Responsabilidade Editorial

Por que confiar no iDinheiro

O iDinheiro tem o propósito de democratizar e simplificar os serviços financeiros. Nossa missão é te ajudar a fazer as melhores escolhas, a partir das mais completas informações e recomendações sobre cada serviço.

Quase metade dos brasileiros ainda não configurou limites para Pix, diz pesquisa; veja como definir os valores

Pesquisa do C6 Bank em parceria com o Ipec revelou que 47% dos brasileiros ainda não definiram novos valores para transferências via PIX.

rafela
Rafaela Souza Jornalismo

Mais de 70% dos brasileiros sabem que é possível ajustar os limites máximos de valores transacionados por PIX. No entanto, quase metade (47%) ainda não configurou novos valores para suas transferências com o novo sistema de pagamentos. Os dados são de uma pesquisa do C6 Bank em parceria com o Ipec (Instituto de Pesquisas Cananéia).

O estudo ouviu 2.000 brasileiros das classes A,B e C com acesso à internet. Destes, cerca de 36% já definiram novos valores para suas transferências com PIX, 6% fizeram esse ajuste para apenas um dos bancos que utilizam e 12% responderam que não se lembram.

Continua após a publicidade

De acordo com José Luiz Santana, head de cibersegurança do C6 Bank, é muito importante que as pessoas ajustem os limites diário e noturno de transações com PIX para o menor valor possível, de acordo com seus gastos diários. “Assim elas ganham mais segurança no app e controle nos gastos, sem perder em praticidade no dia a dia”, complementa o especialista.

Como configurar os limites do PIX

Como explica Rafael Panelli, vice-presidente de produtos da Zoop, o Banco Central estabelece o limite de transação de mil reais para o PIX no horário noturno, entre 20h e 6h.

No entanto, este valor pode ser alterado pelo cliente diretamente no aplicativo do banco, no internet banking, no caixa eletrônico ou diretamente na agência em que o cliente possui conta. Pelo aplicativo, o cliente deve realizar o login e, na seção do PIX, clicar na opção correspondente, que pode ser “Gerenciar meus limites”, “Personalizar Limites Pix” ou “Alterar meus limites”, dependendo do banco.

“Vale lembrar que é possível modificar o limite em todos os períodos. Para aumentar ainda mais a segurança, o indicado é ajustar os limites do dia de acordo com os gastos médios e deixar o noturno para menores valores”, complementa o especialista.

Especialista aponta cuidados necessários ao utilizar o PIX

Além da configuração dos limites do PIX, Rafael também alerta que é importante ficar atento ao compartilhamento das chaves para evitar golpes.

O ambiente do PIX é seguro e todas as transações são criptografadas, o que significa que você não precisa se preocupar com a segurança dos seus dados nas transferências. Mas devemos tomar muito cuidado ao informar as chaves de maneira pública e para quem estamos informando.”, explica.

Dessa forma, o especialista aponta alguns cuidados necessários ao utilizar o meio de pagamentos:

  • Nunca realize transações fora dos canais oficiais do seu banco;
  • Sempre preste muita atenção em links: erros ortográficos podem levar a páginas similares criadas pelos golpistas.
  • Jamais clique em links, nem baixe arquivos recebidos por e-mail: sempre consulte o canal oficial da instituição para saber se o conteúdo é ou não confiável.
  • Evite realizar transações quando estiver conectado em redes Wi-Fi públicas, pois os locais de acesso coletivo podem conter vírus e malwares que roubam dados.
  • Prefira passar chaves aleatórias para que seus dados pessoais, como CPF, não caiam em mãos de criminosos.

Quer continuar acompanhando as notícias que impactam o seu bolso? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.