O que é Reescalonamento de Dívidas e como ele funciona

Você sabe o que é Reescalonamento de dívidas? Entenda o que esse termo significa e veja como regularizar sua situação no principais bancos do Brasil.

perfil
Camille Guilardi

Em momentos de crise e imprevistos é muito comum perder o controle do orçamento familiar e cair na armadilha do cheque especial. E, para solucionar o problema, vale procurar pela Instituição Financeira da qual você é cliente e tentar renegociar sua dívida através do Reescalonamento de dívidas.

São várias as alternativas de pagamento da sua pendência, além de estar cada vez mais viável reduzir o valor do seu débito e aderir a alternativas como a de unificar todas as suas pendências. Entretanto, o reescalonamento de dívidas costuma ser uma das únicas opções para os endividados que permite driblar juros abusivos e colocar sua situação financeira em ordem.

Continua após a publicidade

Apesar de ser confundido com um alívio nas dívidas, é uma opção que também deve ser usada com cuidado! Apesar dos clientes conseguirem renegociar suas dívidas e assumirem um financiamento que caiba no seu bolso, o reescalonamento tem condições muito especificas.

Pensando nisso, resolvemos tirar todas as suas dúvidas para que você aiba como funciona a renegociação do seu débito, nos principais bancos brasileiros! Vamos conferir?

Continua após a publicidade

O que é reescalonamento de dívidas?

Primeiramente, vamos entender o que é o reescalonamento de dívidas. Ele trata, basicamente, de uma negociação entre o devedor e a instituição que busca diminuir o valor das parcelas de uma dívida, com o aumento dos juros.

Assim, caso você realizar um empréstimo, por exemplo, e não esteja conseguindo arcar com as parcelas em dia, é possível pedir um reescalonamento. Dessa forma, o banco pode lhe ajudar ao diminuir o valor das parcelas transferindo essa porcentagem para o final, ou seja, aumentando o número das mensalidades.

Como você já deve ter notado, isso ocasionará no aumento da tributação do valor. Porém, se você está apertado com as contas no mês e precisa de um alívio, até para evitar ficar com o nome sujo, essa pode ser uma boa opção.

Como funciona o reescalonamento de dívidas?

É importante ressaltar que o reescalonamento não representa uma diminuição das dívidas, apenas suaviza as parcelas ao aumentar o número de mensalidades. Entretanto, como já mencionamos, o serviço pode acabar sendo a única opção para os endividados.

Continua após a publicidade

Assim, o reescalonamento das dívidas pode ser feito de duas formas. A primeira, é com o cliente procurando a instituição para a qual está devendo para propor uma negociação. Por outro lado, a segunda forma ocorre quando o cliente já possui algumas parcelas atrasadas e o banco oferece o reescalonamento.

De qualquer forma, em ambos os casos é necessário prestar muita atenção nas condições propostas ao fechar negócio. Isso pois cada instituição possui sua própria política e é necessário avaliar bem quais serão as vantagens e desvantages do benefício.

Como fazer o reescalonamento de dívidas?

Sabendo o que é o reescalonamento e como ele funciona, podemos tratar de como fazê-lo. Acontece que, ao contrário do que você provavelmente está pensando, este é um benefício que além de ajudar quem não consegue ficar em dia com as suas contas, também é útil para aqueles que desejam sair do vermelho.

O reescalonamento é uma negociação, assim, também pode ser feita para quitar um débito pendente. Assim, para fazer um reescalonamento é necessário entrar em contato com o banco e solicitar o serviço. Dessa forma, é provável que os juros sejam retirados e você ganhe um desconto para quitar as próximas parcelas.

Continua após a publicidade

Portanto, por vezes o reescalonamento se mostra vantajoso, já que pode eliminar tributações e garantir mais benefícios ao devedor. Porém, relembrando, é necessário prestar atenção ao fechar contrato para não acabar metendo os pés pelas mãos.

Para que serve o reescalonamento?

Agora que você sabe tudo a respeito do reescalonamento de dívidas e que seu papel é evitar que os débitos se tornem demasiados ao ponto dos clientes não conseguirem arcar com os valores, podemos falar da função do serviço.

O papel dessa negociação, no entanto, vai muito além disso. Inclusive, pode ser uma ótima forma de se organizar financeiramente. Através do reescalonamento é possível realizar a negociação de forma que o cliente passa a ter uma maior parte livre em seu pagamento, o que pode ajudá-lo a pagar demais dívidas.

Assim, a função do reescalonamento de dívidas é tanto permitir uma maior liberdade financeira, quanto evitar que você acabe contraindo ainda mais dívidas.

Continua após a publicidade

Vantagens do reescalonamento

O reescalonamento oferece algumas vantagens para aqueles que adiquirem o serviço e, dentre as principais, são elas:

  • Recuperação de crédito;
  • Orçamento com valor mais acessível;
  • Maiores descontos;
  • Desvinculação com a instituição;
  • Sair da inadimplência.

Desvantagens do reescalonamento

Entretanto, o reescalonamento também não é uma opção indicada para qualquer pessoa ou que deve ser tomada de maneira precipitada.

É necessário avaliar todo o seu contexto financeiro para não acabar cometendo um erro. Dizemos isso pois esse é um serviço que oferece algumas desvantagens também, como:

  • Juros altos;
  • Aumento da dívida a longo prazo;

Por isso, ao considerar pedir um reescalonamento, analise bem se essa é a melhor opção para o seu caso!

Continua após a publicidade

Como regularizar a sua situação nos bancos

Banco do Brasil

Banco do Brasil

Se você for correntista do Banco do Brasil, já se encontra disponível através do serviço de Internet Banking da Instituição, um menu destinado para a renegociação de suas pendências. Lá, também está disponível a possibilidade de unificar as dívidas do cartão de crédito, cheque especial e empréstimos na mesma negociação. Com isso, chega-se a um valor único e são apresentadas formas de pagamento que realmente tornem possível a regularizar a sua situação cliente em débito.

Vale ressaltar que há situações nas quais seus limites de créditos precisem ser reavaliados para ativar esse serviço e pode ser que ele venha sofrer alterações por parte do banco. Caso não tenha tanta familiaridade com o Internet Banking você também pode buscar atendimento na sua agência do Banco do Brasil e renegociar suas pendências através de um atendimento presencial.

reescalonamento
Entenda o que é Reescalonamento e pague suas Dívidas

Caixa Econômica Federal

2_caixa-logo-150x150

A Caixa Econômica Federal também possui um canal de negociação online, entretanto, no caso dessa instituição cada dívida, em atraso, deverá ser renegociada de acordo com as condições previstas em contrato. Portanto se você possui pendências com essa instituição acesse o Internet Banking e vá ao Menu correspondente ao gerenciamento de contratos.

Consulte as condições existentes para cada uma das linhas de crédito que você contratou e renegocie suas dívidas o quanto antes, práticas assim vão garantir a regularização da sua situação junto ao banco. Aqui seus limites de crédito também poderão ser revistos durante o período de pagamento da dívida, isso acontece pois o banco tem interesse em garantir a quitação do seu débito inicial.

Continua após a publicidade

Caso você não tenha acesso ou não queria receber atendimento online basta se dirigir a sua agência Caixa e solicitar a renegociação de suas dívidas presencialmente.

Banco Itaú

Itaú

Se você é correntista Itaú ou possui uma dívida junto ao banco, basta acessar a página de renegociação disponível no site da instituição. Na página você terá acesso ao canais de comunicação para realizar a negociação e, caso já tenha chegado à um acordo, também pode consultar e imprimir os boletos de pagamento.

Assim como ocorre em outros bancos, também é possível buscar essa renegociação através do atendimento presencial nas agências espalhadas por todo o Brasil. No Itaú você também consegue concentrar todas as suas dívidas em uma única negociação e buscar a melhor maneira que quitar todas as suas pendências.

Santander

Santander

No caso de clientes Santander você consegue colocar sua situação em dia através do “Crédito Unificado” que concentra todas as suas dívidas do Cartão de Crédito, Cheque Especial e Crédito Pessoal em um único contrato. Desta forma é possível renegociar maneiras de pagamento e chegar em uma parcela que cabe no seu orçamento familiar.

Continua após a publicidade

Para conseguir atendimento basta baixar o App do banco e acessar o Menu correspondente ao serviço ou procurar por atendimento presencial em uma das agências Santander.

Bradesco

bradesco-logo1-150x150

As renegociações para os clientes Bradesco podem ocorrer nos três principais canais de atendimento do banco. O Internet Banking – com atendimento online;  no caixa eletrônico – em dias úteis das 8h às 17h45, ou por meio do serviço de atendimento telefônico, através dos números 4002 0022 (para capitais e região metropolitanas) e 0800 570 00 22 (para demais regiões).

Você também pode fazer sua proposta e buscar orientação personalizada no site do banco. Ficou com alguma dúvida? Não deixe de buscar soluções para suas dívidas e manter uma boa relação com o mercado.

Conclusão

Agora você sabe o que é o reescalonamento de dívidas, quais suas vantagens, desvantagens para que serve o serviço. Além disso, esperamos que saiba também tomar a melhor decisão acerca de como o reescalonamento afetará a sua renda e sua organização financeira.

É importante manter os pés no chão e não tomar nenhuma decisão precipitada. Assim, confira o seu orçamento mensal e defina suas prioridades antes de solicitar o reescalonamento.

Ademais, conta pra gente o que achou do nosso post! Ficou com alguma dúvida? Esquecemos de mencionar algum ponto importante? Coloca nos comentários que será nosso prazer te responder.

Continua após a Publicidade

23 comentários

  1. Rafael

    Reescalonamento, eu pagando as parcelas em dias, ou adiantando algumas parcelas eu posso ter o crédito navemente

  2. Eliane c

    Boa noite, gostaria de saber ser o dinheiro cai na conta, para eu negociar é isso.

  3. Continua após a publicidade

  4. Marcela silva

    Quando é feito o reeslocamento da divida do cartão de credito o limite volta ao normal ou so apos quitar todas as prestações ?

  5. Renata

    Quando é feito o reeslocamento da divida do cartão de credito o limite volta ao normal ou so apos quitar todas as prestações ?

  6. Queema

    Se eu fizer esse reescalonamento no BB, eu posso pedir dinheiro a mais? Ou seja meu empréstimo e cartão passa a ser uma divida só e ainda sobra dinheiro pra mim, ou nao!?

  7. Continua após a publicidade

  8. Agnaldo

    Quando vc faz o reescalonamento quantos dias demora pra cair o valor solicitado em conta ? Fiz no caixa eletrônico.

  9. Roberto Gomes

    O juros no banco do Brasil e abaurdo uma divida de $10mil vai pra $49mil em 78x.
    Loucura.

  10. Continua após a publicidade

  11. Ercilio Martins

    Esse reescalonamento é como se fosse um emprestimo?

  12. Elizabeth Neves

    Rescalonamento
    caixa como e feito?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.