Calculadora de Taxas Equivalentes

Cálculo de taxas equivalentes, também conhecido como conversão de taxas.

Calculadora originalmente publicada pelo site Calculador que, desde Janeiro de 2021, faz parte do iDinheiro. Conteúdo e comentários foram integralmente mantidos.

Calculadora de Taxas Equivalentes

Valor em porcentagem para ser convertido.
Selecionar a taxa de juros entre mensal ou anual.
Taxa do resultado da conversão.

Resultado

Taxa Equivalente

Seja para calcular parcelas de dívidas ou de investimentos, a nossa calculadora de taxas equivalentes pode te ajudar! Entenda o que são taxas equivalentes, como calcular e veja como é fácil usar a nossa ferramenta.

O que são taxas equivalentes?

Você já ouviu falar em juros compostos? Eles também são conhecidos como “juros sobre juros” e estão presentes em empréstimos, financiamentos, no cheque especial, nos investimentos da renda fixa e em muitos outros produtos financeiros.

Continua após a publicidade

Na prática, os juros compostos acrescentam sempre um valor a mais, definido por uma taxa em porcentagem, em uma quantia prévia, que aumenta período a período. Ao contrário dos juros simples, que incidem apenas sobre o capital inicial, os compostos sempre incidirão sobre o acumulado. Por isso, seu efeito é bem mais significante. Por exemplo:

Capital inicial: R$ 100

Taxa de juros mensal: 1%

No cálculo de juros compostos, a capitalização seria assim:

  • mês 1: R$ 100 + 1% = R$ 101
  • mês 2: R$ 101 + 1% = R$ 102,01
  • mês 3: R$ 102,01 + 1% = R$ 103,03

Entendeu?

Imagine, então, que temos um investimento rendendo uma taxa anual de 10% e queremos saber quanto vamos ganhar por mês. Nesse caso, como se trata de juros compostos, não basta dividir por 12: é aí que entram as taxas equivalentes.

Como calcular taxas equivalentes?

Para saber quanto uma taxa de juros compostos anual representa mensalmente e vice-versa, precisamos fazer o cálculo das taxas equivalentes. Mas você não precisa ser um gênio da matemática e nem ter muita aptidão com os números, pois a fórmula é bastante simples:

Taxa equivalente = [(1+ taxa) elevado a: prazo que quero/prazo que tenho – 1] x 100

No caso do nosso investimento mencionado antes, nossa taxa é de 10% ao ano, então, o prazo que temos é de 12 meses e o que queremos é de 1 mês. Para o cálculo, vamos tirar a porcentagem da taxa, bastando dividir por 100: 10/100 = 0,1. Agora é só aplicar a fórmula:

Taxa equivalente = [(1 + 0,1) elevado a 1/12 – 1] x 100

Taxa equivalente = [(1,1) elevado a 0,0833 – 1] x 100

Taxa equivalente = [1,0079 – 1] x 100

Taxa equivalente = 0,0079 x 100

Taxa equivalente = 0,79% ao mês

Assim, sabemos que uma taxa anual de 10% equivale a uma taxa mensal de 0,79% (ou 0,8%, arredondando). Fácil, né?

Como usar a calculadora de taxas equivalentes?

Agora que você já sabe como calcular, saiba que não precisa ter esse trabalho toda vez: a nossa calculadora de taxas equivalentes já faz isso para você! Para usar, basta colocar a taxa que você tem e se ela é mensal ou anual e pronto! Seu resultado aparece logo abaixo.

Use-a sempre que precisar fazer essa conversão de taxas, seja para calcular a parcela de uma dívida ou saber quanto seu investimento vai render no período.


Veja também: calculadora de Juros Compostos: cálculo de juros sobre juros

Continua após a Publicidade