“Dinheiro esquecido”: BC libera consulta e pedidos de resgate para novo grupo

Pessoas nascidas após 1983 podem consultar os valores disponíveis e solicitar o resgate. Ao todo, são estimados R$ 8 bilhões a serem devolvidos.

rafela
Rafaela Souza

O Banco Central liberou nesta segunda-feira, 21, a consulta ao dinheiro “esquecido” para pessoas que nasceram a partir de 1984 ou empresas abertas após o mesmo ano. A consulta pode ser feita através do novo site Sistema Valores a Receber, criado pelo BC para consulta e agendamento de saldos esquecidos pelos brasileiros nos bancos.

De acordo com a autarquia, cerca de R$ 8 bilhões estão esquecidos em contas ou foram cobrados indevidamente, e devem ser devolvidos para os clientes, sendo 3,9 bilhões de “dinheiros esquecidos” na primeira fase e o restante, ao longo de 2022.

Continua após a publicidade

Banco Central libera consulta de “dinheiro esquecido”; confira o passo a passo

Calendário de liberação – Sistemas Valores a Receber

As consultas de valores e pedidos de resgate devem ser feitos de acordo com o ano de nascimento da pessoa ou da criação da empresa:

Data de nascimento (pessoa) ou de criação (empresa)Período de agendamento (consulta e resgate)Data de repescagem (para quem perder a data agendada)
Antes de 19687 a 11/312/3
Entre 1968 e 198314 a 18/319/3
Após 198321 a 25/326/3
Fonte: Banco Central

Como consultar o valor:

1. Acesse o site valoresareceber.bcb.gov.br;

2. Use seu CPF ou CNPJ para consultar se você tem valores a receber;

3. Caso tenha valores para receber, guarde bem a data que o sistema vai lhe informar.

Como solicitar o resgate do dinheiro “esquecido”

Depois de acessar o site valoresareceber.bcb.gov.br na data e período previamente informados, siga o passo a passo para solicitar o resgate do valor:

1. Faça login no site com a sua conta gov.br (nível prata ou ouro). Se você ainda não tiver login gov.br, faça o seu cadastro gratuito no site ou pelo App Gov.br (disponível no Google Play e App Store). Lembrando que não é possível acessar o sistema com login Registrato.

2. Leia e aceite o termo de responsabilidade.

3. Verifique o valor a receber, a instituição que deve devolver o valor e a origem (tipo) do valor a receber. 

4. Clique na opção indicada pelo sistema:

“Solicitar por aqui”: para devolução do valor por Pix em até 12 dias úteis. Nesse caso, você deverá escolher uma das chaves Pix, informar os dados pessoais e guardar o número de protocolo, caso precise entrar em contato com a instituição.

“Solicitar via instituição”: Essa opção indica que a instituição financeira não oferece a devolução por Pix. Nesse caso, você deverá entrar em contato pelo telefone ou e-mail informado para combinar com a instituição a forma de retirada, por TED ou DOC.

Quer continuar acompanhando as notícias que impactam o seu bolso? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

2 comentários

  1. Manoel Francisco

    Boa Noite eu preciso muito desse dinheiro tem como vc me ajudar amem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.