Aumento na conta de luz obriga consumidor a economizar energia; veja dicas

Aumento recente na conta de luz causado pela criação da nova bandeira tarifária pode fazer com que o consumidor busque por novas formas de economizar. Entenda.

Isabella Proença
Isabella Proença

Devido a alta recente na conta de luz, os consumidores brasileiros têm procurado formas de economizar no consumo de energia elétrica para não pagar tão caro no fim do mês.

O aumento entrou em vigor no dia 1º de setembro, quando foi acrescido o valor de R$ 14,20 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos, após a criação da bandeira de escassez hídrica.

Continua após a publicidade

A cobrança extra será realizada até 30 de abril de 2022 e, de acordo, com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), deixará a conta de luz em média 6,78% mais cara.

A bandeira de escassez hídrica veio para substituir a bandeira vermelha 2, que estava em vigor desde junho e já havia sofrido um reajuste de 52% em julho. O governo afirmou que a bandeira foi criada devido a escassez de chuvas nas usinas hidrelétricas.

Diante disso, a opção é adotar novos hábitos para economizar ao máximo no consumo de energia.

No site Consumo Consciente Já, existem várias dicas que podem ajudar o consumidor brasileiro a diminuir o valor pago na conta de energia elétrica dos próximos meses.

Como economizar energia elétrica e pagar mais barato na conta de luz?

Hábitos simples, como retirar os televisores e aparelhos de som da tomada já ajudam a minimizar a pressão sobre a conta de luz, uma vez que, mesmo em stand by, esses aparelhos consomem energia.

Além disso, também é importante não deixar a TV ou qualquer outro aparelho ligado sem necessidade, assim como os carregadores de celulares.

Outra dica relevante é optar por equipamentos que tenham classificação A do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) ou selo Procel.

Essa recomendação é válida para todos os equipamentos que utilizam energia elétrica, como secadores, ferros de passar, microondas, televisores, geladeiras, ar condicionado, entre outros.

Confira mais algumas dicas de como diminuir o valor da conta de luz, abaixo:

  • Substitua as lâmpadas halógenas por lâmpadas LED;
  • Apague as lâmpadas que não estiverem em uso;
  • Aproveite a luz natural ao máximo, mantendo as janelas abertas;
  • Lave o máximo de roupas possível de uma só vez na máquina de lavar;
  • O chuveiro elétrico e o ferro de passar são os verdadeiros vilões no consumo doméstico de energia. Sendo assim, use-os de maneira consciente;
  • Se possível, opte pelos sistemas solares para o aquecimento da água. Além de mais econômicos, eles ajudam a preservar o meio ambiente;
  • Em locais mais quentes, também é preciso utilizar o ar-condicionado de maneira consciente. Uma dica importante é escolher o equipamento correto de acordo com o tamanho do cômodo;
  • No caso de freezer e geladeiras, é importante checar a vedação dos aparelhos. Verifique regularmente o estado das borrachas, pois isso contribui para o desperdício de energia;
  • Também não é aconselhável secar roupas atrás da geladeira, pois isso aumenta o consumo de energia e sobrecarrega o aparelho.

Quer continuar acompanhando notícias como essa, sobre a necessidade de economizar energia devido ao aumento da conta de luz? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.