Calculadora correção de valores por índice

Correção de um valor pelos principais índices de inflação do Brasil.

Cálculo de correção de valor por índice

Valor
Digite o valor à ser corrigido.
Selecione a data inicial para calculo da correção.
Selecione a data final para calculo da correção.
Selecione o Índice desejado para o cálculo da correção do valor.

Resultado

Valor corrigido

Tabela mensal

A B C (AxB) A+C
Nº. Ref. Valor Inicial Cotação Índice (%) Valor Correção Valor FInal

Se você veio conhecer nossa calculadora correção de valores por índice, provavelmente é porque precisa corrigir algum valor que sofreu desvalorização ao longo do tempo. Você sabe como funciona esse movimento de preços chamado inflação e quais são os índices que medem isso? Explicamos tudo logo abaixo.

O que é inflação?

Inflação é como chamamos o aumento generalizado dos preços ao longo do tempo. Esse é um movimento normal da economia e que, quando controlado, indica crescimento do país. No Brasil, a inflação é medida por alguns índices, calculados mensalmente, por instituições como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Continua após a publicidade

Quais são os índices de inflação no Brasil?

Assim como temos diferentes setores econômicos, também temos diferentes índices para medir a inflação nesses setores. Os mais conhecidos, são: IPCA, INCC e IGP-M.

Existem, ainda, alguns outros índices e suas variações, como você pode ver na tabela abaixo.

Continua após a publicidade

ÍndiceO que é
IPCA
Significa Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. É o índice oficial de inflação do Brasil, medido pelo IBGE. Baseia-se em uma cesta de produtos e serviços e mostra o que a população consome e quanto gasta em cada produto ou serviço. O IPCA retrata uma parcela ampla de famílias que têm renda mensal de 1 a 40 salários mínimos e vivem em 16 capitais brasileiras.
IPAÉ o Índice de Preços ao Produtor Amplo, disponibilizado pela FGC e que mede a variação de preços de produtos agrícolas e industriais, desde os atacadistas até o varejo. Algumas variações são o IPA-DI, IPA-M e IPA-10, coletados em diferentes dias do mês.
IPCO Índice de Preços ao Consumidor é de responsabilidade da FIPE e mede dados de habitação, alimentação, saúde, transportes e educação na cidade de São Paulo. O índice reflete o custo de vida de famílias que ganham entre 1 e 10 salários mínimos mensais.
INCCSignifica Índice Nacional de Preços da Construção Civil. Ele é medido pela FGV e funciona como o índice oficial de inflação da construção civil, refletindo a variação de preços de materiais de construção, mão de obra, etc. Por isso, é usado pelas construtoras para financiamentos e outros negócios.
IGPÍndice Geral de Preços, também medido pela FGV, engloba três outros índices na sua composição: 60% IPA, 30% IPC e 10% INCC. É bastante usado em reajustes de aluguéis e possui algumas variações como o IGP-M e o IGP-DI, que diferem apenas pelos períodos do mês em que são calculados.
INPCParecido com o IPCA, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor também é de responsabilidade do IBGE, mas considera uma parcela menor da população. Em seu cálculo, entram famílias de 11 capitais brasileiras que ganham entre 1 e 5 salários mínimos.
ICVO Índice do Custo de Vida, assim como o IPC, mede dados da cidade de São Paulo. Divulgado mensalmente pelo DIEESE, seu objetivo é calcular a renda necessária para manter os padrões de consumo da população paulista. Em seu cálculo, estão 3 grupos de famílias: baixa (1 a 3 salários mínimos), média (1 a 5 salários mínimos) e alta (1 a 30 salários mínimos) renda.

Por que usar uma calculadora de correção de valores?

Por causa do aumento generalizado dos preços, podemos dizer que o dinheiro que temos hoje vale menos do que aquele que tínhamos há alguns anos ou décadas. Pense comigo: o que você comprava com R$ 100 em 1999? E o que consegue comprar agora com o mesmo valor? Bem menos coisas, certo?

Por isso, corrigir valores baseado nos índices de inflação nos ajuda a mensurar essa desvalorização. Assim, conseguimos entender como nosso poder de compra diminui ao longo do tempo, ou seja, quanto mais de dinheiro precisamos para adquirir algo ou quanto esse item vale hoje em dia.

Por exemplo, digamos que você ganhava um salário de R$ 1000,00 em abril de 2000. Usando a nossa calculadora e corrigindo esse valor pelo IPCA, em abril de 2021, os mesmos mil reais valem R$ 3.537,88. Uma grande diferença, não?

Esse é um bom parâmetro para saber se você deveria estar ganhando mais hoje em dia ou se seu salário tem sido reajustado pela inflação ao longo dos anos. Infelizmente, esse ajuste não acontece mensalmente e vamos perdendo poder de compra ao longo do ano, por isso, é importante ficar atento a isso para não sair do orçamento doméstico.

Continua após a publicidade

Outros usos para a calculadora correção de valores:

  • saber quanto vale um imóvel hoje;
  • saber se um investimento superou a inflação;
  • calcular um reajuste salarial;
  • calcular um reajuste de parcela ou aluguel.

Exemplos de uso da calculadora correção de valores por índice

Para exemplificar o uso da calculadora, fica mais fácil se visualizarmos isso em alguns exemplos. Vamos ver como fazer a correção de valores por índice para atualizar um salário e o preço de um imóvel.

Correção do valor de um salário

Imagine que você iniciou um emprego em janeiro de 2020 e seu salário era de R$ 1.000. Não houve aumento, até então, mas você gostaria de saber quanto deveria estar recebendo hoje se a inflação fosse considerada. Veja como fazer o cálculo na nossa calculadora:

exemplo de uso da calculadora correção de valores por índice

Nesse caso, usamos o IPCA, pois se trata do índice oficial de inflação do país. Vejamos o resultado:

resultado do cálculo de correção

Isso quer dizer que, caso seu salário fosse corrigido pela inflação, você deveria estar recebendo R$ 1.117,28 hoje. Em outras palavras, você perdeu um poder de compra de R$ 117,28. Dessa forma, podemos dizer que, para comprar o que R$ 1.000 comprava em janeiro de 2020, hoje seria preciso ter R$ 1.117,28.

Continua após a publicidade

É assim que o dinheiro se desvaloriza ao longo do tempo e, por isso, deixá-lo parado na conta corrente ou conta salário, por exemplo, não é uma boa ideia.

Correção do valor de um imóvel

Agora, suponha que você adquiriu um imóvel no ano de 2010, pelo qual pagou R$ 100.000. Hoje, está pensando em vendê-lo e gostaria de saber quanto esse imóvel vale, pelo menos na correção de valores.

Para esse cálculo, vamos usar o IGP-M, pois é o índice mais comumente usado em reajustes de alugueis:

exemplo de correção de valores pelo igp-m

Pronto, agora é só ver o valor corrigido:

resultado da calculadora correção de valores pelo índice igp-m

Como você pode ver, seu imóvel vale, hoje, R$ 265.082,42, considerando apenas a correção pelo IGP-M. Para saber se você vai ganhar dinheiro na venda, é preciso saber o valor de mercado, pois ele precisa superar essa correção para valer a pena.

Continua após a publicidade

Ainda, podemos que dizer que, se você quisesse adquirir o mesmo apartamento hoje em dia, precisaria desembolsar mais R$ 165.082,42, além dos R$ 100.000 iniciais.


Viu como é importante usar uma calculadora de correção de valores para entender como seu poder de compra se comporta ao longo do tempo?

A inflação faz parte do nosso sistema econômico, mas precisamos ficar atentos para que nosso dinheiro não desvalorize além do necessário. Nesse sentido, reajustes e investimentos financeiros podem ajudar a amenizar essa diferença, pois trazem mais valor para nosso capital.

Perguntas frequentes

  1. O que é correção monetária?

    A correção monetária (ou atualização monetária) é a atualização de um valor por um índice específico, como o IPCA ou o IGP-M. Esse reajuste compensa a desvalorização de uma moeda, nesse caso, o real.

  2. Qual índice de correção monetária usar?

    Existem diversos índices de inflação, sendo o IPCA o mais abrangente. Para fazer a correção monetária, é preciso escolher aquele que melhor representa a desvalorização do valor em questão.

  3. O que é o valor corrigido?

    É o valor atualizado após a correção monetária, ou seja, quanto o valor inicial vale atualmente. Quanto maior o valor corrigido, maior a desvalorização do número inicial.

Continua após a Publicidade