Economizar

Como pagar menos tarifas bancárias? Escolha a conta certa e economize!

Victor Leitão
Como pagar menos tarifas bancárias

Se você vai abrir uma conta corrente ou apenas alterar o pacote dos serviços tarifados, mostre que você conhece seus direitos, não deixe que seu gerente te leve na conversa.

Artigo originalmente publicado em blog.mobills.com.br. Conteúdos e comentários foram integralmente mantidos.

Como pagar menos tarifas bancárias? Escolha a conta certa e economize!

Gerenciar o orçamento doméstico não é uma tarefa fácil.

Quantas vezes sentimos o dinheiro escorrer feito areia pelos nossos dedos sem saber direito onde é que ele foi gasto?

O gerenciamento das finanças ajuda a descobrir por onde o nosso dinheiro está desaparecendo para que possamos impedir que isto ocorra.

Continua após a publicidade:

E um dos furos mais inusitados do nosso orçamento está exatamente onde menos esperamos: diretamente na nossa conta bancária.

Se a conta bancária é feita justamente para guardarmos e gerenciarmos nosso suado dinheirinho, como ela pode ser um dos vilões do nosso orçamento?

Continua após a publicidade

A resposta é simples: através das tarifas cobradas sobre serviços bancários e para a manutenção da conta.

Pequenos valores? Nada disso!

Como geralmente a cobrança é de valores “pequenos”, muitas pessoas tendem a preferir permitir as taxas do que se deslocar até a agência, enfrentar filas e burocracia, para se livrar de algo que parece insignificante.

Mas, se pararmos para fazer as contas, veremos que a soma total de todas essas tarifas não é nada insignificante, muito pelo contrário.

Não é incomum que as tarifas cobradas pelos bancos passem dos R$ 30 mensais. Porém, diluídas ao longo do extrato, raramente são notadas.

Continua após a publicidade

Acontece que uma cobrança de R$ 30 mensais equivale a R$ 360 ao ano, isso não é pouca coisa!


Como economizar dinheiro a partir de hoje: 13 dicas fundamentais


“Será que é mesmo possível não pagar tarifas bancárias?”

Mesmo que você não seja antenado nas fintechs e novas tecnologias, possivelmente já se questionou sobre a possibilidade de eliminar de uma vez por todas a cobrança de taxas e tarifas bancárias que caem em sua conta.

Contudo, talvez não tenha feito nada a respeito, nem mesmo dado um telefonema para sua agência.

A verdade é que, muitas vezes, o problema começa já na hora de abrir a conta.

Continua após a publicidade

Sabe quando você está sentado na mesa do gerente do banco e assina vários papéis para abrir sua conta? Você chegou a ler os contratos?

Provavelmente não, e é por isso que você paga várias tarifas.

Se você não perguntar e debater sobre a necessidade dessas taxas de serviço que você talvez nem utilize, dificilmente seu gerente vai explicar.

Isso porque os bancos lucram bastante com elas.

Neste artigo, você vai ver como não pagar ou, pelo menos, reduzir suas tarifas bancárias.

Vai entender que é possível ter uma conta corrente gratuita, livre de taxa de manutenção da conta, de tarifas para realizar saques, depósitos, compras no débito, transferências e outras operações bancárias tradicionais.

Continua após a publicidade

Vamos ver até mesmo opções de contas totalmente digitais para facilitar sua vida.

Ficou curioso? Então, leia este artigo até o final!

O que é tarifa bancária?

Tarifas bancárias são taxas cobradas pelo banco para prover serviços aos clientes.

Emissão de talão de cheques, saldos, extratos, transferências, segunda via de cartão, tarifas de manutenção de conta…

Anuidades de cartão de crédito, bem como saques e pagamentos de contas via cartão de crédito também entram nessa lista.

Vamos ser honestos: a maioria das pessoas não estuda cuidadosamente seu extrato bancário todos os meses. Você pode não notar a taxa se não ler as informações do banco.

Se você já era ciente dessas taxas ou se ficou ciente agora, pode decidir se quer pagá-las ou tentar um acordo com seu banco.

Continua após a publicidade

Caso as cobranças continuem te incomodando, busque opções e leve seu dinheiro para outro lugar. Você deve sempre procurar a menor tarifa bancária!

O que pouca gente ainda sabe é que, desde 2010, os bancos são obrigados a ter uma opção de conta livre de tarifas. Irei te explicar melhor sobre isso mais na frente.


Cartão de crédito sem anuidade: saiba quais são os melhores


O seu banco pode te ajudar?

Seu banco tem obrigação de te tratar de forma justa e esclarecer todas as suas dúvidas.

Então, se você descobrir que está pagando taxas que não condizem com suas necessidades, pode conversar com seu gerente do banco para chegar a um acordo e extinguir ou reduzir essas tarifas.

Continua após a publicidade

Caso não consiga, você pode, ainda, pensar em trocar de banco.

Mais uma vez, busque sempre a menor tarifa, que pode até ser nenhuma!

No decorrer do texto, você vai descobrir que já existem bancos que não cobram taxas, um deles é o Banco Inter.

Contas Digitais

Desde 01/03/2011, entrou em vigor uma medida do Conselho Monetário Nacional – CMN que instituiu a possibilidade de os bancos oferecerem aos seus clientes uma conta digital.

Entenda um pouco melhor esse conceito ao ler os tópicos abaixo e saiba como ter uma conta sem tarifas.

O que é uma conta digital?

Conta digital é uma modalidade de conta que possui serviços ilimitados gratuitos quando executados exclusivamente por meios eletrônicos.

Continua após a publicidade

São consideradas, para efeito da gratuidade do serviço, qualquer operação realizada por internet banking através de tablets, smartphones, notebooks, computadores e caixas eletrônicos.

Serviços gratuitos

O que você pode esperar de uma conta digital sem tarifas? Como o nome já diz, a maioria das operações é feita pela internet.

Então, se você utiliza o internet banking com regularidade, essa conta pode ser uma opção bastante vantajosa. A conta sem tarifas oferece os seguintes serviços gratuitamente:

  • Abertura da conta;
  • TED e DOC gratuitos (sem taxas) e ilimitados;
  • Consulta de saldo e extrato bancário via internet;
  • Saques e depósitos via caixa eletrônico;
  • Pagamento de contas e débito automático;
  • Cartão de débito via correio.

Muitas pessoas gostam de utilizar a conta poupança para economizar nas tarifas.

Contudo, a poupança ainda pode ter alguns serviços cobrados, com taxas pelo seu uso (verifique em seu banco).

Continua após a publicidade


Controle financeiro pessoal: veja o passo a passo para fazer o seu com eficiência!


Abrir ou migrar sua conta

Para aderir a uma conta digital, ou mudar sua conta para essa modalidade, basta solicitar ao gerente.

Porém, prepare-se para uma possível negativa, pois o funcionário pode tentar convencer você a continuar com a sua conta atual, já que a prioridade dos bancos é vender seus produtos e serviços.

O banco também pode sugerir a abertura ou transferência para uma conta-salário, mas atenção: ela não é a mesma coisa que a conta bancária isenta de tarifas.

A conta-salário é extremamente limitada e basicamente permite apenas depósito (por parte da empresa pagadora) e verificação de saldo e saques (em alguns bancos, limitados).

Continua após a publicidade

A conta digital ou essencial oferece quase todos os serviços utilizados pela maioria das pessoas, tendo uma maior flexibilidade de operações do que a conta-salário, sem estar vinculada com nenhuma empresa (fonte pagadora).

Como os bancos são obrigados por lei a oferecer essa opção aos clientes, seja firme.

Afinal, é o seu dinheiro e a sua saúde financeira que estão em jogo.

Dessa maneira, verifique entre todas as opções aquela que for mais adequada para você e solicite a transferência.

Qual a vantagem de uma conta digital?

A principal vantagem é que (normalmente) há isenção total de tarifas bancárias, se você utilizar a conta somente por meios eletrônicos.

Continua após a publicidade

Existe desvantagem em uma conta digital?

Eu diria que não. Aliás, isso só deverá facilitar e muito sua vida.

No entanto, depende do tipo de cliente que você é.

Se você tem o hábito de executar todas as suas operações bancárias na agência, guichê ou por atendimento no telefone, talvez demore um pouco a mais para se acostumar com essa opção de conta.

A conta digital foi pensada para ser usada exclusivamente por meios digitais.

Desse modo, qualquer serviço executado fora de um meio eletrônico poderá ser tarifado, conforme tabela de tarifas da instituição financeira.

Obs.: Para abrir essa conta nos bancos tradicionais, são necessários os mesmos documentos exigidos para a abertura de uma conta tradicional:

  • O comprovante de renda;
  • De residência;
  • A carteira de identidade;
  • E outros documentos pessoais, sem falar no deslocamento.

15 despesas mensais para cortar e economizar dinheiro


Vamos conhecer alguns bancos digitais?

Banco Inter

É possível que você nunca tenha ouvido falar deste banco.

Ao contrário dos grandes bancos que todo mundo já conhece (Caixa, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander), o Banco Inter é um banco digital de médio porte.

Continua após a publicidade

Foi o primeiro banco 100% digital do país e o único a oferecer conta corrente digital totalmente isenta de tarifas, integrada a uma completa plataforma de investimentos e outros serviços financeiros.


Como investir dinheiro: o passo a passo definitivo!


Nubank

Depois da transformação no setor de cartões de crédito, o Nubank visa transformar também o setor de serviços bancários.

Pensando nisso, passou a oferecer recentemente a NuConta. De acordo com o banco, a NuConta “não tem tarifa de manutenção ou outras tarifas escondidas”.

Você pode, por exemplo, enviar e receber dinheiro em tempo real para outras NuContas e fazer transferências (TEDs) para todos os bancos sem pagar tarifas.

Continua após a publicidade

Além disso, todo dinheiro que entra na NuConta rende automaticamente todos os dias úteis a 100% do CDI.


Entenda o que é e como funciona o investimento em RDB na NuConta


E os bancos tradicionais?

DigiConta Bradesco

No Bradesco, a conta digital recebeu o nome de DigiConta.

O cliente podia fazer vários tipos de transações utilizando o internet banking, o Bradesco Celular, o Fone Fácil e os caixas eletrônicos da instituição.

Ao aderir, o consumidor recebia um cartão que podia ser usado para movimentação da conta, além de realizar pagamento nas funções débito, crédito e crediário.

O banco oferecia ainda o serviço de Infoemail, que disponibilizava informações sobre sua conta corrente por e-mail periodicamente.

Continua após a publicidade

Percebeu que eu utilizei os verbos no passado? Pois é, infelizmente o serviço da DigiConta foi descontinuado.

O Bradesco explicou que a decisão de não oferecer mais a Digiconta ocorreu por causa do desenvolvimento de novas soluções digitais.

Nesse sentido, o banco lançou o Next, um aplicativo com visual descolado e completamente desvinculado da marca do banco.

Conta Next

Em 2018, o Bradesco lançou uma versão digital do seu banco, voltado para jovens universitários.

Continua após a publicidade

O Next propunha uma conta totalmente digital, gerenciada pelo aplicativo, com direito a cartão de crédito e acordo com operadoras para o uso do app não consumir os dados 3G.

No entanto, o cliente era obrigado a pagar uma taxa mensal pelo plano escolhido.

Pouco tempo depois, uma mudança foi feita. O Next divulgou um novo plano chamado “Na Faixa“, em que não há cobrança de nenhuma taxa mensal.

Além disso, o Next tem parcerias com empresas como Uber, iFood, Livraria Cultura, Samsung e Natura, oferecendo “mimos”, também conhecidos como descontos, aos clientes.


Aplicativo de desconto: conheça 15 que podem te ajudar a reduzir muitos dos seus gastos neste ano!

Continua após a publicidade


Superdigital Santander

No Santander, é possível abrir qualquer tipo de conta corrente de forma digital, sem precisar ir a uma agência. Mas o banco não possui exatamente uma conta corrente digital.

A opção escolhida pelo banco foi lançar o Superdigital.

A mensalidade acaba saindo grátis, desde que você gaste ao menos 500 reais por mês no cartão. Ele também oferece alguns outros serviços gratuitos.

No entanto, se exceder o limite, você deve pagar uma taxa individual por transação.

O produto foi desenhado para funcionar como um aplicativo de conversa, permitindo que o cliente interaja com seus contatos e faça suas transações, como dividir a conta do restaurante ou fazer vaquinhas para um churrasco entre os amigos.

Conta digital Itaú

Anteriormente, o Itaú contava com uma conta 100% digital e gratuita, a iConta.

Contudo, algumas mudanças foram feitas e essa possibilidade não está mais disponível, embora aqueles que já possuíam a conta, ainda possam usar o serviço.

Continua após a publicidade

Vale ressaltar, entretanto, que o banco permite abrir qualquer tipo de conta por meio de um processo totalmente digital, sem necessidade de o cliente ir a uma agência.

Você pode, inclusive, abrir uma conta de serviços básicos totalmente gratuita dentro do aplicativo.

Contas de Serviços Essenciais

É uma modalidade pouco disseminada pelas instituições financeiras, mesmo que seja obrigatória. O serviço é padronizado, conforme o Banco Central.

Nesse caso, há dois tipos de contas: conta corrente gratuita e poupança.

Veja um resumo dos serviços que devem ser oferecidos gratuitamente por qualquer banco para os dois tipos de conta.

Para conferir a lista completa, basta clicar no link acima.

Conta corrente

  • Cartão com função débito;
  • 10 folhas de cheque e compensação de cheques;
  • 2 extratos mensais de conta;
  • 4 saques em caixa eletrônico ou guichê de caixa;
  • 2 transferências entre contas da própria instituição;
  • 2 transferências entre contas de mesma titularidade;
  • Consultas ilimitadas via internet.

Conta poupança

  • Cartão para movimentar a conta;
  • 2 extratos mensais de conta;
  • 2 saques em caixa eletrônico ou guichê de caixa;
  • 2 transferências entre contas de mesma titularidade;
  • Consultas ilimitadas via internet.

Obs.: Qualquer serviço excedente será cobrado a parte.

Saiba como pagar menos tarifas bancárias se não quer mudar de conta

Consolide suas contas

Muitos bancos oferecem taxas reduzidas a clientes que possuem uma combinação de contas, sejam corrente ou de poupança, cheques e empréstimos.

Continua após a publicidade

Em particular, você pode economizar nas tarifas de cheque, ou taxas que podem surgir caso seu saldo fique no vermelho quando sua conta corrente está “vinculada” a uma conta poupança no mesmo banco.

Verifique com o banco que detém seus empréstimos ou mesmo com sua operadora de seguros para ver se seu banco oferece contas com benefícios como a redução de tarifas por ter vários produtos com eles.

Verifique seus extratos

Revise seu extrato bancário com cuidado, todos os meses.

Procure por qualquer taxa listada que você não esperava.

Se você acha que seu banco cometeu um erro, entre em contato com a central de atendimento ao cliente.

Mesmo que não seja um erro, você pode pedir que o atendente te explique detalhadamente como as taxas são cobradas e como você pode evitá-las.

Continua após a publicidade


Gestão financeira pessoal: a tecnologia como sua maior aliada


Abandone as contas em papel

Se você ainda recebe documentos em papel pelo correio, esta é uma oportunidade de evitar outra taxa.

Alguns bancos cobram por documentos em papel.

Nesse caso, opte por receber as faturas de suas contas on-line para economizar dinheiro.

Mantenha um saldo mínimo

Também é possível evitar taxas de serviço mensais se você entrar em acordo com seu banco para reduzir essas taxas quando você mantém um saldo mensal mínimo na conta.

Se você tiver produtos adicionais com esse banco (por exemplo, um financiamento ou cartão de crédito), pergunte se o seu banco oferece descontos sobre taxas de serviço.


10 dicas para usar melhor seu cartão de crédito


Contas universitárias

Bancos oferecem contas bancárias básicas sem taxas mensais para clientes mais novos e estudantes.

Sendo assim, verifique qual banco oferece as melhores condições para você.

Essa é a melhor opção para quem está começando a lidar com dinheiro.

Use somente os serviços bancários on-line

Existem diversos tipos de contas disponíveis que oferecem descontos ou até mesmo serviços bancários totalmente gratuitos se você usar exclusivamente a modalidade on-line.

Continua após a publicidade

Uma das mais conhecidas nesse modelo é a NuConta, da fintech brasileira Nubank.


NuConta, a conta-corrente do Nubank, vale a pena?


Planeje suas retiradas

Quantas vezes por mês você faz saques em um banco?

Se o seu pacote de conta tiver um número limitado de retiradas, faça menos saques, mas em valores maiores, para economizar nas taxas.

Faça sua pesquisa

Como qualquer coisa que você compra, você nunca deve pegar a primeira oferta.

Procure um banco que se adapte ao seu estilo de vida para que você possa manter mais do seu dinheiro. Experimente bancos diferentes, compare também com os bancos on-line.

A maioria das informações que você precisa podem ser encontradas na internet.

Só então, depois de fazer sua busca, vá ao banco pessoalmente. Faça todos os seus questionamentos e pergunte especificamente sobre as tarifas bancárias.

Deixe-os saber que você não pagará taxas de serviço mensais e pergunte como evitá-las. Se o banco disser que não é possível, vá para outro lugar.

Continua após a publicidade

Toda essa pesquisa pode ser um trabalho árduo, mas no final, valerá à pena.

Faça a escolha certa e você economizará bastante.


Como gastar menos do que você ganha? Aprenda a desenvolver este hábito!


Use um cartão de débito

Muitos bancos podem renunciar a taxas se você concordar em usar seu cartão de débito um certo número de vezes por mês.

Isso porque os bancos coletam valores dos comerciantes que aceitam esse meio de pagamento.

Verifique se o seu pacote da conta é adequado às suas necessidades

Se você usar mais do que o número de transações permitidas pelo seu plano atual, pagará taxas por cada transação excedente do custo do pacote mensal.

Um plano de taxa de serviço diferente que pode parecer custar um pouco mais a cada mês pode salvá-lo a longo prazo, eliminando taxas adicionais por transação.

Analise cada produto oferecido

Quando integrados em um pacote, os preços dos serviços ficam mais baratos. Mas o ideal é observar, individualmente, cada produto oferecido pelo banco.

Continua após a publicidade

Muitas vezes, clientes acabam contratando itens que não utilizam só porque estão inseridos no pacote.

Faça uma lista de quais serviços precisa e procure por um pacote que inclua apenas eles. Contratar 45 DOCs por mês pode ser desnecessário caso você faça apenas 15, ainda que o valor do pacote seja atrativo.

Solicitar a emissão de um extrato semanal no terminal eletrônico também pode ser desnecessário, assim como receber talões de cheque pelo correio. Imprima no caixa eletrônico e economize.


DOC ou TED: qual o melhor na hora de transferir?


Conclusão

Considerando tudo que mostramos neste artigo, a principal orientação é:

Se você vai abrir uma conta corrente ou apenas alterar o pacote dos serviços tarifados para os serviços essenciais, mostre que você conhece seus direitos, não deixe que seu gerente te leve na conversa.

Continua após a publicidade

O trabalho dele é te oferecer o pacote mais completo, mesmo que ele seja cheio de tarifas e não faça sentido para você.

Então, nade contra a corrente se for preciso e exija seu direito de uma conta livre de taxas!

Se não conseguir, considere a possibilidade de mudar de banco. Já te apresentamos algumas das melhores alternativas.

Por último, mas não menos importante, entenda que se você quer alcançar a liberdade financeira algum dia, tem que buscar todas as formas possíveis de economizar.

Continua após a publicidade

Além disso, jamais gaste dinheiro à toa!

Você provavelmente tem que se esforçar tanto para ganhá-lo, então, valorize-o.

Faça seu controle financeiro com dedicação e aproveite todos os recursos que o Mobills oferece para atingir a tranquilidade financeira o mais rápido possível e realizar seus sonhos.

O quê? Não vai me dizer que você ainda não usa o Mobills.

Mais de 7 milhões de pessoas já mudaram suas vidas com o nosso app, venha você também fazer parte dessa história de sucesso!

P.s.: Gostou do artigo Como pagar menos tarifas bancárias? A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.


APRENDA MAIS:

Desafio das 52 semanas para poupar dinheiro: veja como fazer e junte até R$ 13.780,00 em 1 ano!


Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *