A criação da TED e do DOC facilitaram muito a vida do brasileiro que precisa transferir valores para outra conta bancária. Com esse tipo de transação, não é necessário ir ao banco para solicitar a transferência, tornando a transação bem mais prática.

Na maioria dos bancos, a transferência via TED ou DOC pode ser feita pelo internet banking ou pelo aplicativo para celular de forma simples. Ainda assim, algumas pessoas têm dúvidas sobre o que é preciso para realização a operação.

Continua após a publicidade:

Por isso, hoje explicaremos passo a passo como fazer uma TED ou um DOC.

Qual é a diferença entre TED e DOC?

Para começar, vamos esclarecer a diferença entre TED e DOC. Ambos são serviços para transferência de valores entre bancos distintos. Dessa forma, se você tem uma conta no Banco do Brasil e precisa pagar alguém que tem conta no Bradesco, por exemplo, a forma mais simples de fazer isso é por meio da TED ou do DOC.

A principal diferença entre eles está nos limites para transferência e no prazo de compensação. Na TED, não existe um valor mínimo estipulado atualmente e também não há valor máximo para envio de dinheiro.

Já no DOC é possível transferir a partir de qualquer valor, com limite máximo de R$3 mil. Outra diferença é o tempo de compensação, que é maior no DOC, sendo compensado no próximo dia útil.

Para a TED, os valores são compensados quase que instantaneamente desde que efetuados até as 17hs.

O que preciso para fazer TED ou DOC?

Quem está interessado em fazer um transferência para outro banco precisa, inicialmente, ter uma conta bancária com o saldo suficiente para a transação. Com relação ao beneficiário, ou seja, quem irá receber o dinheiro, é necessário que você saiba:

Aprenda a transferir dinheiro via DOC ou TED
Aprenda a transferir dinheiro via DOC ou TED
  • CPF ou CNPJ da pessoa/empresa beneficiária;
  • Número da agência onde a pessoa/empresa possui conta;
  • Número da conta bancária.

Antes de dar início à operação, verifique se as informações sobre o beneficiário estão corretas. Durante a transferência, aparecerá o nome da pessoa ou empresa para garantir que os dados estão corretos.

Obs: Nas transferências entre contas do mesmo banco, (chamadas TEV) nem sempre é preciso informar o CPF ou CNPJ. Por isso, muita gente se esquece desse dado e não consegue realizar a transferência.

Quando os dados estão incorretos, a transação não é efetivada, mas mesmo assim, o banco pode cobrar a taxa relativa ao DOC ou TED. Por isso, é fundamental prestar bastante atenção a todas essas informações para que não ocorram problemas.

Vale lembrar ainda que a transferência feita para uma conta errada, porém, existente, não poderá ser cancelada.

Outras informações importantes

Quando falamos recentemente sobre contas digitais, enfatizamos que as transferências entre bancos, seja por meio de TED ou DOC, são gratuitas nessa modalidade. Caso você costume fazer esse tipo de operação com frequência e não tenha necessidade de usar o banco presencialmente, vale a pena aderir ao pacote eletrônico gratuito para ficar livre de tarifas. Caso você costume fazer esse tipo de operação com frequência e não tenha necessidade de usar o banco presencialmente, vale a pena aderir ao pacote eletrônico gratuito para ficar livre de tarifas.

Para fazer a transferência, o cliente pode optar por usar os caixas eletrônicos do banco onde possui conta, o internet banking ou aplicativo para celular. Em cada banco o caminho para realização da transação é diferente, mas basta seguir os passos indicados até a confirmação.

Também é possível faz a TED ou o DOC diretamente na boca do caixa, mas os custos da transação feita presencialmente são maiores.

Publicidade