Como comprar com segurança na Semana do Consumidor: especialista aponta boas práticas

Acontecendo entre os dias 14 e 18 de março, a Semana do Consumidor é uma data que atrai o olhar do público. No entanto, é necessário se atentar para algumas dicas de segurança, principalmente ao comprar online.

rafela
Rafaela Souza

A Semana do Consumidor, que acontece entre os dias 14 e 18 de março, costuma chamar a atenção dos brasileiros, com descontos que podem chegar a 90% em diversos produtos. Segundo um levantamento feito pelo time de pesquisa do Twitter no Brasil, a data é a terceira focada em compras mais comentada na plataforma. 

De acordo com o levantamento, os principais interesses dos brasileiros que comentam sobre compras no Twitter são: futebol (89%), filmes (83%), música (81%) e tecnologia (77%).

Continua após a publicidade

Apesar da expectativa de grandes promoções e descontos, o consumidor deve ficar atento ao seu orçamento financeiro antes de aproveitar a data. O ideal é analisar a sua realidade financeira e verificar quanto pode ser gasto sem comprometer o seu planejamento.

Além disso, fazer uma lista com os produtos que você realmente precisa comprar e pesquisar em diferentes sites, apostando em cupons e em vantagens como o cashback, podem te ajudar a economizar ainda mais na Semana do Consumidor.

O consumidor também deve redobrar os cuidados para evitar golpes nas compras online. Por isso, o iDinheiro apurou algumas das principais formas de aproveitar a Semana do Consumidor com segurança.

Como comprar com segurança na Semana do Consumidor

1. Escolha sites com segurança de navegação

Segundo o líder da Confi, empresa que monitora vendas do comércio eletrônico, Felipe Piris, o ideal é comprar em sites que tenham sistemas de segurança durante a navegação. Uma das ferramentas que aumentam a segurança contra golpes é o HTTPS, que garante maior proteção na transmissão dos dados. 

2. Não clique em links ou sites desconhecidos

Uma das formas mais comuns de cair em golpes online é comprando em sites duvidosos e abrindo links desconhecidos na Internet. De acordo com o especialista, os invasores se utilizam desse método para roubar os dados dos consumidores. Por isso, ao receber uma notificação ou um e-mail com links desconhecidos, certifique-se da autenticidade do conteúdo diretamente no site oficial da loja.

3. Utilize cartões virtuais

O uso de cartões virtuais ou temporários pode ser uma solução eficaz para adquirir mais segurança no e-commerce. Isso porque eles expiram em pouco tempo, o que impede a ação dos golpistas. Além disso, é importante acompanhar todas as transações aprovadas nos cartões de crédito.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre a Semana do Consumidor? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.