Segunda parcela do 13º salário dos aposentados é paga a partir de hoje; veja calendário

A segunda parcela do 13º salário dos aposentados começa a ser paga hoje para beneficiários de até 1 salário mínimo. Veja o calendário.

Isabella Proença
Isabella Proença

A segunda parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começa a ser paga nesta quinta-feira, 24, e segue até o dia 7 de julho para os demais beneficiários. Aqueles que recebem até um salário mínimo serão os primeiros beneficiados.

As datas de pagamento são distribuídas de acordo com o último dígito do número do benefício, sem levar em conta o dígito verificador, começando pelos segurados que possuem final 1 e terminando com os de final 0.

Continua após a publicidade

Segunda parcela do 13º salário dos aposentados

Os segurados que recebem o benefício acima do salário mínimo receberão a segunda parcela entre os dias 1º e 7 de julho. O app Meu INSS, disponível para download no Google Play e na App Store, também informa as datas.

O 13º salário será pago em duas parcelas de 50% cada. A primeira parcela é livre de qualquer tipo de desconto, já a segunda poderá ter desconto de Imposto de Renda (IR), caso o segurado tenha até 64 anos de idade e receba o benefício acima de R$ 1.903,98.

Continua após a publicidade

Segurados com 65 anos ou mais que recebem um valor acima de R$ 3.807,96, também sofrerão descontos de IR.

Calendário de pagamentos do 13º salário dos aposentados

Benefícios até 1 salário mínimo

Final do benefício1ª parcela2ª parcela
125/524/6
226/525/6
327/528/6
428/529/6
531/530/6
601/601/7
702/602/7
804/605/7
907/606/7
008/607/7
Fonte: Ministério da Economia.

Benefícios acima de 1 salário mínimo

Final do benefício1ª parcela2ª parcela
1 e 601/601/7
2 e 702/602/7
3 e 804/605/7
4 e 907/606/7
5 e 008/607/7
Fonte: Ministério da Economia.

Quem tem direito ao 13º salário do INSS?

O 13º salário é pago para quem recebe aposentadoria, auxílio-doença, auxílio-reclusão, auxílio acidente e pensão por morte.

De acordo com o INSS, caso a cessação do benefício esteja programada para uma data anterior à 31 de dezembro de 2021, será pago o valor proporcional do abono anual ao beneficiário.

Os beneficiários de planos assistenciais, como o Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social (BPC/LOAS) e a Renda Mensal Vitalícia (RMV), não têm direito ao 13º salário.

Este conteúdo foi útil? Então, assine a newsletter iDinheiro e ative as notificações push para não perder nenhuma das notícias que importam para o seu dinheiro. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.