Petrobras anuncia aumento nos preços dos combustíveis

Petrobras anuncia aumento nos preços dos combustíveis e a partir desta terça-feira, 6. A gasolina terá alta de 3,7% e o diesel de 6,3%.

Isabella Proença
Isabella Proença

Petrobras anuncia que a partir desta terça-feira, 6, haverá um aumento de uma única vez nos preços dos combustíveis para as distribuidoras. Os valores da gasolina, do diesel e do gás liquefeito de petróleo (GLP) serão reajustados.

Os preços médios de venda do diesel e da gasolina para as distribuidoras serão de R$ 2,81 e R$ 2,69 por litro, o que representa reajustes médios de R$ 0,10 por litro (3,7%) e R$ 0,16 (6,3%), respectivamente. Também foi anunciado pela estatal que o preço médio do GLP para as distribuidoras passará a ser de R$3,60 por kg, o que representa uma alta média de R$ 0,20 por kg (6%).

Continua após a publicidade

Estatal justifica aumento nos preços dos combustíveis, entenda

“Importante reforçar o posicionamento da Petrobras que busca evitar o repasse imediato para os preços internos da volatilidade externa causada por eventos conjunturais”, informou a estatal em nota. “Os preços praticados pela Petrobras seguem buscando o equilíbrio com o mercado internacional e acompanham as variações do valor dos produtos e da taxa de câmbio, para cima e para baixo”, concluiu.

Em junho, a estatal reduziu em 2% o preço da gasolina, porém manteve o preço do diesel. No acumulado do ano, o diesel da Petrobras subiu aproximadamente 40%, enquanto a gasolina teve alta de 46%. Já o petróleo Brent (uma classificação de petróleo cru) acumula alta de cerca de 50% no ano.

O repasse dos reajustes nas refinarias aos consumidores finais nos postos não é certo, uma vez que depende de vários pontos, como impostos, adição obrigatória de biodiesel, etanol anidro, margem da distribuição e revenda.

Vale ressaltar que esse é o primeiro aumento praticado na gestão de Joaquim Silva e Luna, que assumiu o comando da estatal em abril, após uma série de críticas em relação aos reajustes dos combustíveis praticados na gestão anterior feitas pelo presidente Jair Bolsonaro.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre o aumento nos preços dos combustíveis? Não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações pushSe inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.