Saiba como ganhar dinheiro vendendo doces e tenha uma renda extra

Quer ganhar dinheiro na Páscoa vendendo doces e chocolates?
Veja dicas de como começar e opções para lucrar alto nessa e em outras datas comemorativas.

Amanda Gusmao
Amanda Gusmão

Vender bombons finos, “copo da felicidade”, ovo de páscoa, doces de festa, mousse em porções individuais, bentô cakes… Esses são alguns dos exemplos sobre como ganhar dinheiro vendendo doces. Afinal, todos são deliciosos e chamam a atenção dos clientes.

Aliás, essa foi uma das principais alternativas buscadas por quem precisou de alguma renda extra durante a pandemia, sabia? Então, se você está querendo começar um negócio na confeitara, mesmo dentro de casa, essa pode ser uma escolha interessante.

Melhores doces para vender e ganhar dinheiro em 2022

  • Doces e bolos de festa;
  • Chocolates, ovos de páscoa e outras opções sazonais;
  • Doces fit e especiais;
  • Doces típicos regionais;
  • Sobremesas gourmet;
  • Doces internacionais.

A seguir, apresentamos 8 dicas que certamente farão toda a diferença e ajudarão você a potencializar ainda mais os ganhos com a venda de doces. Confira!

8 dicas sobre como ganhar dinheiro com doces

1. Estude suas oportunidades de venda

Para começar, verifique o que você pode aproveitar para ajudar nas suas vendas. Esse é o momento de fazer um planejamento do negócio. Por isso, coloque no papel as ferramentas que tem à disposição e o que prefere.

Continua após a publicidade

O primeiro passo é pensar para quem você vai produzir. Quais são seus contatos? Você tem vários ou precisa expandir a sua base de clientes? Como você venderia para essas pessoas?

Aqui, as redes sociais podem ser boas aliadas. Por exemplo, ter um perfil no Instagram é uma boa ideia para mostrar seus doces, fazer vídeos de como as receitas são feitas, apresentar depoimentos de clientes etc.

Por sua vez, o WhatsApp é de grande auxílio para fechar vendas e manter um relacionamento com o consumidor. Com essa ferramenta, você pode até divulgar promoções, novos kits, produtos e mais.

No entanto, tenha um cuidado. Pouco adianta ter perfis em várias redes sociais. O ideal é escolher aquelas em que os seus potenciais clientes estão. Como descobrir isso? Pergunte as pessoas, faça testes simples e pesquise. Essa é a melhor forma de encontrar os canais certos.

Continua após a publicidade

2. Determine os tipos de doces que vai vender

Em seguida, pense se você vai oferecer diferentes tipos de doces ou se focará apenas um deles. Isso depende do seu nível de conhecimento, preferência, vontade de atender a um nicho específico etc.

Por exemplo, pode ser que prefira trabalhar apenas com os ovos de Páscoa para garantir uma renda a mais nesse período. Outra possibilidade são os doces fit, que são cada vez mais buscados pelos clientes.

Ainda existem outros tipos de doces para vender. Alguns deles são:

  • caseirinhos;
  • trufas gourmet;
  • bolo no pote;
  • docinhos de festa;
  • doces veganos;
  • brownies;
  • brigadeiros (vários tipos!);
  • donuts;
  • torta doce;
  • fudge.

Então, coloque sua criatividade e seu talento à prova! Você verá que existem várias oportunidades de venda de doces, especialmente se verificar o que seus potenciais clientes mais gostam.

3. Desenvolva receitas diferenciadas

Os doces tradicionais sempre vendem, mas as receitas diferenciadas serão sua vantagem competitiva. Você pode inovar de várias formas. Por exemplo:

Continua após a publicidade

  • criando novos recheios;
  • testando sabores diferenciados;
  • fazendo outros formatos — uma brasileira faz sucesso nos Estados Unidos fazendo coxinhas com a imagem de várias personalidades. Ela mesmo molda a massa no formato do rosto do famoso. Por que não fazer com doces?

Para chegar a esse resultado, você deve testar as receitas que já domina. Por exemplo, o brownie é bastante conhecido no Brasil, mas o blondie (vendido nos Estados Unidos), não. Pode ser um começo!

Outra possibilidade é criar diferentes tipos de sorvetes ou recheios de bolo diferenciados. Sempre vai ter alguém com disposição para experimentar!

Durante esse processo, anote tudo que está fazendo. A sistematização é fundamental para garantir que a sua receita seja replicada várias vezes com o mesmo sabor sempre. Se precisar, faça um curso de culinária.

Ainda capriche na apresentação. Lembre-se de que, na gastronomia, uma imagem realmente vale mais do que mil palavras. É ela que vai atrair seus clientes e aumentar suas vendas.

Continua após a publicidade

4. Use o calendário do comércio para ganhar dinheiro vendendo doces

As datas comemorativas são boas aliadas de quem trabalha no comércio. Nesses períodos, você vende mais, coloca seu produto à prova e pode se descobrir como um verdadeiro chef confeiteiro!

Para quem busca ganhar dinheiro vendendo doces, as melhores datas no calendário são as que listamos a seguir.

Ganhar dinheiro na Páscoa

Ganhar dinheiro na Páscoa é fácil. Afinal, a data foi feita para vender chocolate. Então, aproveite o período do ano para fazer aquele dinheiro a mais que vai reforçar as suas finanças pessoais.

Vale a pena até organizar seu orçamento para comprar os materiais com os quais vai produzir os doces. Assim, você evita ter problemas quando chegar a hora.

Continua após a publicidade

Com relação aos produtos, algumas ideias para vender são:

  • ovos de Páscoa, desde os mais tradicionais até aqueles de colher, trufados etc.
  • bombons;
  • trufas;
  • brigadeiros;
  • cones;
  • cupcakes;
  • bolos temáticos;
  • colomba pascal;

Para aumentar suas chances de ganhar dinheiro na Páscoa, pesquise as novidades do mercado, teste novas receitas e faça uma boa divulgação.

Vender mais no Dia das Mães

Apesar de ser menos tradicional, os doces saem bem no Dia das Mães. Pode ser desde um chocolate personalizado (talvez com uma mensagem especial) até um bolo decorado para a sobremesa do almoço.

Uma ideia é fazer kits com vários tipos de doces. Isso costuma agradar pessoas com diferentes paladares. Caixinhas com vários tipos de brigadeiros e com mensagens do tipo “mãe, eu te amo” também são boas alternativas.

Vale a pena investir em embalagens personalizadas e bonitas. Ainda pense em oferecer sobremesas prontas, como bombom aberto, pudim, tortas e mais. Essa é uma forma de ganhar mais ao facilitar o almoço do domingo especial.

Continua após a publicidade

Ganhar dinheiro com doces para o Dia dos Namorados

Aqui, o foco é o romance. Então, os doces precisam ter esse estilo. Existem várias possibilidades, como:

  • chocolates em formato de rosas e corações;
  • bombons recheados com licor;
  • alfajor em formato de coração;
  • bolo com frutas e/ou bombons;
  • caixas personalizadas com mensagens e vários bombons.

As embalagens também são importantes para essa data. Por isso, invista naquelas que remetam ao Dia dos Namorados.

Vender chocolate e doces para o Dia das Crianças

No Dia das Crianças, você pode abusar da criatividade. Geladinho (sacolé ou chup chup), biscoitos decorados, sanduíche de sorvete, pirulito e cupcakes são apenas algumas das opções.

O segredo é fazer tudo bem colorido. Coloque confetes, granulados e bolinhas de várias tonalidades. Também coloque numa embalagem divertida para chamar a atenção.

Continua após a publicidade

Ganhar dinheiro com chocolate e doces no Natal

Nessa data, vale a pena investir em várias sobremesas para enfeitar a mesa após a ceia — e o almoço de domingo, por consequência.

Os bolos são protagonistas, assim como as tortas. No entanto, o carro-chefe mesmo é o panetone. Você pode fazer desde a receita tradicional até aquelas estilizadas.

Por exemplo, um panetone em que o miolo é substituído por recheio. Ou que há uma grande quantidade de recheio misturado com a massa. Sem contar o chocotone, que também faz sucesso.

Ainda vale a pena investir em vários recheios. Faça alguns tradicionais e aposte em outros diferentes, como o de maracujá e o trufado.

Continua após a publicidade

5. Saiba definir corretamente o preço

Se você quer vender chocolate ou qualquer outro tipo de doce, precisa fazer uma boa precificação. Muita gente que está começando no ramo da confeitaria indica usar ingredientes de qualidade inferior para economizar.

Essa é uma péssima ideia. Isso porque a qualidade final será prejudicada. Por isso, é melhor optar por marcas de chocolate famosas, mesmo que sejam um pouco mais caras.

Outra indicação, especificamente para precificar, é calcular os custos de material e multiplicar por 3. Apesar de ser uma regra amplamente usada, ela está incorreta.

Isso porque o cálculo dos preços é mais abrangente. Portanto, triplicar pode ser suficiente em alguns casos, mas não em todos.

Continua após a publicidade

Então, o que fazer? O ideal é considerar:

  • custos de material, ou seja, todos os gastos com chocolate, massa, leite condensado, embalagem e o que mais você usar para produzir aquele doce;
  • valor da mão de obra, isto é, o valor do seu tempo de trabalho;
  • despesas com a testagem da receita. Afinal, é uma especialização que você fez;
  • gastos com divulgação, que pode ser online ou offline. Por exemplo, impressão de panfletos, campanha de links patrocinados etc.

Colocar todos esses gastos no papel pode ser difícil. Por isso, criamos a calculadora de preço de venda do iDinheiro. Ali, você já tem os campos para preencher e saber quanto deve cobrar por item. Facilita muito a vida, certo?

6. Invista em embalagens, promoção e divulgação

Até aqui, você viu que é importante investir nas embalagens e divulgar o seu produto. Ainda assim, vale a pena reforçar. Começando com as embalagens, elas devem refletir o perfil do seu público e da data que o produto será vendido. Elas podem ser infantis, elegantes, descontraídas, minimalistas e mais. Tudo depende das pessoas para quem você vende.

Outra forma de saber como ganhar dinheiro vendendo doces é fazer promoções. Os kits são uma boa pedida, porque eles facilitam a compra em mais quantidade. Eles podem conter vários tipos de produtos e terem tamanhos e preços variados.

Você também pode ter cardápio como ferramenta de vendas. Ainda que você faça a venda de acordo com os pedidos dos clientes, deixe organizado quais tipos de doces você dispõe e pode fazer.

Continua após a publicidade

Além de facilitar na hora da venda, essa é uma forma de direcionar os potenciais clientes. Também facilita bastante no momento da divulgação. Aliás, esse é um ponto importante, porque sem clientes não há vendas. Para isso, foque grupos de WhatsApp e mande mensagens direcionadas. Assim, o consumidor lembra do seu produto e acaba comprando.

Vale a pena até fazer parcerias. Por exemplo, se você produz apenas docinhos, pode oferecer seus serviços por meio de uma boleira de festa. Assim, as duas partes se ajudam.

Também é possível firmar parcerias com:

  • influencers da sua região;
  • organizadores de eventos;
  • buffet;
  • decoradores;
  • donos de salão de festa.

7. Aceite pagamentos com cartão de crédito

Os pagamentos nessa modalidade são cada vez mais recorrentes. Por isso, é praticamente obrigatório ter uma maquininha de cartão de crédito.

Ainda que pareça algo difícil de conseguir, há possibilidade de ter o equipamento mesmo sendo pessoa física. Apenas pesquise qual é a melhor alternativa para você. Algumas opções de maquininha são:

Continua após a publicidade

PagSeguro Minizinha NFC

  • Débito: 1,99%
  • Crédito à vista: 3,19% em 30 dias.
  • Crédito a prazo: 3,79% em 30 dias.

12 x R$ 4,90 ou R$ 58,80 à vista

  • Crédito: Mastercard, American Express, Elo, Visa, Cabal
  • Débito: Mastercard, Elo, Visa, Cabal
  • Benefícios: Ticket, Sodexo, VR, Alelo
  • Bluetooth
  • NFC
  • Sem Fio
  • Comprovante por SMS/Email
  • Conta Digital
  • Modelo Compacto

PagSeguro Moderninha Smart

  • Débito: 1,99%
  • Crédito à vista: 3,19% em 30 dias.
  • Crédito a prazo: 3,79% em 30 dias.

12 x R$ 39,90 ou R$ 478,80 à vista

  • Crédito: Mastercard, Hipercard, American Express, Elo, Diners Club, Visa, Cabal
  • Débito: Mastercard, Hipercard, Elo, Visa, Cabal
  • Benefícios: Ticket, Sodexo, VR, Alelo
  • Chip
  • Wi-Fi
  • QR Code
  • NFC
  • Serviços Financeiros
  • Bateria
  • Comprovante Impresso
  • Visor Colorido
  • Touchscreen
  • Sem Fio
  • Máquina Inteligente
  • Conta Digital

Ton T1 Chip

  • Débito: 1,29% em 1 dias.
  • Crédito à vista: 2,87% em 30 dias.
  • Crédito a prazo: 10,86% em 30 dias.

12 x R$ 8,90 ou R$ 106,80 à vista

  • Crédito: Mastercard, Hipercard, American Express, Elo, Visa
  • Débito: Mastercard, Hipercard, Elo, Visa
  • Benefícios: Nenhuma bandeira
  • Chip
  • Wi-Fi
  • QR Code
  • NFC
  • PIX
  • Bateria
  • Sem Fio
  • Modelo Compacto

Qualquer que seja a sua opção, o fato é que a maquininha ajuda a atrair clientes. Tanto é que, em 2022, o uso do cartão deve representar 60% do consumo. Ou seja, não oferece esse meio de pagamento é sinônimo de perder clientes.

8. Seja revendedora da Cacau Show

cacau

Revender Cacau Show

Por fim, outra maneira de empreender para quem quer saber como ganhar dinheiro vendendo doces é escolher uma das marcas de chocolate famosas para revender.

A Cacau Show tem um programa específico para isso. Ao se cadastrar, você tem uma margem de lucro de 15%, no mínimo. Ainda existe a possibilidade de conseguir 10% extra e prêmios exclusivos.

O investimento inicial é de R$ 300, sendo R$ 250,10 em produtos e R$ 49,90 em materiais de apoio. Essa quantia pode ser parcelada em até 3 vezes sem juros no cartão de crédito.

Continua após a publicidade

Uma das vantagens das marcas de chocolate para revender é a aceitação dos produtos. Como eles já são conhecidos no mercado, fica mais fácil oferecer aos clientes.

Além disso, você só foca a divulgação, porque o resto já vem pronto. Inclusive, pode vender apenas pelas redes sociais.

Portanto, essa é uma forma de conseguir dinheiro rápido. Apesar da Cacau Show oferecer essa possibilidade, outras marcas também oferecem esse formato de vendas. Vale a pena procurar.

Com essas dicas, fica mais fácil saber como ganhar dinheiro vendendo doces, certo? Então, arregace as mangas, coloque a mão na massa e literalmente, adoce a sua vida!

Vender doce vale a pena?

Vender bolos e doces pode ser muito lucrativo já que as possibilidades dentro do mercado são bem diversificadas. Aliás, ele movimenta aproximadamente R$ 12 bilhões por ano e as vendas desses itens aumentaram cerca de 37% somente entre março e junho de 2020.

Isso reflete um crescimento do consumo. A quantidade de mulheres que ingerem doces e chocolates 2 dias ou mais na semana foi de 41,3% para 47,1% na pandemia. Além disso, o bolo é o 4º produto mais vendido nas padarias.

Perguntas frequentes sobre como ganhar dinheiro vendendo doces

  1. Preciso ter CNPJ para ganhar dinheiro com doces?

    Não necessariamente. Você pode começar como pessoa física e até ter uma maquininha de cartão de crédito dessa forma. No entanto, o CNPJ é importante para se formalizar.

  2. Quais doces mais vendem?

    Isso varia muito. Portanto, vale a pena conversar com os potenciais clientes. De toda forma, algumas possibilidades são trufas, bolos no pote, doces veganos, cupcakes, pipoca gourmet e mais.

  3. Vale a pena ser revendedora Cacau Show?

    Para quem quer começar a ganhar dinheiro rápido e com baixo investimento, sim. Aos poucos, você pode aumentar as suas possibilidades.

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.