Responsabilidade Editorial

Por que confiar no iDinheiro

O iDinheiro tem o propósito de democratizar e simplificar os serviços financeiros. Nossa missão é te ajudar a fazer as melhores escolhas, a partir das mais completas informações e recomendações sobre cada serviço.

O que é roaming? Entenda e saiba como ativar no seu celular!

Você sabe o que é roaming? Entenda quando esse serviço é ativado, por que é tão caro e o que fazer em caso de cobrança abusiva.

WhatsApp Image 2022-05-06 at 11.57.41
Heloisa Moraes Analista de Marketing Jr.

Você já deve ter ouvido esse termo, mas não saiba o que é roaming. Também chamado de itinerância, ele é utilizado sempre que seu celular sai da área de cobertura em que é cadastrado. Em ambos os casos, o valor dos serviços cobrado pela operadora muda. Por isso, é importante entender como esse processo funciona e quais são os seus direitos.

Neste post, vamos explicar melhor essa questão. Confira o que o conteúdo vai trazer:

  • O que é roaming?
  • Como o roaming funciona?
  • Por que o roaming custa tão caro?
  • Como ativar o roaming no celular?
    • Android
    • iOS
  • Usou roaming e a operadora cobrou valores abusivos? Saiba o que fazer!
  • Quais cuidados tomar antes de viajar para não pagar caro em roaming?

O que é roaming?

O roaming se refere a situações em que o seu celular está fora de sua área de cobertura. Cada operadora define essa questão de acordo com o DDD. Por exemplo, se você vive em São Paulo, seu DDD é 11. Portanto, a área de cobertura abrange a capital e toda a Grande São Paulo. Porém, caso vá para Presidente Prudente, está em roaming. Isso porque o DDD é 18.

Continua após a publicidade

Tecnicamente, o que acontece é que a linha de celular precisa usar uma segunda rede para ser localizada. Por isso, ele pode ser de dois tipos! Confira na tabela abaixo.

Roaming NacionalRoaming Internacional
É válido para os casos em que você está fora da sua região, mesmo que ainda esteja no mesmo estadoÉ o conceito de roaming válido para qualquer viagem fora do país de origem da sua linha de celular

Como o roaming funciona?

A linha de celular continua tentando encontrar conexões para permanecer funcionando assim que você sai do seu DDD. Assim que ela é identificada, é verificada a compatibilidade das redes.

Continua após a publicidade

icon

Exemplo

Isso depende dos acordos de roaming realizados. Por exemplo, você tem um celular da TIM, mas chegou a uma cidade onde somente a Claro está presente. Nesse caso, o aparelho somente funcionará se houver essa parceria.

Havendo compatibilidade, a sua rede pedirá informações para a rede doméstica por meio de um código padrão. Assim, o aparelho ficará sem sinal ou continuará funcionando e coletando os dados. Na maioria das vezes, você nem percebe esse processo todo. Isso porque ele é automático e o celular apenas continua normal.

Por que o roaming custa tão caro?

A itinerância existe desde a rede 2G, a segunda geração que utilizada ainda os padrões CDMA/TDMA e GSM. Se você tiver por volta dos 30 anos, lembra disso. Desde essa época, ficou definido que os preços entre operadora e consumidor serão livremente acordados pelas operadoras. Isso é o que determina a Lei Geral de Telecomunicações.

Por sua vez, o acordo entre operadoras é regulado pelo Plano Geral de Metas de Competição (PGMC). Esse fator está definido pela Resolução 600 da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Na diretriz, está claro que o preço pode ser definido livremente. No entanto, não pode haver diferenças de um consumidor para outro.

Fora do Brasil, o roaming depende dos acordos entre as operadoras. De toda forma, a existência de tantos intermediários aumentam os custos da operação final.

Continua após a publicidade

icon

Dicas

Caso você queira saber quanto vai pagar no roaming, o melhor é consultar a operadora. Assim, poderá sanar sua dúvida e preparar seu orçamento pessoal para essa cobrança.

Como ativar o roaming no celular?

Normalmente, você não precisa fazer nada para ter essa ativação. Ou seja, além de saber o que é roaming de dados, pode deixar essa preocupação de lado. Isso porque ele vem ativado por padrão nos smartphones.

No entanto, vale a pena se informar sobre a itinerância internacional. Nesses casos, geralmente, é necessário fazer a solicitação à operadora. De toda forma, você pode ativar o roaming no celular da seguinte forma:

Android

  1. Acesse o menu de Configurações.
  2. Entre o menu “Rede e Internet” ou qualquer outro que se refira a conexões ou redes móveis.
  3. Encontre a opção “Rede móvel” ou outra relativa ao uso de dados.
  4. Marque a opção “Roaming”.

iOS

  1. Acesse o menu “Ajustes”.
  2. Clique em “Celular”.
  3. Entre em “Opções de dados de celulares”.
  4. Ative “Roaming de dados”.

Usou roaming e a operadora cobrou valores abusivos? Saiba o que fazer!

Se você acha que a operadora cobrou valores abusivos, é preciso primeiro falar com a empresa. Busque saber como foi feita a cobrança e sua incidência. Caso o problema não seja resolvido, recorra à Anatel. Registre uma reclamação no site e aguarde o retorno da Agência.

Inclusive, você pode verificar se a cobrança realmente está errada antes de tomar essa atitude. Existe uma cartilha da Anatel que ajuda a desvendar a resposta. Além disso, você pode conferir as dicas da empresa para casos de cobrança abusiva. Assim, você paga somente o que for certo!

Continua após a publicidade

Quais cuidados tomar antes de viajar para não pagar caro em roaming?

Agora, se você quer saber como evitar o problema das cobranças abusivas, chegou ao local certo. Para viagens dentro do Brasil, utilize o Código de Seleção de Prestadora (CSP) da sua operadora de celular ao fazer ligações.

Ou seja, utilize o número divulgado pela própria empresa para facilitar a sua vida. As opções são:

Aproveite e descubra: Melhores planos de celular: saiba quais são os tipos e conheça as opções mais atrativas!

Para operadoras regionais, verifique direto com a empresa. Por sua vez, para o roaming internacional, existem algumas alternativas. Veja o que você pode fazer:

  • contratar um plano da sua operadora;
  • comprar um chip internacional válido para os destinos que serão visitados;
  • comprar um chip de uma operadora do país que você vai.

Caso queira continuar com o mesmo número, confira as cobranças da sua operadora. Assim, pode haver algum pacote de benefícios disponível para você economizar um pouco.

Para ver mais dicas de planejamento financeiro, assine a newsletter do iDinheiro. Fazendo isso, você receberá as melhores informações para se atualizar sempre!

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.