Plano de saúde empresarial: veja como funciona e quais as vantagens!

O plano de saúde empresarial pode ser uma boa escolha para os negócios que desejam oferecer benefícios para os funcionários. Entenda mais sobre ele!

12669432_1218137561529803_7092902009906739723_n
Thainá Cunha

Você já pensou em contratar um plano de saúde empresarial? Com a pandemia, houve uma mudança na percepção das pessoas quanto aos benefícios oferecidos pela empresa em que trabalha ou deseja trabalhar.

Na segunda edição de uma pesquisa realizada pela Robert Half Talent Solutions em julho de 2021, com profissionais de diferentes níveis, setores e áreas de atuação, a assistência médica ficou entre os cinco benefícios mais importantes, seguido por vale-alimentação, vale-refeição, aporte na previdência por parte da empresa e notebook.

Continua após a publicidade

Um dos pontos destacados pelos entrevistados é a possibilidade de benefícios flexíveis ou a escolha dos benefícios, já que cada colaborador tem uma necessidade diferente. Afinal quando a ideia é atrair e reter os melhores talentos, os benefícios podem ser tão importantes quanto o salário. 

Por isso, nesse artigo, você poderá entender como funciona um plano de saúde empresarial e tirar as suas principais dúvidas sobre o tema. Confira!

Continua após a publicidade

O que é o plano de saúde empresarial?

O plano de saúde empresarial é um benefício oferecido pela empresa para viabilizar que seus colaboradores tenham acesso à assistência médica particular para consultas médicas, exames e internação hospitalar. Ainda, nesse tipo de plano, pode haver a possibilidade de inclusão dos familiares.

Embora não seja obrigatório oferecer plano de saúde empresarial, há regras que devem ser cumpridas quando a companhia passa a disponibilizá-lo, conforme a Lei 9656 de 1998. Dentre elas, não se pode deixar nenhum colaborador sem esse benefício, por exemplo.

Qual a diferença entre plano de saúde individual e empresarial?

O plano de saúde empresarial é adquirido a partir de um CNPJ, seja MEI, pequena e média empresa (PME) ou grande empresa. Para que seja válido, o CNPJ precisa ter sido aberto na Receita Federal há, no mínimo, 180 dias.

A principal diferença entre o plano de saúde individual, que é adquirido por uma pessoa física, e o empresarial são os valores. Por ser uma contratação coletiva, os empresariais chegam a ter redução de até 40% em comparação aos individuais.

Continua após a publicidade

Aproveite e confira os melhores planos de saúde para contratar em 2022!

Quanto custa um plano de saúde empresarial?

O custo desse benefício dependerá da prestadora a ser contratada. Cada uma delas tem sua própria tabela, cujos preços variam de acordo com a faixa etária do colaborador, seu estado civil e número de filhos, a abrangência (regional ou nacional) e a cobertura escolhida (ambulatorial, hospital ou misto).

Assim, para saber quanto custa, a nossa dica é fazer um cálculo das propostas em um simulador, incluindo o número de colaboradores em cada faixa etária, o estado civil deles (para inclusão de dependentes), o plano empresarial desejado e a cotação sem ou com coparticipação.

Além disso, vale a pena pesquisar no site da Agência Nacional de Saúde (ANS) para conferir as avaliações dos serviços.

Como funciona a contratação?

Muitos empreendedores ainda acham que é preciso ter muitos colaboradores para contratar um plano de saúde empresarial, mas, isso não é verdade. O requisito mínimo de integrantes geralmente é de dois a três colaboradores e, se você é MEI, também faz parte dessa categoria.

Continua após a publicidade

Não esqueça da carência, que é o tempo necessário para poder começar a utilizar o serviço. A ANS é quem atualiza o tempo de carência e os valores dos reajustes de todos os tipos de planos de saúde.

Então, lembre-se de que o colaborador não é obrigado a aceitar o plano proposto pela empresa. Isso porque ele já pode ter feito esse tipo de contratação de maneira individual, por exemplo. Aí basta avisar ao setor de RH da companhia para não ser descontado.

Quais são as modalidades?

As modalidades mais oferecidas pelas empresas são integral e plano de saúde empresarial com coparticipação. Confira abaixo!

Plano de saúde empresarial integral

No caso do plano de saúde empresarial integral, a empresa paga o valor total da mensalidade do convênio, logo, colaborador dependentes não precisam desembolsar nenhum valor para utilizá-lo.

Continua após a publicidade

O desconto não pode exceder 70% do rendimento bruto do funcionário. Ainda, segundo a CLT, ele deve ser somado a outros benefícios como vale refeição, INSS e FGTS, entre outros.

Plano de saúde empresarial com coparticipação

Já no caso do plano de saúde empresarial com coparticipação, a empresa divide o valor da mensalidade do convênio com seu colaborador. Esse valor só precisará ser pago quando o plano for utilizado, ok?

Vale estar atento para o fato de que o desconto da coparticipação, referente ao período de um ano, não pode ser maior do que 12 meses de utilização do plano. Além disso, pode ser de até 30% do salário.

Quais são as vantagens para a empresa?

Ao contratar plano de saúde empresarial para seus colaboradores, a empresa se diferencia no mercado, demonstra sua preocupação com a saúde deles e, consequentemente, acaba por atrair mais candidatos interessados em suas vagas e, atraindo e retendo os melhores talentos.

Continua após a publicidade

Quais as desvantagens?

Antes de contratar o plano, é preciso se organizar e colocar no papel o custo financeiro que isso terá para o seu negócio, a fim de evitar surpresas ruins.

Como contratar?

Para fazer a contratação, basta fazer o cálculo das propostas em um simulador, incluindo o número de colaboradores em cada faixa etária, o estado civil deles (para inclusão de dependentes), o plano empresarial desejado e a cotação sem ou com coparticipação.

Quando vale a pena contratar um plano de saúde para empresas?

Para os empresários que desejam se diferenciar no mercado, demonstrar sua preocupação com a saúde dos colaboradores, atrair e reter os melhores talentos, vale a pena contratar um plano de saúde para a empresa.

Afinal, com a pandemia, esse benefício passa a ser ainda mais relevante para todas as pessoas.

Gostou deste post sobre plano de saúde empresarial? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Perguntas frequentes

  1. O que é o plano de saúde empresarial?

    É um benefício oferecido pela empresa para viabilizar que seus colaboradores tenham acesso à assistência médica particular.

  2. Qual valor do plano de saúde empresarial?

    O valor dependerá da prestadora a ser contratada. Cada uma delas tem sua própria tabela, cujos preços vão variar de acordo com a faixa etária do colaborador, seu estado civil e número de filhos, a abrangência (regional ou nacional) e a cobertura escolhida (ambulatorial, hospital ou misto). 

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.