Quem vai receber o Auxílio Brasil: Beneficiários do Auxílio Emergencial podem ficar de fora

Grande parte dos beneficiários do Auxílio Emergencial não irão receber o Auxílio Brasil. Entenda quais são os motivos.

Isabella Proença
Isabella Proença

Na próxima quarta-feira, 17, o governo federal vai começar a pagar o novo programa de distribuição de renda, que substitui o agora extinto Bolsa Família, à população. Hoje pela manhã, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, divulgou informações importantes sobre o calendário e estruturação dos pagamentos. Uma das principais informações diz respeito aos beneficiários: nem todo contemplado pelo Auxílio Emergencial vai receber o Auxílio Brasil.

No entanto, todos que já recebiam o Bolsa Família entrarão de forma automática no calendário. Compilamos as principais novidades sobre o tema para te ajudar a esclarecer as dúvidas mais recentes. Veja a seguir.

Continua após a publicidade

Quem vai receber o Auxílio Brasil?

Em outubro, o Auxílio Emergencial foi encerrado e, com isso, mais de 22 milhões de brasileiros ficaram sem nenhum tipo de ajuda do governo a partir desse mês. Isso porque grande parte dos beneficiários do Auxílio Emergencial não se enquadram nas regras para o recebimento do novo benefício.

E, mesmo quem recebeu o Auxílio Emergencial e se enquadra nas regras do Auxílio Brasil, não será contemplado imediatamente. Agora, em novembro, o Auxílio Brasil será pago somente às cerca de 14,6 milhões de pessoas que faziam parte do Bolsa Família. Entretanto, o governo promete incluir, até dezembro, mais 2,4 milhões de beneficiários à lista.

As pessoas que serão incluídas já possuem cadastro no Cadastro Único (CadÚnico) que estavam na fila de espera do Bolsa Família. Caso o cadastro tenha sido atualizado há menos de dois anos e não tenha ocorrido mudanças de endereço, renda ou outras informações referentes à família, não será preciso realizar uma nova atualização.

Para quem ainda não faz parte do CadÚnico, o caminho para receber o benefício é se dirigir ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) da sua cidade e realizar o cadastramento. Todos os meses, o governo deve selecionar novos beneficiários. Porém é importante ressaltar que não há prazo para que o benefício seja concedido e nem mesmo garantia de que isso aconteça.

icon

Atenção

Em resumo: beneficiários do Bolsa Família receberão o Auxílio Brasil de forma automática. Caso haja o cadastro no Cadúnico, mas sem o recebimento prévio do Bolsa Família, a pessoa irá para uma lista de reserva, podendo receber o benefício no futuro, mas sem garantias oficiais. Por fim, caso não haja o cadastro, será necessário se registrar e aguardar por novas contemplações, similares ao “grupo 2”.

Quer continuar acompanhando notícias como esta, sobre “Quem recebeu o Auxílio Emergencial vai receber o Auxílio Brasil”? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.