WhatsApp Pay: veja como funciona, quanto custa e como ativar

Saiba mais sobre a funcionalidade de Pagamentos no WhatsApp! Entenda as principais informações que você precisa saber antes de começar a usar o WhatsApp Pay.

12669432_1218137561529803_7092902009906739723_n
Thainá Cunha

Os números do WhatsApp no Brasil mostram a impressionante popularidade do aplicativo entre os usuários. 

De acordo com uma pesquisa da consultoria Sensor Tower, o WhatsApp ficou em 4º lugar entre os aplicativos mais baixados durante o ano de 2020.

Assim, para se ter uma ideia, as estimativas dão conta de que aproximadamente 120 milhões de brasileiros utilizem o app.

Continua após a publicidade

Para atender a esse público crescente, em maio de 2021, o WhatsApp lançou a ferramenta de Pagamentos no WhatsApp (WhatsApp Pay). 

O recurso já havia sido lançado em 2020, mas foi suspenso pelo Banco Central. Após a aprovação do Facebook Pay pela instituição, a funcionalidade foi liberada.

Continua após a publicidade

Quer saber mais sobre qual a proposta da ferramenta, como utilizá-la e se ela é segura? Acompanhe o conteúdo que preparamos e tire as principais dúvidas sobre o assunto.

O que é o WhatsApp Pay?

A ferramenta de Pagamentos no WhatsApp, também conhecida como WhatsApp Pay, é a opção de pagamentos da empresa. Essa alternativa possibilita o envio de dinheiro por meio de transferências dentro do aplicativo.

A proposta é facilitar os pagamentos de rotina por meio das conversas do WhatsApp. Dessa forma, é possível realizar transações com cartão das bandeiras Visa e Mastercard.

Segundo a empresa, a funcionalidade estará disponível para todos os usuários ao longo desse ano. Mas, para quem já está com o recurso ativado, a solução pode ser acessada.

Continua após a publicidade

No Brasil, o WhatsApp Pay foi regulamentado como iniciador de pagamentos, que é um dos tipos de pagamento.

Dessa forma, de acordo com o Banco Central, o WhatsApp pode oferecer serviços para compras, vendas e movimentações financeiras. No entanto, está impossibilitado de disponibilizar empréstimos e financiamentos.

Sendo assim, como iniciador de pagamentos, a solução de Pagamentos no WhatsApp pode executar ordens de transações a pedido de seus clientes.

Portanto, essa é uma boa alternativa para pessoas físicas que buscam simplificar e diversificar os métodos de pagamentos.


Pagamentos no Twitter? Plataforma anuncia função de enviar e receber dinheiro


Quem pode usar? 

Há alguns critérios para enviar pagamentos pelo WhatsApp Pay, são eles:

  • ser maior de 18 anos;
  • ter um cartão que possua a função débito e que seja emitido por algum banco parceiro.

A opção está disponível para pessoa jurídica?

Por enquanto, ainda não há liberação de Pagamentos no WhatsApp para pessoas jurídicas. Mas, de acordo com a empresa, a liberação será feita em breve. 

Há limites para as transações?

Tanto o WhatsApp quanto a instituição financeira parceira podem estabelecer limites para os valores e quantidades de transações.

Por parte do WhatsApp, as limitações são as seguintes:

  • até R$ 1.000 por transferência;
  • até 20 pagamentos podem ser recebidos diariamente;
  • até R$ 5.000 enviados ou recebidos mensalmente.

Como funciona o WhatsApp Pay? 

O WhastApp Pay funciona apenas em smartphones e não está disponível para utilização pelas plataformas web e para computadores.

Antes de utilizar essa ferramenta para transferir os valores, o pagador e o recebedor da transferência devem configurar o Facebook Pay

Continua após a publicidade

Para isso, é preciso possuir um cartão de débito das bandeiras Visa ou Mastercard de alguma das seguintes instituições: 

Caso você tenha cartão que possua apenas a função crédito ou que seja de outra empresa, não será possível realizar a transação. 

Para receber a transferência, o destinatário do recurso também deverá ser correntista das instituições acima. 

Assim, após o envio do dinheiro, o valor será disponibilizado na conta do destinatário e debitado da conta do pagador.


PicPay Empresas: conheça tudo sobre a solução digital para o seu negócio


Como é feita a transação?

Após configurar o Facebook Pay, o recurso de Pagamentos estará disponível no WhatsApp. Assim, a realização das transferências é feita da seguinte forma:

  1. Ao escrever uma mensagem, clique no ícone de clipe de papel, onde são anexadas fotos, documentos e vídeos. Dentre as opções de anexo, haverá a alternativa “Pagamentos”, que deverá ser selecionada.
  2. Informe o valor a ser transferido e, se desejar, acrescente uma mensagem.
  3. Clique na seta para enviar. Caso o seu cartão já esteja configurado, serão exibidos os últimos quatro dígitos. Assim, será preciso clicar em “Pagar”.
  4. Em seguida, informe o PIN cadastrado durante a configuração do Facebook Pay.
  5. Pronto! A transferência foi realizada.

Após esse processo, o valor será encaminhado e será exibida uma mensagem na conversa sobre a transação que foi concluída no aplicativo.

Continua após a publicidade

Quanto tempo demora?

O WhatsApp não informou o prazo exato para a conclusão da transferência. Mas, conforme a empresa, ela é realizada de forma rápida.

Quanto custa?

Segundo o WhatsApp, não há cobrança de taxas para a utilização do Pagamentos no WhatsApp. 

No entanto, a instituição alerta para possíveis cobranças por parte do banco em caso de uso do cheque especial ou pela operadora de celular, se houver a utilização dos dados móveis durante a operação.

O WhatsApp Pay é seguro?

Como explicamos acima, o recurso de Pagamentos no WhatsApp faz parte do Facebook Pay, solução que foi aprovada pelo Banco Central do Brasil.

Além disso, o Facebook Pay utiliza criptografia e outras camadas de segurança para a proteção dos dados do cartão.

De acordo com o WhatsApp, para proteger ainda mais as transações, é possível utilizar o PIN do Facebook Pay ou a biometria do celular como requisitos para a aprovação das transferências.

Continua após a publicidade

Por ser regulamentado como iniciador de pagamentos, o WhatsApp não pode acessar o dinheiro que está no banco. A função do app é apenas executar a ordem a pedido do pagador, após a sua solicitação.

Com isso, o aplicativo traz mecanismos de segurança relevantes para transações financeiras.


Como escolher a melhor conta PJ? Veja cinco alternativas que selecionamos para te ajudar


Conclusão

O WhatsApp Pay pode ser um facilitador para pagamentos diários, principalmente entre familiares, amigos e pessoas próximas.

Por meio dessa solução de Pagamentos do WhatsApp a transferência de recursos pode ser simplificada, principalmente para quem ainda não tem Pix ou conta digital que oferece esse serviço gratuitamente. 

Afinal, a isenção de tarifas é uma das principais vantagens dessa modalidade de pagamento. Mas, por outro lado, há algumas desvantagens, como: 

  • o requisito de conta em poucas instituições financeiras;  
  • os limites de valores;
  • os limites de quantidades de movimentações. 

Continua após a publicidade

Além disso, como o serviço ainda está sendo implementado no Brasil, há pontos de aperfeiçoamento que trarão outros benefícios para os usuários.

Algumas dessas melhorias são a utilização da funcionalidade por pessoa jurídica e a integração com o Pix, que estão previstas para o futuro.

Esses fatores devem ser considerados por quem tem dúvidas sobre o WhatsApp Pay. Mas, no geral, consideramos que vale a pena experimentar o app e conferir como ele funciona na prática.

Nesse sentido, é importante reforçar a adoção das práticas de segurança, como a biometria e o PIN, antes de fazer qualquer transferência.

Após considerar esses fatores, ficará mais fácil começar a utilizar o WhatsApp Pay e contar com as facilidades dessa ferramenta.

Por fim, veja mais recursos de pagamento para implementar na sua empresa e confira como funciona a venda digitada!

Agora que você já conhece mais sobre a funcionalidade de Pagamentos do WhatsApp, fique por dentro do que você precisa saber sobre finanças! Assine a nossa newsletter e não perca as novidades e análises que vão te ajudar!

Continua após a publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.