Bolsonaro avalia antecipar lançamento do auxílio-gás para setembro; entenda

O auxílio-gás dará às famílias inscritas no CadÚnico um valor de aproximadamente R$ 120 a cada dois meses para a compra do gás de cozinha.

Isabella Proença
Isabella Proença

O Presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), estuda antecipar o lançamento do auxílio-gás para setembro. Inicialmente, a ideia era lançar o programa em outubro e viabilizá-lo em novembro, junto com o Auxílio Brasil. No entanto, o plano inicial pode mudar devido à inflação, que tem aumentado consideravelmente o preço do botijão do gás.

Diante dessa situação, o presidente foi aconselhado a antecipar o benefício às famílias carentes inscritas no Cadastro Único do governo federal. A proposta prevê que as famílias carentes inscritas no CadÚnico recebam, por meio de um cartão, um valor bimestral de aproximadamente R$ 120 para comprar o gás de cozinha.

Continua após a publicidade

O que é o auxílio-gás?

O projeto tem sido estruturado pelo Ministério de Minas e Energia e está embutido nas alterações do programa assistencial, entregue à Câmara dos Deputados na última semana. Espera-se que o impacto gerado seja de R$ 3 bilhões, segundo o governo federal, que espera que a iniciativa seja custeada por programas de incentivo de energia limpa da Petrobrás.

Antes de definir a criação do auxílio, Bolsonaro chegou a cogitar oferecer um botijão de gás a cada dois meses. No entanto, o custo elevado levou o governo a optar pelo depósito do valor.

Auxílio Brasil, o novo Bolsa Família, terá 9 benefícios diferentes

Além do auxílio-gás, o “novo Bolsa Família” deverá atuar de nove formas diferentes. São benefícios distintos e pensados em diferentes núcleos familiares, como:

  • famílias com gestantes ou crianças recém-nascidas;
  • estudantes que sejam destaque em jogos escolares;
  • estudantes que estejam inseridos em projetos científicos;
  • famílias que estavam na folha de pagamento do Bolsa Família, mas perderam parte do valor ao mudar para o Auxílio Brasil;
  • entre outros.

Para saber mais sobre o projeto, que foi entregue ao congresso pelo Presidente por meio de uma Medida Provisória (MP), acesse este link.

Quer continuar acompanhando todas as notícias sobre o auxílio-gás? Então, assine a newsletter do iDinheiro e ative as notificações! Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔

6 comentários

  1. Ademir Ribeiro

    Eu trabalho, mas minha esposa não, pois temos uma bebê, ela tem direito à algum benefício? Está difícil.

  2. Dagmar Aparecida

    Eu tenho a bolsa Família, será q irei receber pois tenho 3 filhos e trabalho,mas sou sozinha

  3. Danilo Ferreira

    Estou Precisando muito do auxílio gás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.