O que é o CVV do cartão e como usá-lo em segurança?

Sabe o que é o CVV do cartão de crédito? Entenda a função desse código que fica no verso do cartão e como usá-lo em segurança nas compras.

LinkedIn
Ana Júlia Ramos

Está com dúvidas sobre o que é o CVV do cartão? Bom, estamos aqui para te ajudar! Se você já fez alguma compra pela internet, pediu um delivery por aplicativo ou fez um pagamento online utilizando o seu cartão de crédito, com certeza já se deparou com o CVV.

Ele é um código de três ou quatro dígitos que costuma ficar no verso do cartão e que adiciona segurança às transações realizadas de maneira remota.

Continua após a publicidade

De toda forma, ainda que bastante visto pelos internautas, não é todo mundo que sabe o que é CVV do cartão, por que ele existe e de que forma ele pode ser utilizado com segurança.

Pensando nisso, fizemos um conteúdo que vai explicar como saber o código de segurança do cartão, além de tirar outras dúvidas, como a seguinte: “o que fazer se o código de segurança do meu cartão apagou”?

Continua após a publicidade

Vamos lá, então? Tenha uma ótima leitura!

O que significa o CVV do cartão de crédito?

CVV é uma sigla em inglês para as palavras Card Verification Value — que, em português, pode ser traduzido livremente como Valor de Verificação do Cartão.

Dependendo da operadora do cartão de crédito, ele também pode ser chamado de:

  • CVC (Card Verification Code;
  • Código Verificador de Cartão);
  • CID (Card ID, ou Identificador de Cartão);
  • V CODE (Verification Code, ou Código Verificador);
  • CVVC (Card Verification Value Code;
  • Código de Valor Verificador de Cartão);
  • CVD (Card Verification Data, ou Dado de Verificação de Cartão).

Aproveite e veja também: como utilizar melhor seu cartão de crédito e fazer boas escolhas financeiras?

O que é CVV do cartão de crédito?

Se você deseja saber, na prática, o que é CVV, trata-se de um código de segurança encontrado no verso de todo cartão de crédito ou débito. Ele deve ser fornecido em qualquer transação financeira não presencial.

icon

Dicas

Sua finalidade é exclusivamente de aumentar a segurança das operações. Assim, a sequência é calculada por meio de um algoritmo, sempre a partir de chaves criptográficas.

Como saber o código de segurança do cartão? Onde ele fica?

Normalmente, o CVV é um código que possui três dígitos e fica no verso do cartão ou — por vezes, ao lado do número da agência e conta do banco, no caso dos cartões de débito ou múltiplos, logo embaixo da tarja magnética.

Continua após a publicidade

No entanto, caso você seja cliente American Express e queira saber onde fica o código do cartão, o CVV é composto por quatro dígitos e fica na parte da frente do cartão, acima do número principal.

Para que serve o CVV do cartão?

Está em dúvidas sobre a utilidade do CVV do cartão de crédito ou débito? Não se preocupe, vamos explicar agora mesmo. A função do CVV é a de adicionar uma etapa de segurança às transações online, funcionando como um tipo de senha para que o cartão seja utilizado apenas pelo seu titular, que está com o cartão em mãos.

Trata-se de um código de autenticação que procura evitar fraudes já que não é possível digitar a senha do cartão quando as compras são feitas à distância.

icon

Atenção

Em caso de perda ou roubo, mesmo que o código esteja disponível para quem estiver com o cartão, o CVV funciona apenas se combinado com o CPF do titular — o que pode garantir uma etapa extra de segurança.

Ainda com o objetivo de proteger o dono do cartão contra fraudes, nenhum site de compras está autorizado a armazenar o CVV para compras futuras. Por isso, é necessário digitá-lo todas as vezes em que for utilizá-lo, mesmo nos casos em que o titular optou pelo armazenamento das informações do cartão.

Continua após a publicidade

A partir da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) que passou a valer no Brasil em 2020, as regras sobre a privacidade desse tipo de dado ficaram ainda mais rígidas.

Esse mecanismo realmente é seguro?

O CVV pode ser considerado relativamente seguro, já que vem impresso apenas no cartão, sem alto nem baixo relevo, o que inibe qualquer decalque.

Porém, uma vez que o código pode ser visto por qualquer pessoa que pegar o cartão na mão, é importante tomar certos cuidados.

Além disso, se sua carteira for perdida ou roubada com seus documentos, lembre-se de que pessoas mal intencionadas poderão utilizar a combinação do CVV do seu cartão e seu CPF para fazer compras pela internet sem grandes problemas.

Continua após a publicidade

icon

Dicas

Por isso, caso aconteça algum tipo de imprevisto que faça com que essa informação fique vulnerável, entre em contato com o seu banco o quanto antes para solicitar o bloqueio do cartão de crédito!

Quer entender como escapar dos juros do cartão de crédito? Acesse o nosso conteúdo e livre-se das dívidas!

O código de segurança do meu cartão apagou, o que fazer?

Se o código de segurança do seu cartão apagou, seja de crédito ou débito, existem duas possibilidades. A primeira é a seguinte: se você tiver o número registrado em algum outro local, como no próprio aplicativo do cartão ou em anotações pessoais, não tem problema! Pode continuar usando o cartão normalmente.

Isso acontece porque o CVV é solicitado em transações digitais, então você precisará digitar o número de maneira manual. Sendo assim, não importa se ele acabou apagando por causa do uso constante do cartão, por exemplo.

No entanto, se o código de segurança do cartão apagou e não existem registros de onde ele está, é necessário entrar em contato diretamente com o banco para solicitar uma segunda via do cartão.

Continua após a publicidade

Raspar o CVV previne o uso indevido do cartão?

Para dificultar a ação de criminosos e a clonagem de cartões, uma simples atitude tem se popularizado entre os clientes das instituições financeiras: a de raspar o código CVV, impedindo que ele fique visível.

Segundo essas pessoas, é mais seguro guardar essa numeração em outro lugar e apagá-la do cartão de débito ou crédito a fim de que seja mais difícil para que outras pessoas reúnam todas as informações necessárias para efetuar uma compra online.

icon

Dicas

Embora essa não seja uma prática comum ou mesmo incentivada por nenhum banco como meio de manter os dados seguros, pode ser uma alternativa para aqueles que preferem garantir a confidencialidade de suas informações “com as próprias mãos”.

Quais cuidados devo ter ao comprar online? Algumas dicas de segurança!

Antes de realizar suas compras pela Internet, é importante atentar-se a algumas dicas de segurança que podem te manter longe de furadas.

1. Confiabilidade da loja

Em primeiro lugar, verifique a procedência da loja em que deseja comprar e seu grau de confiabilidade. Cheque, por exemplo, se há um telefone para contato ou uma Central de Atendimento disponível.

Continua após a publicidade

Se a loja tem boas avaliações no Google ou no Reclame Aqui também é muito importante. Além disso, vale ler os comentários de outros clientes nas redes sociais. Se, por qualquer motivo, você desconfiar de que a loja possa ser falsa ou fraudulenta, nunca forneça seus dados pessoais ou financeiros.

2. Selo de segurança do site

Sites e e-commerces precisam investir na segurança de seus ambientes on-line e sistemas de transações. Por isso, veja quais selos de segurança o e-commerce. Entre os mais tradicionais e valiosos, estão:

  • Certificado SSL;
  • Norton Secured;
  • Certisign;
  • Site blindado.

Selos como esses garantem que o sistema é criptografado, usam um padrão de tecnologia de segurança, dentre outros.

3. Cuidados no uso pessoal do CVV

Já em relação ao código CVV, lembre-se de mantê-lo sempre em sigilo, nunca digitá-lo em computadores públicos, manter seu antivírus sempre atualizado.

Continua após a publicidade

Além disso, fique de olho na questão do certificado de segurança dos sites em que pretende comprar e evitar. Evite, também, tirar fotos do CVV e armazená-las no celular, computador ou conversas do WhatsApp.

O compartilhamento indevido dessa informação pode ser algo bem perigoso!

Aproveite e veja: Como conseguir um cartão de crédito aprovado na hora? Quais são os melhores?

Conclusão

O CVV do cartão de crédito ainda é uma das únicas maneiras de evitar que outras pessoas utilizem seus dados financeiros para fazer compras na Internet em seu nome. Porém, apesar de ser um mecanismo relativamente seguro, é importante que cada titular de cartão faça sua parte e procure manter o código em sigilo.

Dessa maneira, embora não haja como garantir 100%, é possível ao menos evitar transações fraudulentas envolvendo seu cartão.

Quer conhecer outros conteúdos como esse que você acabou de ler sobre o que é o CVV do cartão? Então, assine a newsletter do iDinheiro e receba as notícias e dicas em primeira mão!

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.