Quais as taxas da Moderninha Plus, Moderninha Pro e Minizinha do PagSeguro?

Confira quais são as taxas da Minizinha e da Moderninha e saiba quais as diferenças de custos conforme os tipos de transação no PagSeguro!

12669432_1218137561529803_7092902009906739723_n
Thainá Cunha
Taxas da maquininha PagSeguro 30 dias14 diasNa hora
Débito1,99%
Crédito à vista3,19%3,99%4,99%
Crédito parcelado3,79%4,59%5,59%
Taxa da Minizinha, taxa da Moderninha e taxas Moderninha Plus

Para vendedores que consideram adquirir uma maquininha PagSeguro, um dos principais pontos de avaliação é a taxa da Minizinha.

O modelo está entre os mais populares do mercado, por apresentar um catálogo amplo, bom custo-benefício e diversas vantagens para o empreendedor.

Continua após a publicidade

No entanto, é fundamental conhecer também as tarifas de operação que ela pode apresentar. Afinal, este será o valor que o vendedor pagará a cada compra concretizada no seu negócio.

Por esse motivo, vale a pena conferir a taxa da Minizinha e da Moderninha, dois dos modelos mais procurados do mercado, e conferir as tarifas que integram seu serviço antes de contratar a maquininha.

Continua após a publicidade

Minizinha-NFC

Taxa da Minizinha

Uma das características que mais se destacam na linha de maquininhas da PagSeguro são suas tarifas, especialmente a taxa da Minizinha.

A Minizinha NFC e Minizinha Chip 3 possuem uma série de funções práticas para auxiliar novos empreendedores em seu negócio, mas mantendo seus juros de operação em uma média competitiva.

Atualmente, essa tarifa na linha Minizinha é de 1,99% no débito, por um ano. Essa promoção é válida para novos clientes, que, ao adquirirem um modelo da maquininha, podem aproveitar a taxa reduzida dentro de 12 meses.

Enquanto isso, os valores para crédito à vista e crédito parcelado variam de acordo com o prazo de recebimento, sendo a partir de 3,19% e 3,79%, respectivamente.

Continua após a publicidade

Vale a pena destacar que esses valores se aplicam no período de 30 dias a contar da venda, enquanto prazos de 14 dias e 1 dia útil podem contar com valores mais altos.

Além disso, é importante reforçar que a taxa da Minizinha no débito possui recebimento imediato. Assim, todas as compras pagas nessa modalidade caem na hora para o vendedor.

As compras no débito são aquelas que são descontadas diretamente da conta do consumidor, e, portanto, disponibilizadas para a empresa de imediato. Por isso, as taxas são menores

Para o comerciante, além das taxas menores, o débito tem a vantagem de estar disponível sem a necessidade de aguardar.

Continua após a publicidade

Taxas no crédito

Ao falar sobre a taxa da Minizinha, é importante pontuar que a venda no crédito é um pouco diferente do débito, dependendo do plano de recebimento e bandeira do cartão de crédito. Além disso, também pode mudar conforme a operação, se feita no crédito à vista ou parcelamento.

Essa distinção também pode influenciar nas vendas de acordo com o tipo do cartão.

Isso porque é possível aceitar cartões com chip e com tarja. Embora as informações de ambos sejam devidamente lidas, algumas bandeiras podem operar de forma diferente.

Os cartões que não possuem chip, onde o pagamento é feito por tarja, não podem ser antecipadas.

Ou seja, as vendas são recebidas em 30 dias independente do plano de recebimento. Isso é recorrente em cartões como American Express e Diners. 

Continua após a publicidade

Para eles, se aplica somente uma parte da taxa da Minizinha, sendo 3,59% nas vendas no crédito à vista e 4,19% nas vendas no parcelado.

Além disso, no crédito é possível parcelar as compras em até 12 vezes. Contudo, além das tarifas convencionais, existe a cobrança de mais 1,41% ao mês.

Para pagamentos acima de 12 parcelas, será necessário consultar a disponibilidade do emissor do cartão.

Moderninha-Pro

Taxas da Moderninha

Assim como a taxa da Minizinha é um fator importante para a análise da maquininha, o mesmo se aplica para a Moderninha, modelo também popular entre os empreendedores que estão começando.

Continua após a publicidade

Ela apresenta uma série de características práticas, além de modelos completos, como a Moderninha Smart e Moderninha Pro, que são vantajosos para negócios que estão começando sua expansão no mercado.

Além disso, as taxas não apresentam variação, mesmo em diferentes categorias.

Isso porque a PagSeguro aplica as mesmas tarifas em todos os seus modelos atuantes, modificando apenas o preço da taxa única de adesão para cada um.

Em outras palavras, a taxa da Moderninha é a mesma taxa da Minizinha, sem alterações.

Dessa forma, empreendedores que optarem por seu modelo não precisarão se preocupar com tarifas distintas na operação.

Continua após a publicidade

E, uma vez que a taxa de adesão é paga e a maquininha se torna propriedade definitiva do empreendedor, os juros de operação se tornaram as únicas despesas vinculadas ao uso do equipamento.

Imagem da https://click.afiliados.uol.com.br/Clique?idtUrl=384253&cpg=Mzg0MjUz&source=15&type=link&creative=TW9kZXJuaW5oYSBQbHVzIC0gTGFuZGluZyBQYWdl&affRedir=https%3A%2F%2Fpagseguro.uol.com.br%2Fcampanha%2Fmoderninha-plus-do-pagseguro.html%3Faff_source%3Ddd91983a381b49ceac4a6a6f656101e9

Taxa da Moderninha Plus

A Moderninha Plus é uma categoria que passa por constantes atualizações para oferecer ao vendedor os melhores pacotes de benefícios do mercado.

Indicada para estabelecimentos comerciais e prestadores de serviço, se destaca por permitir até 6 vendedores simultâneos operando com o mesmo aparelho.

Assim, além de prática, ela também garante uma expansão maior do negócio, com a colaboração de outros profissionais e economizando recursos.

Continua após a publicidade

Enquanto isso, as taxas da Moderninha Plus seguem o mesmo padrão da taxa da Minizinha, uma vez que a PagSeguro não apresenta distinções entre os modelos.

Dessa forma, as tarifas cobradas são as mesmas:

  • 1,99% no débito;
  • a partir de 3,19% no crédito à vista;
  • a partir de 3,79% no crédito parcelado.

Ainda, também se aplicam as alterações por conta do prazo de recebimento e pelo número de parcelas que o comprador optou por dividir.

Taxas de vendas no voucher

Ainda, as máquinas de cartão Moderninhas Pró e Plus, Minizinha e Minizinha Chip, aceitam cartões voucher.

Eles são os populares cartões-alimentação e vale-refeição, pagos por empresas para seus contratados, comumente para assalariados no regime CLT.

Continua após a publicidade

O valor depositado em vouchers é usado, majoritariamente, para alimentação, de modo que costumam ser aceitos apenas em estabelecimentos desse ramo.

Isso porque somente com comprovações de alvará e contrato o empreendedor consegue autorização da maquininha para receber pagamentos com vouchers.

Dessa forma, os portadores desse tipo de cartão podem pagar suas compras alimentícias e refeições com o cartão especial.

Contudo, no tocante às taxas pagas pelo vendedor, as condições são especificadas pela administradora dos cartões e não pela Pagseguro.

Continua após a publicidade

Isso porque depende de um contrato direto e negociações de taxas, ambos feitos diretamente entre a operadora e o vendedor.

Atualmente, as bandeiras de voucher aceitas pelas maquininhas PagSeguro incluem:

  • Alelo;
  • Sodexo.
  • Ticket;
  • VR Benefícios;
  • Ben Visa Vale.

Nesse caso, o vendedor deve consultar as taxas com cada empresa, para poder calcular seus recebimentos e outros valores de operação.

Tarifas de antecipação da vendas

Por fim, uma facilidade que a maioria das máquinas de cartão sem aluguel oferecem é a possibilidade de antecipação das vendas.

Nesse caso, isso ocorre com os pagamentos feitos pelo cartão na função crédito. Nos equipamentos mais tradicionais, as primeiras parcelas eram recebidas somente em 30 dias.

Continua após a publicidade

Mesmo no caso de adiantamento do valor do parcelamento, o total não era recebido antes desse prazo.

Assim, para o pequeno empreendedor, esse tipo de espera pode prejudicar a administração do negócio, especialmente por deixar de movimentar seu capital de giro e seu fluxo de caixa.

Por outro lado, com a antecipação dos valores das vendas, fica mais fácil ter recursos para seguir com as demais etapas das vendas, como pagar os fornecedores e fazer novos investimentos no negócio.

Pensando nisso, a PagSeguro também passou a oferecer essa possibilidade para os vendedores, com antecipação para 14 dias ou 1 dia útil.

Continua após a publicidade

No entanto, as tarifas seguem a taxa da Minizinha, com juros um pouco mais elevados.

Enquanto o débito permanece o mesmo, a tarifa no crédito à vista passa de 3,19% para 3,99% ou 4,99%, dependendo da antecipação.

O crédito parcelado depende do número de mensalidades, mas o valor total também possui desconto de 4,59% ou 5,59%.

Por isso, embora seja uma possibilidade interessante para o vendedor, é importante ficar atento para a cobrança adicional.

Continua após a publicidade

Exemplos de recebimento

Por fim, para o vendedor entender como funciona a taxa da Minizinha e da Moderninha, pode conferir alguns exemplos de recebimento.

Por exemplo, imagine que um vendedor realizou uma venda de R$100 no cartão. Independente do modelo contratado, o total será o mesmo, seguindo as diretrizes da administradora.

No débito, o vendedor receberá R$97,61.

Enquanto isso, o recebimento no crédito à vista seria de:

  • Na hora: R$95,01;
  • Em 14 dias: R$96,01;
  • Em 30 dias: R$96,81.

Ainda, de acordo com a taxa da Minizinha, o recebimento dessa venda no crédito parcelado em 2 vezes seria:

  • Na hora: R$90,09;
  • Em 14 dias: R$91,09;
  • Em 30 dias: R$91,89.

Vale dizer que os recebimentos em mais parcelas podem variar. Por isso, vale a pena conferir o detalhamento das taxas no site do PagSeguro.

Continua após a publicidade

Usar uma calculadora de preço de vendas também pode ser interessante para ajudar o vendedor a administrar seus recebimentos.

A taxa da Minizinha e da Moderninha estão em conta?

Em comparação a outras tarifas do mercado, a taxa da Minizinha e da Moderninha podem ser consideradas competitivas.

Além dos demais benefícios que os modelos da PagSeguro apresentam, esses equipamentos também contam com tarifas em conta.

No entanto, existem outros modelos que podem ter juros de operação menores no mercado, de modo que vale a pena realizar uma avaliação mais detalhada antes de optar por um aparelho pelas taxas apresentadas.

Dessa forma, você poderá adquirir a maquininha ideal para o seu negócio, com as taxas que combinam com o seu bolso.

Perguntas frequentes

  1. Quanto é a taxa da Minizinha?

    A taxa da Minizinha é 1,99% no débito, a partir de 3,19% no crédito à vista e 3,79% no crédito parcelado.

  2. Como calcular a taxa da Minizinha?

    Para calcular a taxa da Minizinha, o vendedor pode acessar o simulador do PagSeguro, ou subtrair o valor convertido no total das vendas, levando em conta o prazo de recebimento.

  3. Quanto é a taxa da moderninha Plus?

    A taxa da Moderninha Plus é a mesma taxa da Minizinha, seguindo as mesmas regras.

  4. Como calcular a taxa da moderninha Plus?

    Por ser a mesma taxa da Minizinha, basta subtrair o valor convertido do total, ou conferir o simulador do PagSeguro.

Continua após a Publicidade

2 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.