Para quem prefere pagar as contas de maneira parcelada, ou possui um limite baixo no cartão de crédito, poderá optar por parcelar as compras online através do aplicativo da fintech VirtusPay, lançado na última segunda feira (13/06).

Basicamente, a VirtusPay é responsável por pagar o produto à vista para o e-commerce desejado, e financia o valor da compra para o consumidor através de boletos bancários online.

Continua após a publicidade


Essa, inclusive, é uma solução que vem sendo bastante solicitada pelos consumidores que não utilizam cartão de crédito, mas mesmo assim, não abrem mão do parcelamento de faturas. 

O objetivo da fintech, é que através do VirtusPay, o consumidor consiga ter novas opções de pagamento sem precisar se preocupar com grandes questões, já que o boleto será enviado de maneira automática para sua caixa de entrada.

Como solicitar o parcelamento do VirtusPay

Para solicitar o parcelamento da compra no VirtusPay, o usuário precisará enviar os dados do pedido, assim como imagem do boleto em questão e o pedido de compra do e-commerce.

Enviando os documentos necessários para cadastro da compra, como nome, comprovante de endereço e cópia do documento original, após a aprovação do cadastro, já é possível contar com a análise de crédito de até 24h para o parcelamento da compra.

Desta maneira, o cliente paga o valor da compra, mais uma porcentagem de juros estabelecida anteriormente pela fintech.

Além disso, o VirtusPay apresenta funções como notificações para avisar sobre a aprovação do crédito no aplicativo, vencimento das parcelas e promoções exclusivas do dia.

Plataformas disponíveis

O VirtusPay pode ser utilizado através de dispositivos móveis como celulares e tablets. Afinal, somente no ano de 2019, as compras realizadas via celular movimentaram cerca de R$ 25,9 bilhões somente no Brasil.

Por isso, o aplicativo já está disponível para download em sistemas operacionais que utilizem Android e nos próximos dias, os usuários de iOS, sistema da Apple, também já poderão contar com a solução.

Quer acompanhar notícias sobre o universo financeiro? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro.