Concurso da Polícia Federal: 1,5 mil vagas para entrada imediata, além de cadastro de reserva

As remunerações iniciais dos aprovados no concurso da Polícia Federal serão de até R$ 23 mil, conforme a carreira. Confira mais informações.

LilianCH
Lilian Calmon

Nesta sexta-feira, 15, foi divulgado o edital do concurso público da Polícia Federal (PF). São 1,5 mil vagas para entrada imediata e 500 para formação de cadastro de reserva. As remunerações iniciais dos profissionais vão ser de até R$ 23 mil, conforme a carreira.

As inscrições estarão abertas entre 22 de janeiro e 9 de fevereiro de 2021. As taxas variam entre R$ 150 e R$ 250, a depender do cargo escolhido.

Continua após a publicidade

Confira o edital.

Concurso público da Polícia Federal: vagas exigem nível superior e mais de 18 anos

As vagas do concurso da PF exigem nível superior e mais de 18 anos. Para o cargo de delegado, é necessário ter diploma de bacharelado em Direito e três anos de prática jurídica. Para as demais funções, é necessário ter diploma em nível superior em qualquer área.

Confira, abaixo, as remunerações iniciais das carreiras e o número de vagas em aberto, conforme o edital:

  • Agente de Polícia Federal (893 vagas): R$ 12.522,50
  • Escrivão de Polícia Federal (400 vagas): R$ 12.522,50
  • Papiloscopista de Polícia Federal (84 vagas): R$ 12.522,50
  • Delegado de Polícia Federal (123 vagas): R$ 23.692,74

Além do salário, são oferecidos auxílio-alimentação, ganhos adicionais por lotação em fronteira, entre outros.

Confira as etapas do concurso da PF

O concurso da PF será composto por provas objetiva e discursiva, além das seguintes etapas:

  • teste de aptidão física;
  • avaliação médica e psicológica;
  • prova oral e prova de digitação para os cargos de delegado e escrivão, respectivamente;
  • avaliação de título;
  • investigação social.

As provas objetiva e discursiva estão previstas para ocorrer em 21 de março em todas as capitais.

Curso de formação será realizado em Brasília durante 10 semanas

Os candidatos aprovados em todas as etapas serão convocados para o curso de formação, realizado no período de 10 semanas na Academia Nacional de Polícia, em Brasília (DF). De acordo com o edital, eles vão ingressar na academia ainda em agosto de 2021.

O provimento de cargos deve ocorrer até 31 de dezembro. A estimativa é que no fim do processo, a PF conte com “o maior efetivo de sua história”, podendo ultrapassar a marca de 12 mil policiais.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre o concurso público da Polícia Federal? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações do Push.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.