Empréstimo, Empréstimos

Empréstimo pessoal para quem tem score baixo. Entenda

Amanda Gusmão
Amanda Gusmão
Mulher analisa alternativas de empréstimo pessoal para quem tem score baixo

É possível conseguir um empréstimo pessoal para quem tem score baixo, mas, para isso é importante entender como ele funciona. Leia aqui.

Está precisando de crédito usando uma solução que não aumente ainda mais seu descontrole financeiro? O empréstimo pessoal para quem tem score baixo pode ser uma opção.

Mas, antes de contratar qualquer tipo de empréstimo, é importante saber como contratar, seus prós e contras, e, seu funcionamento. Em outras palavras, é preciso fazer um raio-x completo da operação.

Continua após a publicidade

Para ajudar na sua busca, preparamos um conteúdo explicando como as instituições conseguem oferecer empréstimo pessoal para quem tem score baixo.

O que é o score de crédito?

Score de crédito é uma régua de pontuação de 0 a 1000 pontos usada pelo mercado de crédito para analisar seus usuários.

Continua após a publicidade

Para cada comportamento de uso positivo, uma pontuação positiva é atribuída para o indivíduo, o que vai, gradativamente, aumentando seu nível de confiança para as instituições financeiras.

Dentre os comportamentos e fatores que o mercado de crédito leva em consideração, temos:

  • dados cadastrais atualizados nas instituições financeiras e entidades do mercado financeiro;
  • histórico de dívidas negativadas;
  • pagamento de contas em dia;
  • relacionamento financeiro com as instituições.

Dessa forma, para ter um bom score de crédito, é preciso ter bons desempenhos nesses fatores.

Qual é sua importância?

A somatória dos seus pontos vai determinar seu score de crédito e, a partir dele, as instituições financeiras vão decidir se vão conceder créditos e, com quais condições.

Essa decisão é bem racional e tem como objetivo mitigar possíveis calotes que a instituição pode tomar.

Continua após a publicidade

Para ficar mais simples de entender, imagine que o empréstimo do banco é, na verdade, uma única caixa de leite na prateleira da padaria.

O dono da padaria pode vender seu produto para:

  • o comprador que sempre frequenta seu estabelecimento, compra outros produtos e paga suas compras em dinheiro na mesma hora; ou 
  • um visitante de outra cidade que pede para levar o produto e pagar no outro dia, pela manhã.

Em se tratando do último produto, o dono pode escolher a compra mais segura. Mas, e se ele tivesse mais caixas de leite, venderia as duas com a mesma confiança?

A resposta é não, por isso, ele aumentaria o valor do produto na segunda venda, fazendo com que o risco de não receber fosse recompensado.

Para essa decisão, o dono do estabelecimento usou um score de crédito que ele criou, mas, no mercado financeiro, ele é mais complexo e abrange outras instituições.

Continua após a publicidade

Quais são os efeitos de um score baixo?

Aproveitando o exemplo do dono da padaria, fica claro que as instituições financeiras, ao perceber que um cliente tem score baixo, irão aumentar suas precauções anticalote.

Em alguns casos, isso representará uma oferta de crédito limitada e com juros maior, para compensar o risco que a instituição vai correr.

Mas, em outras situações, o crédito pode ser, inclusive, negado.

Nessas situações, como proceder? Vejamos algumas estratégias a seguir.

Empréstimo para quem tem score baixo: quais são as melhores opções?

Pode não parecer, mas existem algumas opções de crédito mais baratas ou empréstimo para quem tem score baixo.

Empréstimo consignado

O empréstimo consignado, tradicionalmente, oferece taxas de juros mais baratas e número de parcelas maior. Essa combinação forma valores de parcelas mais fáceis de pagar.

Continua após a publicidade

Essa é uma boa alternativa mesmo para quem já está com empréstimos consignados em curso.

Para esses casos, possível aproveitar a margem de crédito já liberada com as parcelas já pagas e também aproveitar regras emergenciais do governo, como no caso da pandemia do coronavírus.

Fintechs

Fintechs são startups voltadas para soluções financeiras alternativas às instituições tradicionais. Ou seja, a ideia é ofertar crédito de forma inteligente e desburocratizada.

E, se elas oferecem soluções diferentes e mais inovadoras que os bancos, podem ter o empréstimo para quem tem score baixo no portfólio, certo?

Continua após a publicidade

Empréstimo pessoal

O empréstimo pessoal é a tradicional concessão de crédito que usa o score, não é mesmo? 

Mas, mesmo negativado, é possível conseguir um novo empréstimo direto ou refinanciado, colocando os contratos anteriores em dia, o que é ótimo.

Algumas instituições são especializadas em empréstimo pessoal para quem tem score baixo ou está negativado, inclusive as fintechs que citamos.

Empréstimo com garantia

Empréstimo com garantia também pode ter uma condição mais vantajosa.

Isso porque nesse caso, a instituição financeira tem um bem como salvaguarda da operação, ou seja, o risco dela é reduzido e, portanto, pode praticar juros menores.

Continua após a publicidade

Mas, mesmo para essas opções, vale à pena tentar melhorar seu score de crédito, afinal de contas, poderá ser uma forma de reduzir os custos da operação.

Onde posso acompanhar meu score?

Você pode acompanhar seu score de crédito nos principais serviços e órgãos de proteção ao crédito.

Serasa

A consulta no Serasa é muito simples, basta acessar o Serasa Score, preencher o cadastro e finalizar a consulta. A pontuação aparecerá na tela gratuitamente.

SPC

O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) disponibiliza a consulta gratuita do Cadastro Positivo. Para descobrir seu score, basta informar seu CPF e finalizar o cadastro.

Continua após a publicidade

Boa Vista

A Boa Vista também oferece as soluções do Cadastro Positivo, que serve também para o registro quanto para a consulta.

Quod

A Quod também oferece a consulta gratuita ao score de crédito, além de outros serviços.

Como o score de crédito é avaliado?

Para a pontuação do score de crédito, a maioria das instituições considera:

  • 0 a 549 é um score abaixo da média;
  • 550 a 624 é um score médio;
  • 625 a 699 é uma pontuação boa;
  • 700 a 799 é uma nota muito boa;
  • 800 até 1000 é um score excelente.

E, se sua pontuação no score de crédito não estiver favorável? Você pode tomar algumas ações para melhorá-la.

Como melhorar meu score?

É importante que você saiba que o crédito não é negado apenas para quem está com o score baixo ou negativado.

Continua após a publicidade

As instituições financeiras usam uma base de dado para referenciar sua renda e o quanto dela está comprometido com operações de crédito.

Assim, mesmo com as contas em dia, você pode ter um novo empréstimo negado se isso ultrapassar determinada porcentagem das suas receitas totais.

Seguindo essa lógica, você pode tomar algumas medidas para melhorar seu score. Entre elas, temos:

  • mantenha seu cadastro atualizado nas instituições financeiras, pois, a possibilidade de fazer contato com o credor para regularizar um eventual atraso diminui os riscos de calote;
  • tenha um histórico saudável de pagamentos, assumindo compromissos financeiros que você consegue arcar;
  • tenha contas de consumo em seu nome, já que uma instituição pode aproveitar a análise de outra para fundamentar sua análise;
  • aumente seu relacionamento com a instituição financeira que deseja solicitar o crédito, transferindo seu pagamento para a conta, fazendo investimentos e usando outros serviços da instituição. 

Conclusão sobre empréstimo pessoal para quem tem score baixo

Vamos combinar, o empréstimo para quem tem score baixo não é simples de conseguir e a instituição financeira costuma aumentar suas cobranças de juros para compensar o risco da operação.

Continua após a publicidade

Por isso, o ideal é, primeiramente, buscar soluções que ajudem a regularizar suas contas, como uma renegociação de dívidas ou novas fontes para uma renda extra.

Assim, mesmo que você tenha que recorrer ao empréstimo para quem tem score baixo, o alívio que as outras estratégias vão proporcionar darão mais fôlego no mês.

Então, quer saber mais sobre elas e mais notícias sobre o mundo das finanças pessoais?

Assine a newsletter do portal iDinheiro e receba conteúdos sobre tudo o que importa para seu dinheiro.

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *