Investimentos Santander e Pi: saiba o que oferecem

Aplicar seu dinheiro é a melhor forma de garantir o futuro da sua família.

Por isso, a expectativa é que a bolsa de valores brasileira tenha 10 milhões de investidores até 2022. No entanto, muita gente também aloca seu capital na renda fixa. Tudo depende dos seus objetivos.

De qualquer forma, todas essas possibilidades estão contempladas nos investimentos Santander.

O banco privado tem um portfólio diversificado e permite aplicação fácil e rápida. Basta ser correntista da instituição financeira.

Continua após a publicidade:

Porém, ainda tem outros fatores a avaliar. Afinal, a decisão de investir precisa ser bem pensada.

Para ajudar na sua escolha, criamos este post com as principais informações sobre os investimentos no Santander. Que tal conferir?

Continua após a publicidade

O Santander

O Santander é um banco criado ainda em 1857, na Espanha, na província de mesmo nome. Atualmente, a região se chama Cantábria. Chegou no Brasil em 1982, mas aumentou sua participação em 1997, com a compra do Banco Geral do Comércio.

Atualmente, está entre os 5 maiores bancos do Brasil. Também é uma das instituições financeiras mais sólidas do País, com lucro de R$ 3,7 bilhões somente no primeiro trimestre de 2020.

A alta no período chegou a 10,5%, quando comparado ao mesmo intervalo de tempo de 2019.

Dentro desse contexto, a área de investimentos é apenas uma dentre tantas com as quais o Santander trabalha. O banco também oferece conta-corrente e poupança, cartões de crédito e débito, financiamentos, empréstimos, seguros e mais.

Continua após a publicidade

Os investimentos no Santander

Na área de investimentos do Santander, o site traz duas opções: aplicação com o banco e com a Pi Investimentos.

Se você clicar na primeira alternativa, será redirecionado para o internet banking.

Por sua vez, a segunda modalidade apresenta a Pi, uma plataforma de investimentos aberta do Santander. Por isso, existem algumas diferenças. Entenda como cada um funciona.

Santander

Oferece taxa de custódia zerada nos produtos negociados na bolsa de valores. Oferece um portfólio diversificado, que abrange tanto renda fixa quanto variável. Os papéis disponíveis são das seguintes categorias:

Perceba que todas essas modalidades são destinadas a todos os tipos de perfis. Não existe uma orientação específica para o investidor.

Continua após a publicidade

Esse trabalho não é realizado por bancos privados ou públicos, porque o foco são outras operações. Além disso, os gerentes tendem a indicar as opções que permitirão a eles baterem as metas estabelecidas.

Apesar disso, existe a Santander Corretora. Ela é uma corretora de valores diferenciada, mas do mesmo grupo.

Ela oferece carteiras de renda variável, fornece informações e relatórios para subsidiar suas decisões, informa todas as taxas cobradas e tem Ofertas Públicas, que mudam com o tempo.

Pi Investimentos

Nesse caso, o foco é o público que deseja fazer as operações pela internet de forma descomplicada. Ela oferece cashback nas taxas cobradas dos investimentos, a fim de diminuir os encargos cobrados.

Continua após a publicidade

Todas as operações são feitas na nuvem e os fundos têm taxa zero para aplicações a partir de R$ 30.

A startup também promete oferecer investimentos sem se preocupar com metas financeiras, o que pode ser positivo para quem deseja uma orientação.

Uma característica da Pi Investimentos é ter carteiras prontas, ou seja, um fundo de fundos.

Isso significa que você investe em um fundo e o especialista responsável aplica os recursos em outros fundos com bom histórico de retorno.

Continua após a publicidade

O objetivo é aumentar o potencial de rendimento e diminuir os riscos. Ainda oferece outros ativos, como: 

  • Tesouro Direto;
  • Pi Selic, que é um fundo que investimento apenas em títulos públicos de baixo risco e promete não ter taxa;
  • renda fixa, que inclui CDB, LCI, LCA, Letras de Crédito (LC) e mais;
  • fundos de investimento.

A vantagem do Pi é não precisar ser correntista do Santander. A plataforma ainda promete mais de 380 fundos de investimentos e de 240 produtos de renda fixa.

Vale a pena fazer investimentos com o Santander?

Por ser um banco sólido, os investimentos Santander são uma boa alternativa, inclusive se você optar pelo Pi.

No Reclame Aqui, a reputação é positiva. Segundo dados de julho de 2020, a nota do banco é 7,1 no geral.

Continua após a publicidade

Há 99% de reclamações respondidas, sendo que 59,2% voltariam a fazer negócios. O índice de solução é de 73,7% e a nota do consumidor chega a 5,76.

No primeiro semestre de 2020, a nota passa para 7, com 100% das reclamações respondidas. Do total, 61,1% voltariam a fazer negócio, com um índice de solução de 70%. A nota do consumidor é 5,76.

Apesar disso, entre os principais problemas citados, não estão os relativos aos investimentos Santander.

Por sua vez, o perfil da Pi Investimentos tem uma reputação melhor. No geral, a nota é 8,7, com 100% das reclamações respondidas.

De todos os clientes que deixaram comentários, 75% voltariam a fazer negócio. O índice de solução é 94,2% e a nota do consumidor é 8,02.

Continua após a publicidade

No primeiro semestre de 2020, o índice de respostas continua de 100%, com 70% voltando a fazer negócios e solução de 100%. A nota do consumidor é 8.

Portanto, por esses dados, a Pi é mais interessante do que o Santander investimentos. Ainda assim, vale a pena fazer comparações. Por ser uma startup, é provável que a primeira também tenha taxas mais baixas.

Conclusão

Existem várias possibilidades para você fazer seu dinheiro multiplicar. Seja no Santander investimentos, seja na Pi, o portfólio é completo e oferecem vários benefícios, que vale a pena considerar.

A questão aqui não é a confiabilidade do banco ou da fintech, nem a variedade de produtos, e sim a adequação aos anseios dos clientes.

Então, se mesmo depois de ler o artigo, você sentir que ainda está faltando algum produto ou serviço que seja essencial para você, entre na nossa seção de investimentos e estude outras opções.

Quer continuar vendo outras análises sobre aplicações financeiras e outros assuntos que interferem na sua vida? Assine a newsletter do iDinheiro e receba as informações em primeira mão.

Publicidade