Trademap gratuito vale a pena? É seguro? Confira a análise completa!

O Trademap surgiu visando consolidar todos os investimentos de uma pessoa na mesma plataforma, para facilitar o processo de visualização da carteira de ativos.

melissa nunes perfil
Melissa Nunes

É inegável a importância e a popularidade que os hubs de investimento estão ganhando no mercado, mas muitos usuários ainda se perguntam se versões como o Trademap gratuito são mesmo seguras e valem a pena.

A plataforma se consolidou como uma das mais relevantes no segmento, e suas funcionalidades atraem todos os tipos de investidores que buscam potencializar sua atuação.

Continua após a publicidade

No entanto, nem todos os interessados têm a condição de adquirir uma ferramenta paga, e podem duvidar da eficiência das versões mais acessíveis. Por esse motivo, vale a pena conhecer mais sobre os aplicativos de investimento livres, e nada melhor do que começar com um dos principais nomes que se destacam atualmente, como o Trademap gratuito.

Para te ajudar a avaliar se o serviço vale a pena e é seguro, nós preparamos um guia especial com todas as informações mais importantes, além de detalhes sobre seus planos, funcionalidades e como começar a usar a plataforma de graça.

Continua após a publicidade

O que é o Trademap? 

O Trademap nada mais é do que uma plataforma que apresenta as mais diversas opções de investimentos no mercado e suas principais características por meio da análise em tempo real de cada ativo. Suas ferramentas permitem que o cliente acompanhe o segmento financeiro por meio de:

  • gráficos;
  • interações com especialistas;
  • notícias atualizadas;
  • previsões em tempo real.

Seus módulos incluem diversos serviços, como consolidação de carteira, análise de fundos, renda fixa e variável e atualizações periódicas sobre o mercado financeiro.

Atualmente, são mais de 2 milhões de usuários cadastrados, além de registros que chegam a 400 mil visitas no mês.

O Trademap é uma subsidiária da Valemobi, uma empresa de soluções tecnológicas para agentes do mercado financeiro. Seus produtos visam popularizar o setor de investimentos, tornando-o não apenas mais simples, como também mais acessível para todos os públicos.

Continua após a publicidade

No entanto, é importante pontuar que o Trademap gratuito não é uma corretora de valores. O app de investimentos funciona, basicamente, como um marketplace financeiro, uma ponte entre o usuário e as empresas parceiras do segmento. Dessa forma, é possível descomplicar o processo de análise de ativos, permitindo que o cliente tenha mais conhecimento sobre sua carteira e mais confiança em suas escolhas.

O Trademap é gratuito?

O Trademap gratuito é uma versão mais simples e acessível da plataforma, que oferece uma série de serviços sem que o usuário precise contratar um plano.

No entanto, o foco da hub de investimentos são seus pacotes de assinatura, com funcionalidades premium e recursos personalizados para cada perfil de investidor. Assim, interessados em se tornar investidores mais conscientes e até especialistas no mercado financeiro podem aproveitar ferramentas mais úteis e voltadas para as suas necessidades.

Além disso, a expectativa é que o Trademap gratuito deixe de estar disponível no futuro, de modo que os usuários devam contratar um plano ou combo para usar os serviços. Contudo, por enquanto, o Trademap continua com funções gratuitas para o investidor, de forma igualmente eficiente.

Continua após a publicidade

O Trademap é seguro e confiável?

Os avanços da tecnologia que permitiram o surgimento dos hubs de investimentos ainda fazem com que alguns usuários tenham receio de plataformas como o Trademap gratuito. Isso acontece especialmente no caso das versões livres dos programas, que podem levantar suspeitas quanto ao pedido de dados pessoais, por exemplo.

No entanto, o Trademap gratuito é um aplicativo de investimentos seguro e confiável.

A empresa opera com todas as certificações de segurança digital existentes, em seu site e também no aplicativo. Além disso, ela disponibiliza todos os Termos de Uso e Políticas de Privacidade de forma transparente e acessível, para o usuário que desejar confirmar a autenticidade dos seus protocolos de segurança.

Enquanto isso, mesmo o Trademap gratuito opera com criptografias de ponto, de modo que os cadastros são sigilosos e não compartilhados de maneira alguma.

Para definir se o serviço é mesmo confiável, muitas pessoas também buscam conhecer a reputação da empresa nas plataformas de avaliação, como o Reclame Aqui. Na página, o aplicativo de investimentos conta com média 8.2, considerada ótima, além de outros índices positivos, como:

Continua após a publicidade

  • 100% de reclamações respondidas;
  • 85,2% de soluções encontradas;
  • 79,1% dos clientes afirmaram que voltariam a fazer negócio no futuro.

Ainda, o Trademap também possui parceria com os principais nomes de corretoras e instituições financeiras que operam no mercado de investimentos, trazendo mais credibilidade para suas operações.

Dessa forma, é possível concluir que o Trademap gratuito e pago são devidamente protegidos, seguros e confiáveis.

Como acessar o Trademap gratuito?

Depois de conhecer mais sobre o Trademap e confirmar se o serviço é, de fato, confiável, chegou o momento de aprender como acessar essa plataforma.

Inicialmente, o site do Trademap está disponível para todos os usuários, com cadastro gratuito, rápido e simples. Além disso, o aplicativo para dispositivos móveis também não possui cobranças, disponível para sistema Android e iOS.

Continua após a publicidade

O primeiro passo é acessar a sua plataforma de preferência, podendo ser pelo desktop, celular ou tablet.

Em seguida, basta localizar a seção de cadastro, pelo botão no menu superior ou ao longo da página inicial, que apresenta mais sobre o hub e indica a área de cadastro.

como-se-cadastrar-no-trademap

Finalmente, o usuário deve seguir as instruções do aplicativo de investimentos para finalizar seu registro, informando seus dados pessoais mais simples.

Continua após a publicidade

Para garantir a segurança da operação, o Trademap gratuito solicita validação do número de celular e e-mail, garantindo que cada perfil seja único.

Posteriormente, basta seguir as orientações da plataforma, informando dados como:

  • nome completo;
  • CPF;
  • e-mail;
  • data de nascimento;
  • telefone.

Depois de confirmar todos os dados e fazer as devidas verificações, o aplicativo pode pedir para o usuário completar seu perfil com informações adicionais, como: se já possui investimentos, contas em corretoras e quais os principais interesses no mercado financeiro. Dessa forma, a plataforma poderá configurar suas ferramentas para combinar melhor com o perfil do investidor, mesmo no Trademap gratuito.

Por fim, basta finalizar o cadastro e o usuário já estará habilitado para acessar todas as ferramentas livres, além de conferir as principais notícias e atualizações do meio.

Quais as funcionalidades do Trademap gratuito? 

O Trademap gratuito opera, principalmente, na área de informações e educação financeira.

O propósito da plataforma é, acima de tudo, tornar o mercado de investimentos mais simples e acessível para todos os públicos que se interessem. No entanto, para desmistificar esse segmento e torná-lo mais popular, é fundamental começar com uma base sólida. Por isso, a empresa procura promover conhecimento e atualizações periódicas para manter o usuário informado.

Por outro lado, o Trademap gratuito não se restringe somente à esses serviços, disponibilizando outras ferramentas interessantes para o usuário que está começando ou apenas curioso. Conheça algumas dessas principais funcionalidades agora:

Continua após a publicidade

1. Hub de notícias e conteúdos

O Trademap gratuito conta com uma forte atuação no cenário de informações, possuindo um hub de notícias abertas atualizado a cada momento.

hub-de-noticias-trademap

Basicamente, o aplicativo de investimentos reúne as principais matérias da internet sobre o mercado financeiro, utilizando sites e fontes confiáveis. Dessa forma, o usuário pode acompanhar cada atualização do mercado em um único lugar, de forma prática e simples.

Além disso, o setor de informações do Trademap gratuito também conta com cotações em tempo real da Bovespa. Com isso, o usuário pode acompanhar as movimentações do mercado brasileiro com a mesma praticidade, além de conhecer mais detalhes sobre cada ativo e como eles funcionam.

Continua após a publicidade

Ainda, o hub de conhecimentos do Trademap gratuito também disponibiliza conteúdos de especialistas e tutoriais para iniciantes.

2. Análise de carteira

Outra funcionalidade interessante do Trademap gratuito é a ferramenta de análise de carteira. Com ela, o investidor pode conhecer mais sobre os principais ativos que compõem sua cesta ou fazem parte do seu interessante.

Enquanto isso, usuários que já possuem investimentos podem contar com a plataforma para avaliar sua carteira, oferecendo resultados diretos e simples sobre rentabilidade e proventos mais lucrativos. Essa análise também acompanha gráficos e relatórios visuais, que auxiliam no entendimento do conteúdo oferecido pelo hub.

funcionalidades de análise de carteira do trademap
Algumas funções do Trademap: composição da carteira, gráficos em tempo real e performance da carteira.

Para iniciantes, o Trademap gratuito também apresenta as carteiras mais recomendadas das principais corretoras. Desse modo, interessados em iniciar uma carreira no mercado de investimentos podem ter mais conhecimento sobre os ativos que dominam o cenário, aplicando seus recursos com mais confiança.

3. Multibroker

Um dos principais serviços do Trademap gratuito e pago é o multibroker, uma plataforma que permite transações no mercado de ações com mais facilidade, além de integrar mais de um segmento.

Continua após a publicidade

A maioria das corretoras disponibiliza um home broker individual para o investidor, de modo que atenda suas necessidades, para transações nacionais, internacionais ou em áreas diferenciadas.

corretoras do multibroker trademap
Corretoras parceiras do Trademap.

No entanto, com o multibroker, é possível acompanhar as novidades de todos os cenários, além de enviar e acompanhar ordens de compra em um mesmo lugar. Em parceria com as principais corretoras do País, o Trademap disponibiliza essa ferramenta gratuitamente para os usuários.

Quais as limitações do Trademap gratuito?

Por outro lado, o Trademap gratuito apresenta algumas limitações em seus serviços, de modo a convencer os usuários a buscarem um plano.

A princípio, essa modalidade não oferece grandes aprofundamentos em suas análises e comparações. Os resultados das avaliações das carteiras, por exemplo, não são completas, além de não possuírem elementos personalizados para cada perfil de investidor.

Continua após a publicidade

Além disso, a versão gratuita não conta com especialistas dedicados especialmente para avaliar a carteira do investidor. Nesse sentido, o Trademap gratuito se limita a oferecer apenas alguns serviços, e, muitas vezes, somente as funcionalidades básicas.

Dessa forma, somente assinantes têm acesso a todos os detalhes de cada avaliação, gráfico e análise.

Ainda, o Trademap gratuito não disponibiliza todas as ferramentas da plataforma web ou do aplicativo, além de parcerias com demais serviços que potencializam a atuação do investidor no mercado. Assim, o aplicativo de investimentos se torna mais um guia informativo, possibilitando o uso de teste, para conhecer quais são as suas funções, mas sem fornecer todos os detalhes de cada uma.

Como usar o Trademap gratuito? 

Caso o usuário decida trocar o Trademap gratuito por uma versão de assinatura, terá acesso a uma série de funcionalidades para começar a usar o app de investimentos.

Continua após a publicidade

A princípio, o serviço permite que o investidor cadastre sua carteira e faça a conexão com a sua corretora, uma vez que a plataforma tem parceria com os principais nomes. Esse é o primeiro passo para começar a utilizar o serviço, pois é necessário que a conta tenha ativos para comparação, avaliação de rendimentos e proventos futuros.

Com as integrações automáticas, o usuário já contará com todos os seus investimentos cadastrados no perfil, sem a necessidade de inserção manual, embora exista essa possibilidade.

Além disso, a importação de dados e cadastro de ativos também pode ser feita via CEI, o Canal Eletrônico do Investidor, criado pela B3 para facilitar a consulta de investimentos e outros dados. Essa integração é vantajosa para o investidor que possui dados em muitas plataformas, reunindo todas as suas carteiras em um mesmo lugar.

como-cadastrar-ativos-no-trademap
Para cadastrar ativos no Trademap, clique em “carteira” e, em seguida, no “+” para escolher uma opção de integração.

Além do CEI e das corretoras parceiras, o Trademap também oferece integração com o Tesouro Direto, permitindo a inserção de ativos relacionados ao CPF do titular e seus investimentos na instituição.

Continua após a publicidade

Basicamente, é possível usar a plataforma de diversas maneiras, reunindo dados de outros sites com mais facilidade e rapidez.

Enquanto isso, as análises e avaliações das carteiras são apresentadas diretamente no app, para que o usuário visualize os gráficos em tempo real, ao acessar sua conta.

Além das comparações, o Trademap também permite o envio e acompanhamento de operações no multibroker, como mencionado anteriormente.

Todas essas funcionalidades de inserção de ativos, análise de carteira e acompanhamento periódico estão disponíveis na versão web e também pelo aplicativo. Para usuários assinantes, a plataforma nos dispositivos móveis disponibiliza todas as funções na palma da mão, com grande facilidade.

Continua após a publicidade

Quais os planos e combos pagos?

Depois de conhecer o Trademap gratuito, muitos investidores decidem adquirir um plano de assinatura para aproveitar todas as funcionalidades de forma integral. Nesse caso, vale a pena conhecer mais sobre esses combos pagos, o que eles oferecem e qual a diferença entre cada um.

Notícias Premium

A princípio, o combo de notícias premium é o pacote mais barato, custando R$9,90 por mês.

Com ele, o usuário assina um hub de notícias mais completo, com grandes nomes como Reuters e Estadão.

Não é necessário ser assinante dos jornais para acessar as notícias, além de receber notificações em tempo real, acompanhando o mercado de forma instantânea.

Continua após a publicidade

Carteira de investimentos

Enquanto isso, o pacote de carteira de investimentos traz a possibilidade de ter avaliações mais completas, mesmo sem um combo integral de assinatura.

Esse plano oferece possibilidade de cadastro de carteira internacional, além de avaliar a rentabilidade e os proventos dos ativos que compõem o perfil do usuário.

Será possível conferir avaliações cotizadas de investimentos no Brasil e nos Estados Unidos, além de conferir a evolução do patrimônio ao longo do tempo, em um pacote de R$14,90 por mês.

Análise técnica

O pacote de análise técnica também é simples e acessível, custando R$9,90 por mês, atualmente.

Como o nome indica, ele disponibiliza indicadores completos para uma análise técnica mais profunda dos ativos registrados. Além disso, o usuário também poderá acessar todos os componentes de análise gráfica e também do TradingView.

Análise fundamentalista

Enquanto isso, a análise fundamentalista é um pacote mais elaborado, oferecendo fundamentos teóricos e embasados sobre a carteira e os rendimentos.

Além disso, também conta com estimativas das empresas, comparativos de mercado e consensos para encontrar os melhores ativos do mercado.

O Trademap gratuito não disponibiliza essas ferramentas de comparação, e permite que o usuário acesse todas por um valor acessível de R$ 14,90 por mês.

Trademap Prime

O Trademap Prima é a versão que reúne combos dos planos individuais, como notícias premium e análises mais elaboradas.

Além disso, o cliente também poderá conferir relatórios e carteiras recomendadas para o seu perfil, com base em avaliações profissionais.

O pacote Prime também oferece acesso a diversas funcionalidades da plataforma, com dados mais completos, pelo valor de R$54,20 por mês.

Trademap Pro

Por fim, o plano Trademap Pro é o mais completo oferecido pelo app de investimentos, atualmente. Com ele, o usuário terá acesso ilimitado a todas as funcionalidades da plataforma, inclusive serviços exclusivos não liberados no Trademap gratuito ou em outros combos.

Além de todas as ferramentas básicas, também é possível conferir visões profissionais dos especialistas quanto aos melhores ativos, além de rankings e indicações para ter mais rendimentos.

Esse plano também traz funcionalidades como integração com Excel, planilhas de controle, calendários completos sobre os momentos do mercado e outras análises. No entanto, o valor para ser Pro é de R$349,90 por mês.

Trademap gratuito ou pago, qual vale mais a pena?

Determinar qual plataforma vale mais a pena, Trademap gratuito ou pago, é uma decisão que depende de cada usuário, sem uma única resposta concreta. Isso porque essa análise depende diretamente de fatores individuais de cada investidor, e do que ele busca em uma ferramenta como um app de investimentos.

Caso o usuário seja iniciante, ou ainda esteja aprendendo mais sobre o mercado financeiro, vale a pena usar o Trademap gratuito, por enquanto.

A plataforma livre é bastante completa, e, embora suas análises não tenham todas as informações, já é o suficiente para avaliar o serviço. Além disso, o Trademap gratuito também oferece diversos tutoriais, notícias e conhecimentos para o investidor que está começando.

Assim, perfis mais simples podem preferir o aplicativo de investimentos gratuito, não apenas por sua praticidade, mas por atenderem às suas demandas de maneira satisfatória.

Por outro lado, investidores profissionais, ou que buscam ferramentas mais elaboradas, certamente preferirão investir no Trademap pago. Dessa forma, poderão ter análises personalizadas, potencializar seus rendimentos e acompanhar cada detalhe dos seus ativos, conforme suas necessidades.

Trademap ou Kinvo?

Ao avaliar os serviços do Trademap gratuito, muitos usuários costumam comparar a empresa com outras plataformas semelhantes, como o Kinvo.

De forma geral, o Kinvo é um programa mais simples, com um menor número de funcionalidades, mesmo na versão livre.

Enquanto o Trademap se consolidou como um dos principais nomes do segmento, o Kinvo começou a operar recentemente, e ainda está em crescimento.

Dessa forma, o número de ferramentas é reduzido, mas sua interface pode ser atrativa para iniciantes. Além disso, o Kinvo conta com ferramentas de personalização interessantes, como criação de notificações e alertas.

Trademap ou Gorila Invest

A mesma comparação é feita entre o Trademap gratuito e a plataforma Gorila Invest.

A principal diferença entre ambos os serviços é que o Gorila Pro conta com funções específicas voltadas para outros grupos, além de investidores. Por exemplo, agentes autônomos de investimentos também podem aproveitar bem o app de investimentos.

Nesse caso, usuários que buscam diversificação podem considerar o Gorila Invest. Além disso, o Gorila traz ferramentas de análise de carteira bastante interessantes. No entanto, em termos de plataformas livres, o Trademap gratuito ainda oferece um maior número de funcionalidades.

Trademap ou Status Invest

Por fim, o Status Invest também é uma plataforma que costuma ser comparada com o Trademap gratuito.

Ambos os serviços são bastante parecidos, com funções semelhantes e um catálogo bastante amplo para o investidor.

Entretanto, o Trademap se sobressai por conta do seu aplicativo. Uma vez que o Status Invest ainda não possui um aplicativo de investimentos, o hub de investimentos principal acaba se destacando mais.

Porém, um destaque do Status Invest é seu acesso à indicadores de análise fundamentalista, disponível para o público em geral. Para quem faz o cadastro, também há a possibilidade de comparar empresas lado a lado quanto aos seus números.

Conclusão: vale a pena usar o Trademap gratuito?

Em um primeiro momento, certamente vale a pena usar o Trademap gratuito. Isso porque trata-se de uma boa maneira de conhecer a plataforma e testar suas funções, para decidir se o serviço combina mesmo com o seu perfil.

Posteriormente, investidores mais simples, que buscam apenas uma plataforma de controle e análise, o uso do Trademap gratuito pode suprir as necessidades.

Enquanto isso, usuários que se interessaram mais pela plataforma terão tido a chance de conhecer seus recursos, e poderão fazer a contratação de um pacote com mais confiança.

Dessa forma, vale a pena conhecer o Trademap gratuito, para analisar o que ele oferece ao investidor. Além disso, o uso de ferramentas como essa é essencial para investidores que desejam se tornar especialistas, ou potencializar seus rendimentos no mercado.

Assim, é recomendável testar o máximo de funções gratuitas, de diversos aplicativos, antes de tomar uma decisão, que irá influenciar diretamente no seu sucesso no mercado de investimentos.

Sugestões de leitura do iDinheiro:

Continua após a publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔

2 comentários

  1. José André

    Eu gostei do que vi no aplicativo, eu queria saber sobre funcionalidades, por exemplo controle de ganhos e perdas para pagar os impostos, informações para declarar IR. Se me satisfizer nesse quesito eu vou assinar sem dúvida. Como está as tratativas com o banco inter?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.