Quer saber como funciona o financiamento Honda? Então, está em busca de um veículo ou moto nova.

Além da predileção por uma montadora, é preciso conhecer as condições do mercado e escolher aquela que reúne o maior número de vantagens para realizar sua compra sem ter que comprometer seu orçamento mensal.

Continua após a publicidade


Nesse sentido, o financiamento Honda uma série de personalizações das suas condições de negociação que vão desde aquelas definidas por análise de crédito, até outras que são da escolha do cliente.

Quer saber como cada uma delas funciona e, principalmente, acompanhar dicas que vão ajudar na escolha do melhor financiamento para você? Então, confira todas as informações essenciais que reunimos neste post.

O que é o financiamento Honda?

O financiamento Honda é uma modalidade de compra oferecida pelo Banco Honda que contempla a aquisição de veículos e motos da montadora.

Os contratos podem ser realizados no formato CDC, Leasing e Honda Evolution, como veremos a seguir.

Mas, quais são os pontos fortes ao escolher o financiamento oferecido pela montadora? Entre eles, podemos listar:

  • a rede de concessionárias Honda abrange todo território nacional, ou seja, é possível encontrar uma loja da marca que oferece as condições de financiamento;
  • as ofertas de financiamento são válidas para carros e todos os modelos de motocicletas Honda, nacionais e internacionais;
  • a data de vencimento pode ser definida de acordo com as necessidades do clientes;
  • é possível incluir 8% do valor da motocicleta no financiamento para custear as documentações necessárias do processo de compra;
  • possibilidade de negociação do preço, já que a montadora também é a detentora das ofertas de financiamentos.

É bom lembrar que o desejo de comprar um veículo ou motocicleta Honda não impede que o cliente realize o financiamento com seu banco ou outra financeira, ou seja, é importante colher os orçamentos e estudar qual a melhor opção, certo?

Quem pode contratar o financiamento Honda?

O financiamento Honda é liberado para os clientes que são aprovados na análise de crédito e apresentam a documentação necessária para o contrato.

Alguns deles são:

  • documento legal de idade comprovando ser maior de 18 anos;
  • CPF;
  • CNH;
  • comprovante de endereço recente;
  • comprovante de renda recente.

Outros documentos podem ser solicitados além dos que foram acima listados. Além disso, consultas em órgãos de proteção ao crédito, além do Sistema de Informações de Crédito do Banco Central (SCR).

Nesse sistema, é feita uma consulta em todas as instituições financeiras para analisar as operações de crédito registradas no CPF do cliente.

Assim, é possível avaliar o nível de comprometimento de renda e, saber se a parcela do financiamento desequilibraria seu orçamento mensal.

Essa é uma medida que protege o cliente, fazendo com que ele busque apenas soluções de crédito consciente, mas também a empresa, que mantém uma relação amigável com seu público, mitiga riscos de inadimplência e litígios judiciais para a recuperação de seus prejuízos.

Todo esse processo envolve o pagamento da Tarifa de Cadastro que, no banco Honda, tem o custo de R$490,00 e é aplicável a todas as modalidades de financiamento da instituição.

Então, vamos conhecer quais são elas?

Quais as modalidades de financiamentos da instituição financeira?

Dentre as modalidades ofertadas pelo Banco Honda, temos o CDC, leasing e Evolution Honda. Cada uma dessas opções possui vantagens e desvantagens de acordo com seu perfil, por isso, é importante entender como cada uma delas funciona.

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

Nessa modalidade, como o nome sugere, o recurso é liberado ao cliente, fazendo com que o bem adquirido esteja em seu nome e, arrendado ao Banco Honda.

Essa é uma relação onde o risco do banco é maior em uma eventual inadimplência, por isso, suas taxas de juros costumam ser maiores do que as do leasing.

Porém, a quantidade de parcelas e valores de entrada flexíveis e, principalmente, a possibilidade de antecipação de parcelas com desconto são alguns de seus atrativos.

Leasing

Realizado pela Honda Leasing, essa opção não está disponível para as motos. Nele, o bem fica em nome da instituição financeira, com direito de uso do cliente.

Isso significa que o nível de risco para a Honda Leasing é menor e, portanto, a taxa de juros dessa modalidade costuma ser mais atraente que o CDC.

Porém, a antecipação de parcelas não é tratada da mesma forma que em um CDC e, em muitos contratos, existem multas para a realização dessa operação.

Evolution Honda

O Evolution Honda é uma oferta de CDC em que o cliente paga uma entrada, paga parcelas reduzidas e, ao final do plano, quita o valor remanescente, garantindo que a montadora irá comprar seu veículo de volta se ele estiver dentro das condições contratuais.

Para entender melhor, aqui vai a sequência de contratação e pagamento do Evolution Honda:

  • escolha do carro desejado;
  • análise de crédito e aprovação do financiamento;
  • entrada de 50% a 60% do valor do veículo, sendo possível a oferta de outro carro;
  • definição da data do pagamento da primeira parcela, que pode acontecer em até 90 dias da efetivação da compra;
  • escolha do plano de parcelas, sendo possível optar por 24 ou 36 parcelas;
  • início do pagamento das parcelas reduzidas em até 50%, o que permite que seus valores não comprometam o orçamento mensal do comprador;
  • quitação do valor remanescente, que pode ser entre 10% e 40% do valor integral do veículo;
  • opção pela venda do veículo para concessionária de acordo com as condições estabelecidas;

Ao revender o carro para a concessionária, o cliente pode usar parte do valor para quitar o valor em aberto e, com o restante, dar entrada em um novo veículo da montadora iniciando um novo ciclo no Evolution Honda.

A concessionária vai avaliar a condição geral do veículo antes da recompra, considerando o estado físico geral do bem, como pintura original, vidros, faróis, rodas, pneus em bom estado, além de documentos em dia e ausência de pendências no Departamento de Trânsito (Detran).

As taxas de juros em qualquer modalidade depende da análise de crédito do cliente, momento do mercado e promoções da concessionária.

É bom lembrar que existem momentos do mercado que são mais favoráveis para esse tipo de compra, não é mesmo? Por isso, pode valer à pena esperar. Outro fator que o financiamento Honda ou qualquer outros leva em consideração é o percentual do valor da entrada paga pelo cliente, ou seja, ele também pode alterar as condições oferecidas, inclusive a taxa de juros.

Ou seja, esperar o momento certo do mercado e poupar dinheiro durante esse período é uma estratégia duplamente eficiente, não é mesmo? Quer algumas dicas de como fazer isso?

Assine a newsletter do iDinheiro e receba dicas como essa do financiamento Honda e tudo mais que é relevante para sua evolução econômica pessoal.