Transferência de dinheiro pelo WhatsApp começa a funcionar no país; saiba como usar

Não será cobrada taxa para a transferência de dinheiro pelo WhatsApp, mas há limite para envio e recebimento de valores pelo aplicativo. Entenda.

LilianCH
Lilian Calmon

A transferência de dinheiro pelo WhatsApp começou a funcionar no país na última terça-feira, 4. O recurso vai aparecer “gradualmente” nas próximas semanas para todas as pessoas, segundo o aplicativo. Para tanto, é necessário atualizá-lo na loja de apps. 

Por enquanto, as transações só funcionam entre pessoas físicas, com um número de telefone do Brasil, dentro do país e em moeda local.

Continua após a publicidade

Os pagamentos para empresas serão ativados após aprovação do Banco Central (BC), mas ainda não há previsão para isso.

Não haverá taxa

Não será cobrada taxa pela transferência pelo WhatsApp. Contudo, há limite para o envio e o recebimento de valores pelo aplicativo. Veja a seguir:

  • as pessoas podem enviar até R$ 1 mil por transação – é possível mandar mais de R$ 1 mil por dia, mas em transferências separadas;
  • cada usuário pode receber até 20 transferências por dia;
  • há um limite de R$ 5 mil por mês para cada tipo de operação, ou seja, R$ 5 mil para recebimentos e outros R$ 5 mil para envios.

Para usar esse recurso, é preciso ter uma conta bancária com cartões de débito, pré-pago ou combo com as bandeiras Visa ou Mastercard de um dos bancos abaixo: 

Não é possível utilizar cartões de crédito.

As instituições podem estabelecer um limite menor para as transferências e alguns enviarão links com convites para acessar o recurso. Quem ultrapassar os valores permitidos receberá um aviso e precisará esperar até o 1º dia do mês seguinte para começar a receber ou enviar pagamentos novamente.

Saiba como enviar ou receber dinheiro pelo WhatsApp

A opção de transferência no WhatsApp fica no ícone de “clipe de papel” (Android) ou “+” (iPhone) no campo de mensagens, o mesmo em que aparecem as opções de enviar uma imagem, documento, localização ou contato. Confira o passo a passo:

  1. Toque no ícone de “clipe de papel” (Android) ou “+” (iPhone) e escolha a opção “Pagamento”;
  2. Insira o valor e uma mensagem opcional;
  3. Aperte em “Pagar” e coloque o PIN (senha) do Facebook Pay;
  4. A transação vai aparecer como se fosse uma mensagem na conversa do WhatsApp, e a pessoa precisa aceitar o pagamento. Depois, o dinheiro cairá na conta dela.

Na primeira vez que a pessoa usar o serviço, será necessário aceitar os termos de uso, criar um PIN (senha) do Facebook Pay, cadastrar um cartão pré-pago ou de débito de uma das instituições parceiras e confirmar o cadastro na plataforma.

Se o contato não tiver habilitado o recurso de pagamentos do WhatsApp, uma notificação pedirá para que ele cadastre o cartão no sistema, a fim de receber a transferência. Isso deve ser feito em até dois dias, caso contrário, o valor é reembolsado.

A Cielo realiza o processamento das transações e o Facebook Pay habilita a ferramenta.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre transferência de dinheiro pelo WhatsApp? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔

7 comentários

  1. Luís joeni

    Bem eu acho interessante, mais facilidade pra se lidar com pagamentos e recebimentos, creio ser uma boa opção.

  2. Nilson maciel

    Quero limpar o meu nome

  3. Continua após a publicidade

  4. Ailton Viana

    Vai ser muito bom pra todo mundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.