Saque do FGTS emergencial: R$ 12,3 bilhões não foram retirados pelos trabalhadores

Cerca de 19 milhões de trabalhadores preferiram não utilizar os recursos do saque do FGTS emergencial, o que representa R$ 12,3 bilhões.

LilianCH
Lilian Calmon

Na última quarta-feira, 6, a Caixa Econômica Federal (CEF) informou que R$ 12,3 bilhões do Saque Emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) não foram retirados pelos trabalhadores, o que representa 33,7% dos R$ 36,5 bilhões disponibilizados.

Os valores retornarão para as contas vinculadas devidamente corrigidos. O calendário de pagamentos começou em junho e terminou em dezembro de 2020. 

Continua após a publicidade

Com informações do G1.

Saque do FGTS emergencial: cerca de 19 milhões preferiram não utilizar esses recursos

Cerca de 19 milhões de trabalhadores preferiram não utilizar esses recursos. Outros 400 mil registraram o pedido formal de desfazimento de créditos automáticos realizados pela Caixa, num total de R$ 300 milhões retornados ao FGTS.

Criado por meio da Medida Provisória 946/20, o saque do FGTS emergencial foi uma das ações do governo para atenuar os impactos da pandemia.

O calendário de crédito em conta e saque foi estabelecido com base no mês de nascimento do trabalhador. 

A partir da data de crédito na Poupança Social Digital, os valores puderam ser utilizados em transações eletrônicas pelo aplicativo Caixa Tem e, posteriormente, os recursos remanescentes foram disponibilizados para saque em espécie ou transferência, sem custo, para outras contas.

Governo estuda nova rodada

O governo estuda realizar uma nova rodada do saque emergencial do FGTS para 2021, a fim de minimizar os impactos da pandemia na economia.

Embora a medida ainda não tenha sido anunciada oficialmente, a ideia é que, dessa vez, o saque seja mais voltado às classes médias. Isso porque os mais pobres já teriam feito a retirada das suas contas em 2020. 

As informações foram divulgadas pela Folha de S. Paulo em meados de dezembro.

Aproveite e leia também: “Recolhimento de FGTS pelo PIX é adiado”.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre o saque do FGTS emergencial? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações do Push.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.