Responsabilidade Editorial

Por que confiar no iDinheiro

O iDinheiro tem o propósito de democratizar e simplificar os serviços financeiros. Nossa missão é te ajudar a fazer as melhores escolhas, a partir das mais completas informações e recomendações sobre cada serviço.

Renegociação dívida bancária: saiba como fazer sem ir à agência!

Muitas vezes pode acontecer da sua negociação de dívida não ser mais a ideal para o seu bolso. Assim, deve haver a renegociação. Saiba como realizar este processo remotamente e dicas para se beneficiar.

perfil
Camille Guilardi Estagiária de Finanças e Investimento

Muitas vezes adquirimos dívidas com os bancos, e eles nos oferecem parcelamentos e modos de pagamento que não pesem em nosso orçamento. Dessa forma, a renegociação de dívida bancária é sempre uma alternativa.

Antigamente, era necessário que o cliente fosse até uma agência do banco e fizesse uma proposta para o gerente de contas. Porém, hoje isso não é mais necessário. Assim, os bancos, para facilitar tanto a vida dos clientes quanto o processo de negociação em si, oferecem meios online e por telefone para propostas de renegociação de dívida bancária.

Continua após a publicidade

O banco Bradesco, por exemplo, oferece aos clientes a opção de, pelo Internet Banking, insiram novos valores de parcela e façam uma nova proposta. Confira abaixo mais maneiras de renegociar seus débitos sem ir à agência, além de conhecer algumas dicas para que este processo seja benéfico para você.

Como renegociar minha dívida remotamente?

Primeiramente, é importante ressaltar que, caso tenha a oportunidade, é recomendado que este processo de renegociação seja feito pessoalmente. Isso porque os contratos possuem diversas cláusulas, as quais você pode perder caso o seu atendimento seja por telefone, por exemplo.

Continua após a publicidade

Dessa forma, pessoalmente, o cliente tem mais autonomia para entender as propostas. Assim, é possível conversar com o atendente e tentar achar um meio termo que seja interessante tanto para ele quanto para o banco.

Entretanto, caso esteja sem tempo ou prefira fazer o processo remotamente, saiba que os bancos oferecem esta opção. Hoje a maioria dos bancos proporcionam aos clientes que eles renegociem suas dívidas pela internet. Segundo Luiz Henrique Garcia, CEO da plataforma Quite Já!, 30% das dívidas bancárias em 2018 foram negociadas online. A internet está presente em todos os aspectos de nossas vidas, e isso só tende a aumentar.

Existem os sites oficiais dos bancos, que comumente já oferecem a opção de renegociação, e também as plataformas online que fazem este serviço para o cliente e o assiste em todas as etapas. Elas fazem o “meio de campo” de todo o processo.

Renegociação de dívida do Banco do Brasil

 Você pode renegociar suas dívidas com o Banco do Brasil clicando aqui, e seguir esses passos:

Continua após a publicidade

  • Ao entrar na página de renegociação, basta clicar em “Renegocie Aqui”, no canto esquerdo da página;
  • dessa forma, será aberta outra página, intitulada de Autoatendimento Pessoa Física;
  • por fim, insira ali sua agência, conta e senha de 8 dígitos do autoatendimento.

Pela plataforma você ainda tem acesso à redução de taxas, ampliação de prazo e condições diferenciadas para pagamento à vista.

Renegociação de dívida da Caixa

A Caixa possui um canal de atendimento próprio para este fim, o qual você pode acessar clicando aqui. Por ele, o cliente se identifica, primeiramente, e depois tem acesso às opções de negociação, de forma fácil e rápida. Portanto, é necessário apenas informar o motivo da sua renegociação e também a sua capacidade mensal de pagamento.

Ademais, a Caixa possui um portal único para atender inadimplentes, que não necessita de login ou identificação prévia. Além disso, contém todos os contatos e informações sobre a renegociação de dívida bancária logo na página inicial.

Renegociação de dívida do Santander

O Santander oferece aos clientes que eles acessem sua plataforma, o que você pode fazer clicando aqui. Assim, você tem acesso a:

Continua após a publicidade

  • ofertas exclusivas;
  • possibilidade de realizar simulações;
  • contratação;
  • e ainda recebe por ali o seu comprovante.

Portanto, faça o seu login do Internet Banking, acesse o Portal de Renegociação e após isso, comece o seu processo. Esta renegociação também pode ser feita pelo aplicativo Santander Way, caso seja referente ao cartão de crédito, ou no aplicativo oficial.

Renegociação de dívida do Bradesco

O Bradesco oferece aos seus clientes várias opções de renegociação, como:

  • app Bradesco;
  • autoatendimento;
  • Fone Fácil;
  • Internet Banking.

Dessa forma, todos os contatos estão na página inicial do Bradesco e, para acessar o Internet Banking, você pode clicar aqui. Faça seu login e comece sua renegociação, tendo sempre em mente o valor mensal com o qual você pode arcar.

Intermediárias de renegociação

Você sabia que existem empresas que atuam como intermediárias na renegociação de dívidas bancárias? Pois é, e elas podem ser muito úteis para quem quer conseguir os melhores descontos ou não se estressar tanto com a burocracia. Confira algumas intermediárias do mercado:

  • Limpa Nome: esta plataforma é a própria do Serasa, o órgão de análise de crédito e por meio dela você pode renegociar suas dívidas com diversos bancos e empresas. Acesse-a e faça o seu cadastro. Ademais, você pode também consultar o seu CPF e analisar como está sua situação;
  • Quite Já!: pela Quite Já!, tanto pessoas físicas como jurídicas podem renegociar suas dívidas. A plataforma está disponível 24 horas e basta que você informe o seu CPF e clique em “Negociar Dívidas”;
  • Meu Acerto : a plataforma do Meu Acerto possibilita que você consulte suas dívidas informando apenas o seu CPF, além disso, funciona 24 horas e possui parceiros que possibilitam descontos na sua renegociação;
  • Acordo Certo : o Acordo Certo permite que o cliente consulte seu CPF, além de conseguir descontos de até 99% nas negociações de dívidas, também possuindo parceiros;
  • O Bom Acordo : a plataforma conta com atendimento online e permite que você fale com um consultor e revise seu contrato, regularizando seu financiamento.

Dicas para a renegociação de dívida bancária

Primeiramente, tenha em mente o que lhe levou a esta situação. Encare sua realidade, e faça as contas de quanto você gastar mensalmente. Registre sua renda líquida do mês e depois, desconte os gastos essenciais, como luz, água, aluguel, internet, compras mensais, dentre outros.

Continua após a publicidade

Após isso, faça uma reserva de emergência, pois de forma alguma toda a sua renda deve ficar comprometida. Caso haja algum imprevisto, você deve ter dinheiro para lidar com ele, como uma possível doença.

Após isso, contate o banco ou alguma plataforma online que ofereça o serviço de renegociação. Como dito anteriormente, é mais interessante financeiramente ao cliente que ele contate o banco pessoalmente, pois a negociação será mais pessoal, e não padronizada como acontece nas feita remotamente. Se isso não for possível, escolha um site confiável, como os que citamos anteriormente!

Por fim, analise muito bem a proposta que será feita. Veja que as parcelas cabem no seu bolso, e se elas não irão lhe comprometer de forma alguma. Assim, após todos estes passos, confirme sua renegociação e se planeje financeiramente a longo prazo para arcar com esta quantia.

Conclusão

Não é tão incomum que consumidores tenham dívidas em aberto no mercado e não saibam a melhor forma de negociá-las. Nesses casos, é importante se atentar sobre as alternativas de cada agência, ainda mais se você deseja quitar sua dívida sem sair de casa. Além disso, ao se informar melhor sobre suas opções, é possível conseguir descontos e vantagens.

Portanto, é recomendável que você aprenda como fazer a renegociação de dívidas bancárias através dos meios convencionais, online e plataformas facilitadoras. Assim, é possível recuperar sua credibilidade, limpar seu nome e voltar a poder utilizar os serviços de crédito!

Por fim, conta pra gente o que achou do post! Conseguiu tiras suas dúvidas ou deixamos alguma informação passar? Deixa nos comentários que será nosso prazer responder!

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.