Financiamento de energia solar: 7 bancos que oferecem

Entenda como funciona o financiamento de energia solar e quais os principais bancos que oferecem esses programas de investimento.

Escrito por Regyane Bittencourt

Por que confiar no iDinheiro?

Responsabilidade editorial: Nosso editores são especialistas nas áreas e isentos nas avaliações e informações. Nosso objetivo é democratizar e simplificar o acesso a produtos e serviços financeiros sem viés. Conheça nosso código editorial.

Como ganhamos dinheiro?

Podemos ser comissionados pela divulgação e cliques nos parceiros. Isso também pode influenciar como alguns produtos aparecem na página, sempre com a devida identificação. Entenda como o site ganha dinheiro.

Política de Cookies: Nosso site utiliza cookies para estatísticas gerais do site e rastreamento de comissões de forma anônima. Nenhum dado pessoal é coletado sem seu consentimento. Conheça nossa política de privacidade.


Sugestão iDinheiro

Conta Confia Santander

Conta Confia Santander

Conta Confia Santander Solicitar
  • Taxa de R$ 24,00/mês
  • Conta Corrente Digital
  • Cartão de Débito, com Linha de Crédito

Conta digital BTG

Conta digital BTG Solicitar
  • Sem tarifa mensal
  • Conta de Pagamento Digital
  • Cartão de Crédito, com Linha de Crédito
Voltar ao topo

O financiamento de energia solar se tornou um crédito popular, especialmente pelos benefícios que acompanham esse programa. Com alternativas flexíveis das instituições bancárias, é possível aproveitar vantagens como gerar eletricidade de forma limpa e ter economia na conta de luz. Além disso, também é possível valorizar a propriedade e ter opções versáteis de parcelamento, sem precisar de todo o dinheiro no momento da instalação.

Por esse motivo, vale a pena conhecer mais sobre esse crédito e entender sobre o funcionamento dele. Confira as principais informações sobre como funciona o financiamento de energia solar e quais os bancos que trabalham com essa alternativa!

Como funciona o financiamento de energia solar

O financiamento de energia solar funciona como outros tipos de crédito convencionais, porém voltado para a compra e instalação dos equipamentos.

Assim, pessoas que se interessam por esse meio de produção energética, mas não possuem todo o investimento no momento da compra, podem contar com programas de incentivo para obter o valor.

Uma vez que o titular negocia as condições com a instituição financeira, consegue seguir com a compra das placas e inicia a captação em sua propriedade.

Para simplificar esse processo e aumentar a margem de compra de interessados, muitos bancos trabalham com duas alternativas de financiamento de energia solar. Veja mais detalhes sobre cada uma:

Financiamento igualando o valor economizado

Uma das estratégias de financiamento de energia solar consiste em igualar a economia da conta com as parcelas pagas para a instituição bancária. Dessa forma, evita-se ter dois custos distintos, do parcelamento e da energia devida à distribuidora.

Em outras palavras, a geração permite que a economia obtida na conta de luz seja suficiente para cobrir o valor mensal do financiamento. Ao final, o benefício é apenas a economia gerada.

Para determinar o ponto onde a parcela do financiamento fotovoltaico equivale à economia do sistema, é necessário avaliar todos os custos de watts e equivaler no acordo bancário.

Exemplo

Suponha que o usuário consuma 748 kWh de energia por mês e sua tarifa seja de R$ 0,92 / kWh. Nesse caso, a média mensal de conta de luz é de R$ 688,00 (748 × 0,92).

No entanto, existe um custo de disponibilidade de 100 kWh, de modo que se considera a geração de 648 kWh/mês, ou R$ 596,00 na conta de luz. Dessa forma, esse se torna o valor do financiamento.

Financiamento sem entrada

Enquanto isso, outro formato de financiamento de energia solar interessante para clientes e que tem se tornando mais popular é o parcelamento sem entrada.

Nesse caso, para não investir o valor total do sistema à vista ou desembolsar uma quantia significativa como entrada para a parcela ser igual à economia gerada, a opção sem entrada se torna mais atrativa.

Esse tipo de pagamento, ao contrário de outras modalidades, não exige desembolso inicial para obter o sistema fotovoltaico

Basicamente, a quitação ocorre com o valor calculado normalmente, sem desconto da conta de luz, por exemplo. Por esse motivo, é importante efetuar a avaliação de perfil com uma instituição especializada, para encontrar as propostas mais em conta.

No entanto, os valores são padronizados. Por exemplo, se um equipamento custa R$ 25.500, o banco disponibiliza 100% do pagamento. Em 60 meses, a uma taxa média de 1.18% ao mês, por exemplo, é possível chegar a uma parcela de R$ 596,00.

Algumas instituições podem oferecer amortização e redução no valor com o aumento das tarifas de energia. Contudo, não é uma regra, e esse financiamento se comporta de maneira padrão.

Qual o melhor banco para financiamento de energia solar?

O melhor banco para financiamento de energia solar varia conforme o perfil e objetivo do contratante. Por isso, é fundamental realizar uma análise cuidadosa de cada opção.

Diferentes programas de incentivo podem trazer vantagens e características que tornam a alternativa mais interessante. Nesse caso, o cliente deve pesquisar as principais concorrentes e verificar qual o banco que pode lhe atender da melhor forma.

Pensando nisso, separamos algumas opções do mercado que podem fornecer financiamento de energia solar. Veja as características e como se diferenciam para atender ao público da melhor maneira:

Financiamento Energia Solar Santander

Conta Confia Santander

Conta com abertura e gerenciamento 100% digital. Oferece gratuidade de conta para quem recebe pelo menos R$1.000 e paga contas pelos canais digitais da Instituição.

Taxa de manutenção: De R$ 24,00 até R$ 24,00
Saque: Gratuitos e ilimitados
TED/DOC: Gratuitos e ilimitados

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Consórcios
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak Carteira digital Way
  • checkmarak 10 dias sem juros no limite da conta para quem cadastra CPF ou celular como chave PIX
  • checkmarak Cesta de serviços completa
  • checkmarak Atendimento presencial
  • close Exige movimentação mínima para isenção de tarifa
  • close Análise para liberação de cartão de crédito
Leia mais sobre Conta Confia Santander

O Santander oferece uma linha de financiamento cujo objetivo é incentivar o uso de fontes renováveis, como a energia solar fotovoltaica, em todo o Brasil. 

Tanto pessoas físicas quanto jurídicas, com ou sem conta no banco, podem aproveitar essa oportunidade e parcelar a instalação de um sistema fotovoltaico por até 5 anos.

O público-alvo desse financiamento abrange empresas, pessoas físicas e produtores rurais interessados em parcelar produtos e serviços relacionados à sustentabilidade. Além disso, os limites de financiamento podem englobar até 100% dos itens financiáveis, oferecendo flexibilidade aos clientes.

O prazo para o financiamento pode chegar a até 96 meses, proporcionando um período mais longo para pagamento das parcelas. Para auxiliar os clientes no processo de financiamento de energia solar, o Santander disponibiliza formas de simulação em seu site.

É possível estimar o valor do sistema, a quantidade de módulos necessários, o retorno do investimento e as parcelas correspondentes às opções disponíveis.

Financiamento de energia solar BTG

Conta digital BTG

Conta digital gratuita, com oferta de cartão de crédito sem anuidade, PIX e opções diversificadas de investimentos.

Taxa de manutenção: Gratuita
Saque: R$ 5,00 com 8 gratuitos
TED/DOC: Gratuitos e ilimitados

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak Portfólio completo de investimentos
  • checkmarak Não cobra manutenção da conta
  • checkmarak Opção de cartão de crédito
  • checkmarak 8 saques gratuitos por mês
  • close Cobra taxa de saque quando excede o pacote
Leia mais sobre Conta digital BTG

O financiamento de energia solar BTG oferece um processo integralmente digital, realizado por meio de uma plataforma transparente e intuitiva. 

Esse financiamento abrange 100% do projeto, desde os equipamentos até o serviço de instalação do sistema fotovoltaico. O crédito está disponível tanto para clientes no formato Pessoa Física, quanto para Pessoa Jurídica, possibilitando que uma ampla gama de consumidores aproveite os benefícios da energia solar.

Com o programa Financiamento de Energia Solar BTG, os clientes têm a opção de pagamento em até 96 vezes, com a vantagem de contar com um período de carência de até 180 dias, no qual não exige quitação. Isso permite que os clientes tenham um tempo de adaptação antes de começar a quitar as parcelas do financiamento.

Uma característica conveniente do financiamento é a simulação automática para projetos de até R$ 100 mil. Assim, facilita o processo, fornecendo aos clientes uma estimativa rápida e precisa dos valores envolvidos no financiamento.

As parcelas BTG são fixas e substituem a conta de luz convencional. Isso significa que os clientes terão parcelas regulares, simplificando o planejamento financeiro e a substituição gradual dos gastos com energia elétrica pelo pagamento do financiamento.

Essas características do financiamento de energia solar BTG tornam a transição para a energia solar acessível e conveniente, permitindo que os contratantes aproveitem as vantagens da produção energética desde o primeiro momento.

CDC Energia Fotovoltaica Bradesco

Conta Bradesco

Conta corrente tradicional do Bradesco, ideal para quem usa serviços básicos, como saques, transferências e extratos dos últimos 30 dias e meses anteriores.

Taxa de manutenção: De R$ 46,70 até R$ 46,70
Saque: R$ 3,25 com 4 gratuitos
TED/DOC: R$ 11,65

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Consórcios
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak Descontos exclusivos em lojas, restaurantes, livrarias e etc
  • checkmarak Opções variadas de investimento
  • checkmarak Tarifa zero por um ano ao abrir a conta pelo app
  • close Não oferece cartão
  • close Taxa de manutenção alta
  • close Poucos serviços gratuitos
Leia mais sobre Conta Bradesco

Enquanto isso, existe o CDC Fotovoltaica Bradesco, uma opção de financiamento de energia solar oferecida pelo Bradesco para a aquisição e instalação de sistemas. 

Esse programa possui diversas características vantajosas para os clientes, como a possibilidade de parcelar o valor do financiamento em até 60 meses, permitindo uma distribuição adequada dos custos ao longo do tempo.

Ainda, concede um período de carência de até 90 dias para o vencimento da primeira parcela do financiamento. Isso proporciona um tempo inicial sem a obrigatoriedade de pagamento, permitindo que o cliente se adapte financeiramente à nova despesa.

O CDC Energia Fotovoltaica Bradesco ainda oferece taxas diferenciadas, determinadas conforme as condições e aprovação de cada cliente. Essas tarifas são estabelecidas para tornar o financiamento mais acessível e atrativo.

Vale reforçar que o Bradesco disponibiliza a opção de financiamento de até 100% do valor total do projeto de energia fotovoltaica. Assim, os clientes podem cobrir todos os custos relacionados à aquisição e instalação do sistema, sem a necessidade de investimento inicial significativo.

Além disso, não se restringe apenas a pessoas jurídicas, já que a pessoa física também pode se beneficiar desse financiamento para a aquisição de placas e processo de adaptação residencial.

Contudo, é importante ressaltar que esse financiamento está disponível exclusivamente para correntistas do Bradesco. Para contratar o CDC Energia Fotovoltaica, é necessário possuir uma conta no banco.

Financiamento Solar Banco BV

Conta BV

Conta digital gratuita, com transferências e saques ilimitados, PIX e oferta de cartão de crédito sem anuidade ou cashback.

Taxa de manutenção: Gratuita
Saque: Gratuitos e ilimitados
TED/DOC: Gratuitos e ilimitados

  • Investimento
  • Pix
  • checkmarak Oferta personalizada de cartões de crédito
  • checkmarak Oferta de PIX pelo cartão de crédito
  • checkmarak Conta digital 100% gratuita
  • checkmarak Função Guardar Dinheiro organizada por envelopes
  • close Linha de crédito na conta digital limitada
  • close Pouca oferta de investimentos
  • close Não existe cashback no cartão de crédito sem anuidade
Leia mais sobre Conta BV

O Banco BV oferece um financiamento solar com vantagens significativas. Com um limite de crédito de até R$ 500 mil para pessoas físicas e até R$ 3 milhões para pessoas jurídicas, o banco possibilita o financiamento completo do projeto. Isso significa que a instituição financia tanto os equipamentos quanto o serviço de instalação do sistema fotovoltaico, proporcionando uma solução abrangente.

O Banco BV também se destaca pelas taxas competitivas oferecidas. As parcelas são fixas e as taxas começam a partir de 1,17% ao mês, garantindo condições favoráveis aos clientes que optam por esse financiamento.

Quanto aos prazos, o Banco BV oferece flexibilidade aos clientes. O primeiro pagamento pode ser efetuado em até 120 dias, permitindo um período inicial mais longo antes do início das parcelas. Além disso, é possível parcelar o financiamento solar em até 8 anos, equivalente a 96 meses.

Uma vantagem adicional é a opção de antecipação ou quitação de parcelas. Caso o cliente tenha conseguido economizar, é possível reduzir as contas mensais realizando o pagamento antecipado das parcelas.

Com essas características, o financiamento de energia solar do banco se apresenta como uma opção atrativa para quem deseja investir em energia solar e contar com um suporte financeiro sólido e vantajoso.

BB Crédito Energia Renovável

Conta corrente Banco do Brasil

Conta corrente do BB (Pacote Padronizado I) com saques, transferências, PIX, investimentos, seguros e mais.

Taxa de manutenção: De R$ 14,60 até R$ 14,60
Saque: R$ 3,10 com 4 gratuitos
TED/DOC: R$ 11,80

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Consórcios
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak Abertura e movimentação pelo app
  • checkmarak Cartão de crédito (sujeito a análise) e débito
  • checkmarak Muitas opções de investimentos
  • checkmarak Seguros
  • close Possui taxa de manutenção
  • close Poucos saques gratuitos
Leia mais sobre Conta corrente Banco do Brasil

O Banco do Brasil oferece o programa de financiamento BB Crédito Energia Renovável, que utiliza recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) para promover o desenvolvimento econômico e social da região. 

Esse programa é direcionado a empresas e produtores rurais, dividido em dois principais programas:

  • FCO Empresarial: voltado para pessoas jurídicas de direito privado que atuam nos setores industrial, agroindustrial, mineral, turístico, comercial, de serviços e de infraestrutura econômica, incluindo empresas públicas não dependentes de transferências financeiras do setor público.
  • FCO Rural: destinado a produtores rurais, tanto pessoas físicas como jurídicas, além de cooperativas e associações com atividades rurais.

As regiões atendidas pelo programa são o Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Os limites de financiamento variam conforme o setor, sendo até 5 milhões de reais para o setor de serviços e comercial, e até 10 milhões de reais para as demais linhas, com taxas a partir de 0,75% ao mês.

No entanto, em casos em que o empreendimento é de grande importância para o desenvolvimento da comunidade, o limite pode chegar a 100 milhões de reais, com exceção do setor comercial e de serviços.

A carência para o pagamento é estabelecida após a análise de crédito e enquadramento do projeto nas linhas do fundo. Além disso, exige uma garantia correspondente a 130% do valor financiado para o FCO.

Os prazos de pagamento variam segundo o programa escolhido:

  • FCO Empresarial: os prazos podem chegar a até 20 anos, incluindo um período de carência de 3 meses até 5 anos. Esses prazos são determinados com base no projeto do cliente, na capacidade de pagamento e na linha de financiamento utilizada.
  • FCO Rural: pode chegar a 20 anos, com um período de carência de até 12 anos, dependendo do item financiado.

Para contratar o financiamento de energia solar do Banco do Brasil por meio do FCO, o interessado deve primeiro consultar uma agência do banco para verificar se o seu projeto se enquadra nos programas do fundo. Se o projeto for aprovado, o contratante deve abrir uma conta no banco, pois isso é um requisito para adquirir o financiamento, ou atualizar seus dados caso já possua uma conta.

Crédito Pessoal CAIXA Energia Renovável

Conta Fácil Caixa

Conta tradicional da Caixa (Cesta Fácil), com saques, extratos, transferências, talão de cheque e mais.

Taxa de manutenção: De R$ 25,00 até R$ 25,00
Saque: R$ 2,90 com 12 gratuitos
TED/DOC: R$ 11,00 com 1 gratuitos

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Consórcios
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak É possível movimentar a conta pela internet
  • checkmarak Com a conta corrente, há maiores chances de aprovação para crédito (ex.: financiamentos)
  • checkmarak 12 saques inclusos
  • close Cobra taxa de manutenção
  • close O aplicativo do banco costuma ter problemas
  • close O atendimento não costuma ser muito efetivo
Leia mais sobre Conta Fácil Caixa

O Crédito Pessoal CAIXA Energia Renovável é uma opção de financiamento oferecida pela CAIXA para a instalação de sistemas de geração de energia elétrica fotovoltaica em residências. 

Esse processo também abrange os custos de instalação do sistema. As taxas de juros são estabelecidas conforme a aprovação de risco e o relacionamento do cliente com a instituição.

A adoção de um sistema de geração de energia fotovoltaica residencial pode resultar em uma redução significativa, de até 95%, no valor da tarifa mensal de consumo de energia. Além do benefício econômico, essa medida contribui para a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente por promover a geração de energia limpa e renovável.

O prazo para pagamento do crédito é de até 60 meses, oferecendo aos clientes um período adequado para o reembolso do financiamento. Além disso, é concedida uma carência de até 6 meses para o vencimento da primeira parcela, proporcionando um período inicial sem a obrigatoriedade de pagamento.

Com o Crédito Pessoal CAIXA Energia Renovável, os clientes têm a oportunidade de investir em energia solar residencial de forma acessível, aproveitando os benefícios econômicos e ambientais dessa fonte de energia limpa e de um programa popular de crédito.

Financiamento de energia solar Itaú

Conta Itaú padronizada

Pacote padronizado I a IV com oferta de saques limitados, cheques, transferências e opções variadas de cartão de crédito Itaú.

Taxa de manutenção: De R$ 14,70 até R$ 50,40
Saque: R$ 3,00 com 12 gratuitos
TED/DOC: R$ 1,45 com 8 gratuitos

  • Linha de Crédito
  • Investimento
  • Seguros
  • Consórcios
  • Pix
  • Câmbio
  • checkmarak Atendimento presencial
  • checkmarak Opções de investimentos com valores mínimos acessíveis
  • checkmarak Mais de 70 opções de cartão de crédito
  • close Cobrança de pacote mensal de serviços
  • close Cobrança de saques e transferências excedentes
  • close Abertura da conta precisa ser finalizada na agência
Leia mais sobre Conta Itaú padronizada

Ainda, também existe a alternativa de contratar o financiamento de energia solar do Itaú, uma opção interessante para quem deseja investir em sistemas de geração em residências ou empresas. 

Com taxas de juros competitivas e condições flexíveis, o banco visa incentivar a adoção de fontes renováveis e proporcionar benefícios financeiros para seus clientes.

Em relação às tarifas, o programa cobra uma taxa fixa de 1,85% ao mês. Ela é estabelecida conforme as políticas e critérios do banco, considerando o perfil de cada interessado e sua análise de crédito. 

O valor máximo disponível no financiamento é de R$ 110 mil, permitindo que os clientes obtenham um montante significativo para cobrir os custos relacionados à aquisição e instalação de um sistema. 

Vale ressaltar que não há um valor mínimo estipulado, o que significa que mesmo projetos de menor escala podem ser contemplados pelo financiamento.

No que diz respeito ao prazo de pagamento, o financiamento de energia solar do Itaú permite que o cliente escolha uma opção de até 72 parcelas para quitar o débito. Além disso, é concedido um período de carência de 90 dias, ou seja, o cliente tem um prazo inicial para começar a quitar as parcelas do financiamento. 

Com essas condições favoráveis, o programa tradicional se destaca como uma alternativa interessante para quem deseja condições flexíveis. No entanto, vale reforçar que esses valores podem sofrer modificações conforme os critérios do programa em cada caso.

Vale a pena fazer um financiamento de energia solar?

O financiamento de energia solar é uma modalidade de crédito interessante para quem deseja adotar esse sistema, porém não possui todo o valor necessário.

Muitos se interessam pela produção energética sustentável, mas sem recursos financeiros para a instalação em um primeiro momento. Nesse caso, a linha de crédito das instituições é uma alternativa que aumenta o acesso para esse investimento, mesmo pessoas físicas.

Além de valores consideráveis, para cobrir toda a construção em grandes propriedades, também apresentam períodos de carência para adaptação e parcelas flexíveis. Por esse motivo, vale procurar uma instituição que combine com seu perfil, para instalar energia solar na sua residência e começar a aproveitar os benefícios dessa produção com um crédito simples e prático de adquirir.

Receba todas as novidades ativando as notificações do Push e assinando a newsletter do iDinheiro.

Perguntas frequentes

  1. Qual é o banco que financia energia solar?

    Existem vários bancos com financiamento de energia solar, inclusive instituições tradicionais e digitais, como Itaú, Caixa, Bradesco e Banco do Brasil, além de BV.

  2. É vantagem financiar energia solar?

    Financiar a energia solar traz diversas vantagens, como dividir o valor do investimento, ter carência e parcelas flexíveis, além de alta margem de crédito.

  3. Quais os juros da Caixa para financiamento de energia solar?

    Os juros do financiamento Caixa para energia solar são variáveis, com taxas a partir de 1,18%.

  4. Qual a taxa de juros do Banco do Brasil para energia solar?

    As taxas do Banco do Brasil são a partir de 0,75% ao mês.

Referências do artigo
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe das comunidades do iDinheiro no Whatsapp