desvantagens. Por exemplo:

  • Pagamento de taxas altas, como a de royalties, a de franquia e a de propaganda;
  • Dificuldade de encontrar bons pontos comerciais, tanto é que essa decisão não é do franqueado. Isso porque a marca faz um estudo para verificar se o local tem condições de abrigar uma unidade;
  • Sem potencial de inovação, porque todas as lojas devem seguir o padrão estabelecido;
  • Falta de flexibilidade, justamente porque o franqueado precisa cumprir o que é determinado pela marca.

Franquia do Subway vale a pena?

Essa resposta depende muito do que você busca. Se o seu objetivo é começar uma empresa com menos risco de falência, a franquia é uma boa opção.

Em adição, o nome Subway é uma referência no mercado. Portanto, é bastante conhecido e aceito pelo público. Com isso, muitos franqueados têm sucesso e até adquirem novas unidades.

Nesse sentido, o ideal é verificar o que a marca tem a oferecer aos franqueados. Analise todos os quesitos da COF e tenha certeza da sua decisão antes de fechar o negócio.

Continua após a publicidade

Subway no Reclame Aqui

No perfil do Subway no Reclame Aqui, a marca possui uma nota de quase 5 pontos, numa escala que vai até 10. O resultado dos outros critérios foi:

  • Reclamações respondidas: 100%;
  • Voltariam a fazer negócio: cerca 31%;
  • Índice de solução: aproximadamente 40%

No geral, os principais problemas apontados pelos frequentadores das lanchonetes foram:

  • Mau atendimento;
  • Propaganda enganosa;
  • Qualidade do serviço prestado.

No entanto, é bom salientar que essas avaliações não dizem respeito aos serviços prestado pela marca aos seus franqueados, mas sim como os consumidores e clientes das lojas Subway avaliaram o atendimento da unidade que frequentaram.

Conclusão

Ter uma franquia Subway pode ser a oportunidade de fazer boas vendas e preparar o seu futuro. O modelo de negócio é testado, conhecido e aceito.

Além disso, os produtos são conhecidos pela boa qualidade. Porém, como nem tudo são flores, existem problemas e pontos negativos.

Continua após a publicidade

Por isso, o ideal é analisar o que você deseja e verificar se o Subway atende ao seu perfil. Assim, há maiores chances de um alinhamento de expectativas.

Afinal, abrir uma franquia Subway pode ser uma das melhores opções para começar um negócio. Pelo menos, se isso for o que você desejar no longo prazo.

Para finalizar, que tal conferir alguns dos nossos outros artigos sobre franquias? Talvez você encontre algum post que possa lhe interessar!

Gostou do conteúdo? Não se esqueça de ativar as notificações do Push e assinar a newsletter do iDinheiro para receber todas as novidades!

Continua após a Publicidade

  1. Subway. “Home page: Subway”. Link.
  2. Portal do Franchising. “Franquia Subway”. Link.
  3. Associação Brasileira de Franchising. “Numeros do Franchising/ Desempenho do Setor”. Link.
  4. Exame. ” ‘Deveremos abrir de 40 a 50 lojas no Brasil’, diz presidente da Subway”. Link.
  5. Subway. “Registre seu interesse”. Link.
  6. Reclame Aqui. “Subway”. Link.
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.