Parcelar boleto PicPay é bom para você? Tire suas dúvidas!

Saiba como parcelar o boleto Picpay para facilitar seus pagamentos através do aplicativo. Tire essa e outras dúvidas neste conteúdo completo!

Escrito por Ana Livia Fernandes

Por que confiar no iDinheiro?

Responsabilidade editorial: Nosso editores são especialistas nas áreas e isentos nas avaliações e informações. Nosso objetivo é democratizar e simplificar o acesso a produtos e serviços financeiros sem viés. Conheça nosso código editorial.

Como ganhamos dinheiro?

Podemos ser comissionados pela divulgação e cliques nos parceiros. Isso também pode influenciar como alguns produtos aparecem na página, sempre com a devida identificação. Entenda como o site ganha dinheiro.

Política de Cookies: Nosso site utiliza cookies para estatísticas gerais do site e rastreamento de comissões de forma anônima. Nenhum dado pessoal é coletado sem seu consentimento. Conheça nossa política de privacidade.


Diversos aplicativos voltados para o controle financeiro têm surgido no mercado nos últimos anos, como é o caso da fintech PicPay.

Eles trabalham, em sua maioria, com o objetivo de facilitar os processos e atividades do nosso dia a dia.

Se você ainda não conhece o serviço, ou já conhece, mas não sabe direito como funciona, esse artigo é para você.

Continue lendo para esclarecer suas dúvidas, e, em especial, saiba como parcelar boleto PicPay. Confira!

O que é o PicPay?

Criado no ano de 2012 com uma proposta de descomplicar a vida financeira, o Picpay é um aplicativo para celular disponível para download nas versões Android e iOS, que funciona como uma espécie de carteira digital.

Assim, por ele você:

pode pagar boletos;

fazer compras com cartão de crédito;

emitir cobranças;

transferir dinheiro;

fazer recarga de celular;

utilizar seu saldo para comprar em inúmeros estabelecimentos credenciados.

Como o app funciona na prática?

O cadastro é gratuito. Assim, você precisa apenas ter em mãos dados como: nome completo, CPF, data de nascimento, número do celular, e-mail, endereço, usuário e senha de acesso.

Muitas pessoas têm dúvidas em relação ao lucro da empresa, já que o serviço é gratuito. Por isso, criamos um conteúdo que esclarece o tema de maneira detalhada

Após adicionar essas informações, é preciso seguir para alguns ajustes de configuração como inserir dados de cartões de crédito (necessário para realizar determinadas transações).

Pronto, seu perfil no PicPay está pronto para uso. Entre os principais serviços e vantagens estão:

  • enviar e receber dinheiro na hora;
  • transferir dinheiro de várias formas: tocando no perfil dos seus amigos dentro do app, enviando um link de cobrança por aplicativos de mensagem e até transferindo dinheiro para contas bancárias;
  • pagar lojas e estabelecimentos comerciais presencialmente e à distância;
  • comprar créditos para serviços como táxi, delivery de alimentos, assinaturas de filmes e séries, games, TV pré-paga e outros;
  • participar de promoções com cashback e receber dinheiro de volta;
  • pagar ou parcelar boletos em até 12x;
  • fazer recargas de celular ou cartão de transporte;
  • sacar seu dinheiro nos caixas Banco24Horas;
  • indicar o app para seus amigos e ganhar dinheiro.

Obs: não há cobrança de taxas para as transações, mas existe um limite de até R$ 800 de recebimentos mensais.

Conheça todas as taxas do PicPay neste conteúdo.

Como usar o PicPay para gerenciar seus pagamentos?

Para realizar pagamentos você pode adicionar saldo em sua carteira PicPay ou fazer o cadastro de um cartão de crédito.

Para adicionar saldo na sua carteira eletrônica é simples. Você deve tocar em “Adicionar”, selecionar o boleto bancário, transferência ou Banco Original, e seguir o passo a passo indicado no app. As condições são:

  • transferência via TED: em até 1 hora útil o valor estará na sua conta PicPay;
  • transferência via DOC: o dinheiro poderá cair na sua conta em até 1 dia útil;
  • boleto: após o pagamento do boleto, o prazo é de 2 dias úteis para entrar na sua conta PicPay;
  • Banco Original: na mesma hora.

1. Para pagar contas ou boletos, siga os passos:

Acesse seu PicPay, toque em “Pagar”, selecione a aba “Store” e a opção “Pagar Conta”.

Feito isso, escolha a melhor opção para quitar a conta: com o saldo da sua carteira PicPay ou com o cartão de crédito cadastrado no app.

Para facilitar ainda mais, caso opte pelo cartão de crédito, o aplicativo oferece a opção de parcelar o boleto em até 12 vezes.

2. Para pagar a uma pessoa física existem as seguintes opções:

  • ler o QR Code: na página inicial do app, toque no ícone no canto superior esquerdo e faça a leitura do código;
  • procurar pelo @nome de usuário: toque no botão verde “Pagar” e no campo de busca digite o @nome de usuário. Encontre o perfil e faça o pagamento;
  • usar o link de compartilhamento: após receber o link, toque nele e escolha abrir com o PicPay. Informe o valor e confirme o pagamento;

*ATENÇÃO! Para que você possa gerar seu link para pagamentos é preciso, na página inicial do app, tocar no ícone localizado no canto superior esquerdo, selecionar a opção “Meu código” e escolher a forma como prefere compartilhar o link gerado para pagamento.

3. Para pagamentos a estabelecimentos:

  • ler o QR Code: alguns estabelecimentos disponibilizam o QR Code impresso. Nesses casos basta fazer a leitura com o seu app e realizar o pagamento;
  • procurar pela aba “Locais”: ative o seu GPS, clique em “Pagar” e selecione a aba “Locais”. Em seguida busque pelo estabelecimento ou digite o nome na busca e realize o pagamento;
  • maquininha Cielo: caso o estabelecimento não tenha PicPay você pode pagar pela Cielo.

Para gerar seu próprio link de pagamentos funciona da mesma forma que o tópico anterior.

*IMPORTANTE! Agora que você já conhece todas as formas de realizar pagamentos através do PicPay, é importante saber como ter um bom planejamento financeiro e como cuidar do seu dinheiro, visto que aprender como poupar e controlar suas finanças pessoais são a chave para não criar dívidas desnecessárias e ter uma vida financeira mais tranquila.

Pensando nisso, separamos algumas dicas valiosas para você. Veja!

  1. Crie uma planilha de gastos. Fazer esse registro vai te ajudar a ter um controle maior da receita e das despesas;
  2. Crie uma reserva emergencial. É sempre bom ter um dinheiro guardado para situações imprevistas;
  3. Faça pesquisa de mercado. Compare os preços dos produtos, pois eles podem ter uma variação considerável que no final do mês vai fazer muita diferença;
  4. Planeje os gastos fixos mensais e anuais como água, luz, telefone, internet, alimentação, IPTU, IPVA, DPVAT, entre outros;
  5. Invista o seu dinheiro;
  6. Limite seus gastos. Elimine ou reduza os gastos com itens supérfluos.

Como funciona o parcelamento no PicPay?

No ato de realização do pagamento, ao chegar à opção de escolher a forma como quer pagar, é o momento no qual você irá conseguir optar pelo parcelamento utilizando um cartão de crédito cadastrado.

  1. No app, clique em “Pagar”;
  2. Vá até “Store” e em seguida em “Pagar Conta”;
  3. Escolha “Usar leitor de código de barras” e leia o código com a sua câmera. Além disso, você também pode escolher “Digitar código de barras manualmente”;
  4. Com o código reconhecido, clique no símbolo “1x”, que se encontra ao lado do valor;
  5. Coloque o número de parcelas;
  6. Vá até “Forma de pagamento” e opte por cartão de crédito;
  7. Clique em “Pagar”.

Para parcelar boleto Picpay:

Para parcelar boleto Picpay é bastante simples:

  • informe o valor da transação e toque em Parcelar em 1x;
  • são geradas as alternativas de pagamento com o valor de cada parcela com as taxas inclusas;
  • após avaliar as condições, escolha a opção que melhor se adequa a sua realidade e finalize o pagamento informando sua senha.

Quais as taxas para parcelar boleto PicPay?

A taxa é de 2,99% de taxa de conveniência sobre o valor total da fatura.

As parcelas são sempre distribuídas em valores iguais, todo mês, e a taxa de juros mensal é de 3,49% sobre cada parcela.

Vale a pena para o usuário parcelar boleto PicPay?

Depende do valor do boleto. Veja só o motivo.

Se o valor for muito alto, quando aplicadas as taxas de juros, pode não ser tão vantajoso, mas se o valor do boleto for baixo, pode ser uma boa alternativa.

Antes de parcelar, você pode fazer uma simulação e avaliar se essa alternativa não vai lhe gerar nenhum prejuízo financeiro futuro.

Parcelar boleto picpay: qual a opinião dos usuários do PicPay no Reclame Aqui?

O PicPay possui pontuação 6.5 no site Reclame Aqui, plataforma brasileira voltada para reclamações contra empresas sobre atendimento, compra, venda, produtos e serviços.

A nota é considerada como regular, constando que 93.5% dos questionamentos obtiveram respostas em tempo médio de resposta de 45 dias e 15 horas. A maioria dos questionamentos diz respeito a problemas com pagamentos eletrônicos.

O site aponta que 57.9% dos usuários que registraram algum tipo de reclamação contra a empresa voltariam a fazer negócios com a empresa. O índice de problemas solucionados pelo PicPay atinge a soma de 70.3%.

Conclusão

O aplicativo é seguro e segue todas as normas e padrões de segurança de dados.

Portanto, quanto a confiabilidade do PicPay, você não precisa se preocupar. Além dos pontos positivos que citamos ao longo do artigo, outra vantagem é que seu saldo rende 210% do CDI.

Você pode realizar todos os serviços (pagamentos, transferências, compras e outros) diretamente da sua casa ou de onde estiver sem enfrentar filas.

O PicPay soma, hoje, mais de 30 milhões de usuários em todos o país.

Assim como outros serviços do setor financeiro, é preciso estar atento às principais vantagens e desvantagens para poder avaliar se é uma boa opção.

Se você deseja entender ainda mais sobre a plataforma, confira outros conteúdos que fizemos para ajudar:

E então? Gostou do nosso conteúdo sobre o PicPay? Assine a nossa newsletter para receber ainda mais informações atualizadas e em tempo real!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Participe das comunidades do iDinheiro no Whatsapp