Previdência privada XP: entenda como ela funciona!

A previdência privada XP é um investimento para aqueles que desejam diversificar a carteira olhando o futuro. Veja se ela atende seu perfil.

Cristina Boscolo
Cristina Boscolo

Previdência privada XP: entenda como ela funciona!

A previdência privada é um fundo de investimento normalmente utilizado para complementar a aposentadoria ou poupar visando objetivos de longo prazo. No caso da Previdência Privada XP, não é diferente.

Entretanto, como a XP Investimentos é mais conhecida por sua corretagem de ações e fundos, muitas pessoas não sabem que ela comercializa outros tipos de ativos, não é mesmo?

Continua após a publicidade

Assim, pensando nisso, desenvolvemos este conteúdo prático com uma análise da previdência privada oferecida pela XP. Confira a seguir se ela pode atender suas necessidades de investimentos.

O que são os planos de previdência?

Os planos de previdência são oferecidos por seguradoras, que fazem um cálculo de quanto é preciso guardar por mês para chegar ao valor final desejado, dividido por determinado número de anos.

Continua após a publicidade

Todo o setor deste tipo de investimento tem a fiscalização da Superintendência de Seguros Privados (Susep) – um órgão do governo federal.

Além disso, vale dizer que existem muitas opções disponíveis no mercado, inclusive na XP Investimentos.

Assim, o caminho é conhecer as propostas, mas, também qual a estratégia e qualidade da gestora que estará responsável por buscar melhores rendimentos para seu dinheiro, certo?

O que é a XP Investimentos?

A XP Investimentos é uma corretora de valores que nasceu em 2001 em Porto Alegre, e hoje ocupa um lugar entre as maiores em todo o país.

Continua após a publicidade

Quando os sócios Guilherme Benchimol e Marcelo Maisonnave fundaram a XP, que tinham o desejo de ajudar pessoas comuns a investirem no mercado de ações de maneira mais simples e facilitada.

Em 2018, a XP anunciou uma associação com o Itaú Unibanco – que adquiriu 49,9% de suas ações por R$ 6,3 bilhões.

Já em dezembro de 2019, o grupo XP Inc. realizou sua oferta inicial de ações na bolsa de valores de Nova Iorque (NASDAQ) captando US$ 2,25 bilhões – considerado o maior feito por uma empresa brasileira nessa bolsa até o momento.

Como funciona a Previdência Privada XP?

A previdência complementar da XP Investimentos possui taxa de carregamento zero (entrada e saída) e portabilidade de planos 100% digital. 

Continua após a publicidade

De acordo com o site oficial do produto, o patrimônio dos clientes é administrado ativamente por gestores da empresa – que buscam a melhor rentabilidade para cada caso.

Além disso, a XP alega oferecer taxas de administração competitivas, inclusive para planos de alta qualidade na gestão.

No total, são mais de 140 planos de previdência privada no portfólio da XP – com aplicação mínima a partir de R$ 5 mil e rentabilidade variada.

Quais os principais motivos para se investir em previdência privada?

A XP Investimentos elenca em sua página voltada à previdência privada uma série de motivos para apostar neste tipo de investimento.

Continua após a publicidade

Benefício fiscal no curto prazo

Nos casos em que o investidor utiliza formulário completo para declarar seu Imposto de Renda, há a possibilidade de abatimento fiscal das aplicações (no plano PGBL).

Benefício fiscal no longo prazo

O plano de previdência privada pode atingir apenas 10% de Imposto de Renda após 10 anos – dessa forma, a tributação regressiva é a indicada para investidores de longo prazo.

Sem come-cotas

A previdência privada não possui come-cotas, que nada mais é do que a antecipação do Imposto de Renda sobre o ganho de capital dos fundos de investimento.

Flexibilidade

O cliente tem a possibilidade de trocar seu plano e seguradora sem ter que resgatar, pagar Imposto de Renda e reaplicar. Essa facilidade permite que ele realoque sua carteira de investimentos de maneira mais simples.

Continua após a publicidade

Liquidez facilitada

O cliente pode optar por realizar retiradas mensais ou, ainda, resgatar totalmente o seu plano de previdência privada ao final do período contratado.

Ainda assim, o participante não é obrigado, necessariamente, a contratar uma renda – podendo rentabilizar o patrimônio mesmo após a aposentadoria.

Sucessão Patrimonial

Desde que respeitada a herança legítima, o cliente pode indicar e escolher o percentual de cada beneficiário livremente.

Assim, o patrimônio é transferido sem burocracia para os herdeiros e pode até ocorrer sem incidência de imposto de transferência de riqueza (ITCMD) em alguns casos.

Continua após a publicidade

Isso acontece porque a transferência de valores da previdência privada não passa por inventário e pode ser realizada sem custos advocatícios.

Como escolher o plano de previdência privada ideal na XP?

Para contratar o plano de previdência privada ideal, o cliente deve, primeiramente, escolher a modalidade (PGBL ou VGBL) que vai impactar, diretamente, na sua declaração do Imposto de Renda (IR).

Previdência Privada XP, PGBL ou VGBL?

Conheça as diferenças a seguir.

PGBL

No Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL), as principais características e recomendações, são:

  • recomendado para clientes que optam pela declaração completa de Imposto de Renda;
  • com contribuições dedutíveis da base de cálculo de Imposto de Renda, até 12% da renda bruta anual;
  • cálculo do Imposto de Renda incide sobre o total resgatado ou sobre a renda recebida.

VGBL

Já no caso do Vida Gerador de Benefício Livre, temos:

  • recomendado para clientes que fazem declaração simplificada de Imposto de Renda ou que desejam investir mais do que 12% de sua renda bruta anual tributável;
  • sem contribuições dedutíveis da base de cálculo de Imposto de Renda, até 12% da renda bruta anual;
  • cálculo do Imposto de Renda incide apenas sobre o rendimento, quando ocorre o resgate ou o recebimento da renda.

Tabela de tributação progressiva ou regressiva?

Depois de optar pelo plano mais alinhado com seu perfil e estratégia para IR, é hora de escolher o regime tributário. São eles: 

Tributação progressiva

Neste tipo de tributação, a alíquota retida é de 15% no resgate – com ajuste posterior na declaração anual de IR. Ou seja, o investidor paga a diferença do imposto ou recebe restituição.

Continua após a publicidade

Dessa forma, essa opção é especialmente recomendada para aquelas pessoas que já prevêem que não ficarão um longo período (maior que 6 anos) sem fazer nenhum resgate.

Tributação regressiva

Neste caso, as alíquotas do Imposto de Renda diminuem com o tempo – começando em 35% até chegar em 10% (para prazos acima de 10 anos).

Ou seja, a recomendação dessa tributação é para quem consegue manter os recursos a longo prazo e não pretende ficar realizando resgates a todo momento.

Estratégia conservadora, moderada ou arrojada?

Por fim, é preciso escolher um plano a partir de sua estratégia e tipos de investimentos.

Continua após a publicidade

Renda Fixa – Pós-fixados

Estes planos investem em títulos públicos e privados pós-fixados e, por isso, são mais conservadores. A rentabilidade de cada um varia de acordo com o indicador de referência.

Renda Fixa – Pré/Inflação

Estes planos investem em títulos em que a rentabilidade se define no momento de compra do ativo.

A variação correspondente pode ter variação atrelada ao CDI ou à inflação, que são indicadores de renda fixa e, portanto, mais conservadores também.

Multimercados Macro

Nestes planos, a estratégia se baseia no cenário macroeconômico de médio e longo prazo.

A principal característica desses ativos é a liberdade que o gestor do fundo tem para investir em renda fixa, moedas, ações, derivativos e investimentos no exterior buscando melhores retornos financeiros.

Continua após a publicidade

Ou seja, são planos mais moderados ou arrojados.

Multimercados (Outros)

Esta categoria engloba diversas estratégias dentro da classe de multimercados, mas nestes casos, os planos têm percentuais de alocação mais definidos para determinadas classes de ativos.

Para ver a lista completa de planos disponíveis, basta acessar a lista disponível no site oficial.

Após escolher um deles, basta clicar no botão “Contratar” do lado direito para dar sequência na negociação do seu plano de previdência privada.

Entretanto, caso ainda não seja cliente da XP Investimentos, será preciso abrir uma conta para, então, contratar o plano escolhido.

Continua após a publicidade

Qual é a nota da Previdência Privada XP no Reclame Aqui? 

A página da XP Investimentos no Reclame Aqui tem nota 8/10 e a grande maioria das reclamações respondidas (92,1%), o que demonstra uma preocupação da empresa em dar um retorno aos clientes insatisfeitos

O que surpreende positivamente é que 75,4% dos clientes afirmam que voltariam a fazer negócios com a XP.

Além disso, há um índice de solução de problemas de 82,7%, números satisfatórios se comparados à média das empresas em geral.

Como entrar em contato com a XP Investimentos? 

Existem alguns canais diferentes para entrar em contato com a XP Investimentos. Veja quais são eles:

Continua após a publicidade

  • autoatendimento via WhatsApp: (11) 4935-2720;
  • capitais e regiões metropolitanas: 4003-3710;
  • outras localidades: 0800-880-3710para clientes no exterior: +55 (11) 4935-2701;
  • ouvidoria: 0800-722-3730.

Na página de atendimento também é possível interagir com um assistente virtual ou, ainda, enviar um e-mail. Para tanto, é preciso realizar o login na página de cliente.

Conclusão sobre a Previdência Privada XP

A previdência privada da XP Investimentos pode ser uma ótima alternativa para quem deseja investir em uma corretora com boa reputação e em amplo crescimento.

Soma-se isso ao fato de que optar pela empresa não obriga o cliente a criar vínculos com nenhum grande banco.

Aliás, nem mesmo com a XP Investimentos, já que, por lei, a portabilidade de previdência permite que ele transfira seu plano para qualquer outra instituição.

Continua após a publicidade

Além disso, o fato de não haver taxa de carregamento de entrada e saída também pode ser um grande atrativo para quem costuma movimentar seus investimentos.

A previdência privada XP, ou qualquer outro investimento de longo prazo é muito importante para a estratégia financeira pessoal e, como você viu, traz impactos no presente, com a dedução de impostos e, no futuro, com uma renda extra.

Então, está na hora de repensar suas estratégias de investimentos? Se a resposta é positiva, assine agora a newsletter do iDinheiro para receber conteúdos selecionados que vão ajudar nas suas escolhas.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.