#finanças

Imposto de Renda: Receita libera R$ 180 milhões em novo lote de restituições

#finanças

A Receita Federal abriu a consulta a mais um lote residual de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de anos anteriores nesta segunda-feira (25).

#finanças

O lote residual se refere aos contribuintes que caíram na malha fina, mas regularizaram as suas pendências.

#finanças

Segundo dados da Receita, 210.153 contribuintes receberão R$ 180.556.530,18, incluindo aqueles que têm prioridade legal, como idosos acima de 60 anos, e contribuintes não prioritários.

#finanças

O pagamento do lote residual será realizado no dia 29 de abril, diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda.

#finanças

Caso o crédito não seja realizado porque a conta informada pelo contribuinte foi desativada, por exemplo, os valores ficarão disponíveis para resgate por até um ano no Banco do Brasil.

#finanças

Nesse caso, o cidadão poderá reagendar o crédito dos valores através do Portal BB ou pela Central de Relacional BB, por meio dos seguintes telefones:

#finanças

- 4004-0001 (capitais);

- 0800-729-0001 (demais localidades);

- 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

#finanças

Após o prazo de 1 ano, o contribuinte só poderá solicitar o valor da restituição através do Portal e-CAC.

#finanças

Como consultar o lote residual de restituições

#finanças

Para saber se a restituição está disponível, o contribuinte deve acessar a página da Receita, selecionando “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, “Consultar a Restituição”.

#finanças

A página apresenta orientações e os canais de prestação do serviço, permitindo uma consulta simplificada ou uma consulta completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, que pode ser acessado no e-CAC.

#finanças

Caso identifique alguma pendência na declaração, o contribuinte pode retificá-la.

#finanças

O contribuinte também pode consultar o lote residual de restituições através do aplicativo Meu Imposto de Renda, disponível para Android e iOS.

#finanças

Gostou do conteúdo? No iDinheiro abordamos os principais temas que impactam o seu bolso!