O que é e como usar o cartão de débito virtual Caixa

Leia este artigo e saiba o que é e como usar o cartão de débito virtual da Caixa, gerado pelo aplicativo Caixa TEM.

Amanda Gusmao
Amanda Gusmão

O cartão de débito virtual foi criado para realizar compras online em aplicativos e sites, ou em maquininhas Elo usando a leitura de QRCode. Assim, seus dados (sequência numérica, código verificador (CVV) e data de vencimento) são diferentes daqueles que constam no cartão físico.

No entanto, ele utiliza o saldo disponível na conta ou poupança, assim como o cartão de débito físico. Ou seja, o dinheiro sai da conta na hora, assim que a transação é aprovada. Aqui vai um resumo sobre ele:

Continua após a publicidade

cartão de débito virtual da Caixa
O que é o cartão de débito virtual Caixa?
É um cartão virtual na modalidade débito que pode ser usado para compras no ambiente online ou físico (no caso de maquininhas Elo que fazem a leitura do QRCode).
Quanto custa o cartão de débito virtual Caixa?
O cartão de débito virtual CEF é gratuito para clientes Caixa e beneficiários do auxílio emergencial.
Onde o cartão de débito virtual Caixa pode ser gerado?
No Aplicativo Caixa Tem, Internet Banking ou Mobile Banking Caixa
Como usar o cartão virtual de débito da Caixa?
Sites, e-commerces com transações nacionais, além de aplicativos (Netflix, Uber, iFood etc) e maquininhas de cartão Elo que fazem leitura de QRCode.

O que é o cartão de débito virtual Caixa TEM?

Basicamente, é o cartão de débito gerado no aplicativo Caixa TEM e demais canais virtuais da instituição. Com ele, é possível realizar compras com mais segurança em aplicativos e sites nacionais que aceitam cartões de débito como forma de pagamento.

Seu grande diferencial é que para cada compra, é preciso gerar um código de segurança único que aumenta seu nível de segurança.

Continua após a publicidade

Os clientes da Poupança Digital Caixa e da Poupança Social Digital Caixa podem ter até dois cartões de débitos virtuais no Caixa TEM:

  • Um com bandeira Elo, para utilizar em maquininhas com QR Code, em estabelecimentos físicos;
  • Outro com bandeira Visa, para compras online.

Em ambos os casos, não há nenhum tipo de custo, como anuidade, tarifas de manutenção ou qualquer outra taxa.

Como gerar o cartão de débito virtual Caixa TEM?

Mesmo sem o cartão físico, todos os usuários, inclusive quem recebe o auxílio emergencial no Caixa Tem, podem movimentar o seu saldo com esse tipo de cartão Caixa.

Para habilitar essa função, basta seguir algumas instruções básicas. A seguir, veja o passo a passo:

Continua após a publicidade

  1. Abra o aplicativo “Caixa TEM” em seu smartphone;
  2. Toque na opção “Entrar”;
  3. Quando a tela de menu aparecer, toque na opção “Cartão de Débito Virtual”;
  4. O aplicativo redirecionará para uma página com os dados do cartão de débito virtual, que inclui a validade e seu nome completo;
  5. Logo abaixo, próximo a data de validade do cartão, toque em “Gerar” para obter o código de segurança. Os três dígitos gerados deverão utilizados por você na hora de efetuar as compras.
  6. Entretanto, vale ressaltar, mais uma vez, que esse código de segurança só será válido para uma única transação. Para realizar uma nova compra, será necessário repetir a operação.
  7. Após isso, você terá todos os dados necessários para realizar suas compras online: número do cartão de débito virtual, código de segurança e validade. Sendo assim, bastará informá-los no ato da compra.

Qual o limite do cartão de débito virtual do Caixa Tem?

A forma de pagamento via cartão de débito virtual do Caixa TEM possui um limite diário de 10 transações ou R$ 1.200, sendo que cada transação não pode ultrapassar o valor de R$ 600. Já o limite mensal de uso do cartão de débito virtual do Caixa TEM é de R$ 5 mil.

Quem recebe Auxílio Emergencial pode usar o cartão virtual da Caixa?

Sim. Inclusive, os beneficiários do auxílio emergencial 2021 receberão os valores por meio do cartão virtual Caixa Tem. Dessa forma, eles terão acesso às parcelas sem causar nenhum tipo de aglomeração nas agências bancárias.

Como usar o cartão virtual da Caixa?

O cartão de débito virtual da Caixa é semelhante a um cartão de débito físico: possui 16 dígitos, data de validade e um código de segurança. Com isso, os usuários podem fazer pagamentos em lojas online e supermercados, por exemplo, pelo cartão virtual. 

A maioria das redes de supermercados efetuam vendas por esse tipo de transação, no entanto, não se esqueça de que, como se trata de um cartão de débito, não é possível parcelar as compras por meio do cartão virtual da Caixa, somente fazer pagamentos à vista.

Continua após a publicidade

É possível usar o cartão virtual para assinar e fazer compras recorrentes?

Sim, inclusive, não é necessário a gerar um novo código de segurança para transações resultantes de assinaturas e compras em aplicativos em que o cartão esteja previamente cadastrado.

O cartão de débito virtual da CEF pode ser bloqueado?

Sim, e diferentemente de outros cartões e instituições, o próprio cliente pode fazer isso.

Inclusive, quando o cartão virtual de débito é gerado no Internet Banking ou app Caixa, o cliente não precisa comparecer à agência e solicitar o bloqueio ou cancelamento, basta ativar ou desativar o cartão. Já aqueles que foram criados no Caixa Tem, o procedimento deve ser feito via SAC.

SAC da Caixa: 0800 726 0101

Posso fazer compras internacionais com o cartão de débito virtual da CEF?

Não, apenas em sites e aplicativos que fazem as vendas nacionais e na moeda brasileira.

Perguntas frequentes sobre o cartão de débito virtual Caixa

Agora, se você já sabe o que é o cartão de débito virtual da Caixa e está usando nas suas finanças, pode ter dúvidas ou se deparar com alguns erros. Veja as orientações a seguir.

Continua após a publicidade

O que fazer com o erro “o emissor do cartão não autorizou o pagamento” durante uma compra?

Há um problema acontecendo com frequência com os usuários do Caixa TEM na hora de transferir o saldo da poupança digital para algumas carteiras digitais: no momento da transferência para a carteira digital do Pic Pay ou do Mercado Pago, o aplicativo acusa erro, alegando que o emissor do cartão, no caso a Caixa Econômica Federal, não autorizou o envio do dinheiro.

Na hora, surge a seguinte mensagem na tela: “O emissor do cartão não autorizou o pagamento”.

Geralmente, essa mensagem de erro ocorre devido às seguintes situações:

  • Sistema indisponível;
  • Tentativa de efetuar a transação fora do horário permitido;
  • Problemas de conexão.

Caso isso aconteça com você, a sugestão é tentar realizar a transferência novamente entre 7h e 22h, de segunda à sexta-feira.

Um outro meio de solucionar o problema é emitir uma segunda via do mesmo cartão, com uma nova numeração, e tentar transferir o dinheiro do zero. Se ainda assim o erro persistir, tente mudar a conta de destino para verificar.

Continua após a publicidade

Podem acontecer erros durante uma compra online?

A mesma mensagem de erro também pode surgir durante uma compra, pode ser devido às seguintes situações:

  • Saldo insuficiente (motivo 51);
  • Transação não permitida para o cartão (motivo 57);
  • Suspeita de fraude (motivo 59).

Caso nenhuma das sugestões acima funcione, será preciso entrar em contato com a equipe de atendimento da Caixa, pelo número 111.

Baixar o Caixa Tem

O cartão de débito virtual da Caixa é uma alternativa de pagamento prática, segura e acessível. Para usá-lo, basta baixar o aplicativo Caixa TEM (App Store | Google Play) e se cadastrar.

Além disso, sua utilização é bastante simples. Por meio dos passo a passos descritos acima, é possível desfrutar de suas funcionalidades sem dores de cabeça.

Portanto, emita seu cartão de débito virtual da Caixa agora mesmo e tenha mais segurança e agilidade nas suas compras.

Esta matéria foi útil? Então assine a newsletter do iDinheiro e receba nossas atualizações em tempo real do seu e-mail.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.