Onde investir 5 mil reais? Veja opções em renda fixa e variável!

Com R$ 5.000,00 disponíveis, é possível encontrar alternativas interessantes para investir e rentabilizar melhor seu dinheiro.

melissa nunes perfil
Melissa Nunes

Quando falamos em investimentos, muitas pessoas ainda têm a crença equivocada de que é preciso ter milhões no banco para começar a investir. No entanto, graças à internet e à tecnologia, hoje em dia o acesso a bons investimentos está cada vez mais simples e fácil.

Mas quem ainda não entende muito bem sobre o mercado financeiro pode ficar em dúvida: “onde investir meu dinheiro de forma segura e rentável?”. Normalmente, a primeira opção que vem à cabeça é a caderneta de poupança, por causa da sua praticidade, segurança e baixo custo. Porém, seu rendimento já não é (nem de longe) tão interessante.

Continua após a publicidade

Para saber onde investir e valorizar de verdade suas economias, é importante ter uma visão ampla sobre as possibilidades que o mercado oferece. Afinal, existem diversas modalidades de investimento que se encaixam em diferentes perfis de investidor.

Quer saber onde investir 5 mil reais e ter boa rentabilidade? Continue lendo! Neste artigo, você vai aprender:

Continua após a publicidade

  • se vale a pena investir com pouco dinheiro;
  • o que considerar antes de investir;
  • como investir cinco mil reais na renda fixa;
  • como investir cinco mil reais na renda variável.

É possível investir ganhando pouco dinheiro?

A resposta é simples e clara: SIM! Para alguns, 5 mil reais pode parecer pouco, mas é uma ótima quantia para começar a investir em quase todos os produtos financeiros. Hoje em dia, encontramos investimentos a partir de 1 real, por isso, ter pouco dinheiro disponível para esse fim não é nenhum impedimento!

O que considerar antes de investir?

Investir é sempre uma boa ideia e, se você é um investidor iniciante, deve ficar atento na hora de decidir onde investir. Isso porque existem alguns aspectos que facilitam e vão te guiar na escolha do investimento perfeito para você.

1. Prazo e objetivo

Antes de perguntar “qual o melhor investimento”, pare e pense: quando pretendo resgatar esse dinheiro? Qual a finalidade deste investimento?

Seja no curto ou no longo prazo, seja para comprar um carro, viajar ou fazer uma festa de casamento dos seus sonhos, bons investimentos são aqueles que vão te ajudar a chegar lá. Por exemplo, se você vai precisar do dinheiro daqui 6 meses, não adianta escolher uma aplicação que rende bem, mas só te permite resgatar o saldo em um prazo de 2 anos, certo?

Continua após a publicidade

Por isso, antes de pensar onde investir 5 mil reais, tente definir as respostas para as seguintes perguntas:

  • para que é este dinheiro?
  • quando vou precisar dele?
  • quanto vou precisar no fim do prazo?

2. Perfil de risco

Sempre que você decidir investir, seja por banco tradicional, banco digital ou corretora de valores, a instituição vai pedir que você faça um teste chamado suitability, que nada mais é do que algumas perguntas relacionadas à sua experiência como investidor.

Esse teste não define que você deve investir nisso ou naquilo, mas é um bom indicativo da sua tolerância ao risco. Por exemplo, se você está acostumado a investir na poupança, provavelmente não vai gostar de ver as oscilações que acontecem no investimento em ações.

Então, se você precisa juntar muito dinheiro para atingir seu objetivo, como comentado no tópico anterior, considere o risco que está disposto a correr sem passar noites mal dormidas. Saiba que quanto maior o risco, maior o retorno e vice-versa, mas levar sua experiência e conhecimento em conta também é bastante importante para não “fazer besteira” como investidor.

Continua após a publicidade

3. Diversificação

Depois de achar o investimento que mais se encaixa no seu objetivo e no seu perfil, colocar todo o dinheiro lá pode ser muito tentador, afinal, é também mais fácil deixar tudo em um lugar só. Mas não é aconselhável!

Você conhece a máxima “não coloque todos os ovos na mesma cesta”? Ela funciona também para os investimentos! É claro que você pode escolher as aplicações mais seguras, mas procure sempre diversificar entre instituições, tipo de investimento, prazos e riscos. Assim, você tem a segurança extra de que se algo acontecer, será apenas parte do seu capital em risco e não todo ele.

A diversificação é um conceito muito importante e que diminui os riscos consideravelmente, especialmente para quem vai se aventurar na renda variável, em ativos como ações e fundos imobiliários.

Onde investir com pouco dinheiro?

Você trabalhou duro, definiu suas prioridades, economizou parte do que ganha todo mês e agora conseguiu juntar 5 mil reais para investir. Antes de mais nada: parabéns! Essa disciplina com o dinheiro é muito necessária também na hora de aplicá-lo.

Continua após a publicidade

Como eu disse antes, essa quantia não é pouca e vai te permitir explorar muitos tipos de investimentos. Ao contrário do que muitos pensam, não existe apenas a poupança ou a bolsa valores. Na verdade, temos diversas opções de aplicações com os mais diferentes prazos, rentabilidades e riscos.

Algumas exigem uma quantia maior para começar, como alguns fundos de investimento que têm valor inicial na casa dos milhares. Mas também temos contas digitais que aceitam qualquer valor, renda fixa a partir de R$ 100 e ações por menos de 10 reais.

Por isso, estude e conheça várias alternativas antes de escolher onde, definitivamente, vai alocar seu dinheiro (e sem esquecer da diversificação).

Quanto rende 5 mil reais na poupança?

A poupança costuma ser a primeira escolha do investidor iniciantes, justamente porque é prática, fácil de entender e segura. Mas a maioria sequer faz comparações com outros investimentos que podem ser tão seguros quanto!

Continua após a publicidade

Primeiramente, usando nossa calculadora de rendimento da poupança, podemos ver que se investirmos 5 mil reais por um ano, teremos um total de R$ 5.122,50 no fim desse período. Isso mesmo, apenas R$ 122,50 de juros! É pouco, certo?

Por isso, fizemos uma simulação no simulador do Tesouro Direto, usando o Tesouro Selic 2027, que é um título que também pode ser regatado a qualquer momento, como a poupança. Veja os resultados no fim desse prazo:

rendimento da poupança em comparação com outros investimentos
Fonte: Tesouro Direto

Como você vê, são quase mil reais de diferença! E, em comparação aos outros investimentos, a poupança também fica em último lugar. Esse é o resultado investindo apenas 5 mil reais uma vez. Mas o que acontece se investirmos mais 500 reais todos os meses? Vejamos:

simulação de investimento no tesouro selic
Fonte: Tesouro Direto

É bastante impressionante, não? Essa diferença acontece porque a poupança sempre vai render menos que os títulos do Tesouro Direto, mesmo que eles sofram incidência do imposto de renda. Então, mais uma vez, consulte várias opções antes de ir pelo caminho mais fácil.

Continua após a publicidade

Onde investir 5 mil reais na renda fixa?

O tipo de investimento mais adequado para você, na renda fixa, será aquele que melhor se encaixar à sua disponibilidade para deixar os recursos aplicados e à rentabilidade que cada modalidade oferece.

Quem tem pouco dinheiro, pode escolher inicialmente entre Tesouro Direto e fundos DI. No primeiro, os investimentos começam em R$ 30 e, no segundo, os valores variam, normalmente partindo dos R$ 100.

Também existem outras possibilidades interessantes na renda fixa, como:

Nestes casos, normalmente, quanto maior o prazo e o valor aplicado, melhor será a taxa disponibilizada e, consequentemente, maior será o retorno ao investidor.

Mesmo se você não puder investir nessas modalidades agora, não as perca de vista! Elas podem ser o próximo passo para seus investimentos, quando você conseguir agregar um montante maior.

Continua após a publicidade

Onde investir 5 mil reais na renda variável?

Quem tem R$ 5.000 e não se importa de se expor um pouco mais em busca de melhores resultados, pode começar a investir na bolsa de valores. Se você tem perfil mais agressivo e quer maximizar os retornos, com um pouco de estudo essa pode ser uma boa opção.

Nesse sentido, as ações e os fundos imobiliários são boas escolhas:

  • ações são pequenos pedaços de empresas, algumas custam menos de R$ 10 e você pode ganhar na valorização do papel no mercado ou por meio de dividendos;
  • fundos imobiliários (FIIs) são fundos de investimento que investem no mercado imobiliário, proporcionando rendimentos, geralmente, mensais para os seus cotistas.

Assim, as ações de boas empresas tendem a dar um bom retorno no médio e longo prazo, premiando aqueles que souberam escolher bem e são pacientes para aguentar as oscilações diárias do mercado.

Já os FIIs oscilam menos e custam mais tempo a valorizar, mas são bastante interessantes para quem quer receber renda passiva desde já, seja para complementar sua renda ou para reinvestir.

icon

Atenção

Antes de mais nada e, com certeza, antes de investir na bolsa de valores, tenha sua reserva de emergência pronta ou já bem encaminhada. É ela quem vai prevenir que você se endivide ou precise resgatar dinheiro dos seus investimentos caso haja algum gasto inesperado.

Fundo de emergência: o que é, como fazer e onde investir!

BÔNUS: como escolher boas ações?

Investir em ações não é tão simples quanto escolher um título de renda fixa. Para fazer boas escolhas, é recomendado que você se interesse em:

Continua após a publicidade

  • analisar o cenário internacional;
  • acompanhar indicadores econômicos, como a trajetória da inflação, a evolução do PIB e as taxas de juros.

Com esses dados, é possível:

  • verificar se o momento econômico beneficiará as empresas presentes na bolsa de valores;
  • avaliar o desempenho dos setores da economia;
  • escolher os papéis mais promissores.
  • analisar os indicadores da empresa e a saúde financeira do negócio (o que chamamos de análise fundamentalista).

Se você decidir que isso tudo é muito complexo nesse momento ou não tiver tempo de se dedicar a esses estudos, procure a ajuda de analistas de investimentos que poderão fazer indicações ou recomendar materiais de estudo.

Como dobrar 5 mil reais?

A verdade é: não existe investimento milagroso e, quanto maior o ganho que você quiser ter no curto prazo, maior será também o risco. Por isso, muito cuidado com pessoas e empresas que prometem retorno alto, fácil e rápido e pouco risco, pois o mais provável é que seja um tipo de golpe financeiro.

Sendo assim, existem algumas maneiras mais seguras de dobrar seu capital:

  1. usando os 5 mil reais para comprar algo e vender mais caro;
  2. fazendo aportes mensais consistentes no seu investimento;
  3. aprendendo técnicas de trade para alavancar seus ganhos na bolsa.

Todas são opções válidas e que exigem habilidade ou dinheiro. Por isso, vá pelo caminho que faz mais sentido para você e não deixe de continuar aprendendo a investir!

Conclusão

Viu só como existem várias opções para investir pouco dinheiro e ter boa rentabilidade? Analise todas as possibilidades e escolha aquela que mais se adequa à sua realidade e às suas expectativas. Não deixe que o medo de mudar ou a falta de conhecimento te impeçam de valorizar seu dinheiro. Seja o responsável pelo seu próprio sucesso financeiro!

Vale lembrar que, no caminho da riqueza, investir é o segundo passo. O primeiro é organizar e controlar suas finanças com disciplina e consistência. Nesse sentido, uma boa dica é testar a utilização de um aplicativo de controle financeiro. Dessa maneira, você conseguirá cortar gastos desnecessários, poupar todos os meses e cada vez mais.

Sugestões de leitura:

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔

9 comentários

  1. pedro

    muito bom seu site gostei muito do seu conteúdo.Vou passar mais vezes para ver as atualizações.abraço para vcs.

  2. Luana

    Eu não entendi a parte “Para conseguir chegar aos 10 mil reais em menos de 2 anos, bastaria que você investisse, além dos 5 mil iniciais, aproximadamente R$ 195 por mês.” Porque 24×195=4680, +5000 daria 9680 já ou seja já dá praticamente 10 mil mesmo sem investir. Mas eu tenho 14 anos posso estar falando merda kkkk

  3. rogerio

    Muito bom artigo abre a mente para melhores investimentos.

  4. Continua após a publicidade

  5. Camila

    Excelente artigo, Victor! Completo e esclarecedor, parabéns!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.