CVV no cartão de crédito: saiba o que significa e como funciona

Você sabe o que significa e como funciona o CVV no cartão de crédito?

Ao fazer compras no crédito, principalmente de forma on-line, muitas dúvidas surgem sobre pagamentos, rapidez na aprovação, funcionamento das maquininhas e formas de evitar fraudes.

Especificamente sobre a última questão, existem várias camadas de segurança que evitam fraudes e sobrecargas nos cartões de crédito.

Continua após a publicidade:

Dentre elas, uma das coisas que ajudam nesse processo de segurança são os três números no verso do seu cartão, ou seja, o CVV.

No caso de compras on-line ou por telefone, geralmente será solicitado que você forneça o nome completo, o número, a data de validade e o chamado número CCV ou CVC. 

Continua após a publicidade

Esses três ou quatro dígitos ficam na parte traseira do cartão e servem para ajudar a proteger suas finanças ao usá-lo remotamente.

Por isso, é importante saber como ele funciona. E hoje vamos te ajudar a entender tudo sobre o assunto!

O que é um número CVV ou CVC?

O número CVV (Card Verification Value ou Valor de Verificação do Cartão) ou CVC (Código de Verificação do Cartão) costuma ter três ou quatro dígitos.

Se você tiver um cartão de crédito ou débito da marca Visa ou Mastercard, será um número de 3 dígitos localizado na parte de trás do cartão. Já se estiver usando um cartão emitido pela American Express, o CVV será um número de quatro dígitos encontrado na parte frontal.

Continua após a publicidade

Esta é uma medida anti fraude usada quando fazemos uma compra, mas não é necessário inserir um PIN ou assinar um recibo.

É por isso que é solicitado que você insira seu número CVV se estiver comprando on-line ou efetuando uma compra por telefone.

Isso é necessário para que o comerciante ou beneficiário possa verificar se você é realmente o titular do cartão e evitar que as pessoas façam uso do seu cartão para transações fraudulentas.

Como o número CVV ou CVC é impresso apenas no seu cartão, é importante que você o mantenha seguro.

Continua após a publicidade

Se o seu cartão for perdido ou roubado, qualquer pessoa poderá usá-lo para fazer compras on-line ou por telefone sem a sua permissão.

Caso a perda ocorra por qualquer motivo, entre em contato imediatamente com o emissor do cartão para cancelá-lo e fique de olho no seu extrato para relatar transações fraudulentas. 

O número CVV ou CVC é considerado um Secure Socket Layer (SSL), que é uma tecnologia bastante utilizada, sendo um processo de certificação fornecido digitalmente.

Como funciona o CVV no cartão de crédito?

Desenvolvido por Michael Stone em 1995, o CVV era originalmente um código alfanumérico de 11 caracteres.

Continua após a publicidade

A Associação Britânica de Serviços de Compensação de Pagamentos adotou o código e finalmente o revisou para três dígitos. 

Com relação ao seu uso por parte das instituições financeiras, a MasterCard está entre as pioneiras, emitindo números CVV em seus cartões desde 1997.

Além disso, entre as primeiras encontra-se também a American Express que começou a emiti-los em 1999, em resposta ao crescimento das transações feitas on-line. Hoje o uso já é comum às instituições que oferecem cartões de crédito. 

Quando usado corretamente, o CVV é altamente eficaz contra algumas formas de fraude.

Por exemplo, se os dados na faixa magnética forem alterados, um leitor de faixas indicará um erro chamado “cartão danificado”.

Continua após a publicidade

O CVV impresso plano é (ou deveria ser) rotineiramente necessário para compras por telefone ou pela Internet, pois implica que a pessoa que faz o pedido está em posse fisicamente do cartão.

Alguns comerciantes verificam o CVV impresso plano mesmo quando as transações são realizadas pessoalmente, o que aumenta a segurança para ambas as partes envolvidas na transação. 

Apesar da segurança dessa tecnologia, ela não pode proteger contra todas as formas de fraude.

Se um cartão for roubado (e não cancelado a tempo) ou o usuário legítimo for enganado para repassar informações da conta a um comerciante fraudulento, isso poderá resultar em cobranças não autorizadas.

Continua após a publicidade

Quais são os tipos de códigos no CVV?

Existem alguns tipos de códigos no CVV, mas os três principais são:

CVV 1 ou CVC1

Este tipo é codificado na segunda faixa da tarja magnética do cartão e é usado para transações com “cartão presente”.

Isso valida que ele está na posse do proprietário e permite que o código seja recuperado automaticamente quando passar em um dispositivo de pagamento.

CVV 2 ou CVC2

Destinado a transações com “cartão não presente”, o CVV2 ou CVC2 valida um pagamento mesmo sem o cartão de crédito real do titular do cartão. Este código verifica as transações feitas on-line ou por telefone.

iCVV ou CVV dinâmico

O terceiro é usado em cartões sem contato e cartões com chip. Eles são atualizados constantemente, dificultando a cópia.

Continua após a publicidade

Conclusão

Ao usar seu cartão de crédito, esteja ciente dos arredores e do comerciante com quem está negociando para evitar fraudes.

Garanta a segurança de suas informações, mantendo o olho no objeto o tempo todo, principalmente em grandes festas como no carnaval, por exemplo. 

No iDinheiro, apresentamos todas as informações úteis para a sua vida financeira: seguros, empréstimos, financiamentos, contas digitais, entre diversos outros temas.

Aqui, você pode saber mais sobre as opções de cartões de crédito do mercado e fazer a melhor escolha. 

Não esqueça também de assinar a nossa Newsletter e receber semanalmente no seu e-mail um material exclusivo sobre tudo o que importa para o seu dinheiro.

Publicidade