Responsabilidade Editorial

Por que confiar no iDinheiro

O iDinheiro tem o propósito de democratizar e simplificar os serviços financeiros. Nossa missão é te ajudar a fazer as melhores escolhas, a partir das mais completas informações e recomendações sobre cada serviço.

Saque extraordinário FGTS: saiba até quando é possível fazer a retirada de R$ 1 mil

Calendário de pagamentos do FGTS terminou na última quarta (15), mas os valores estarão disponíveis na conta até dezembro. Saiba mais.

rafela
Rafaela Souza Jornalismo

A Caixa Econômica Federal (CEF) finalizou os pagamentos do saque extraordinário do FGTS na última quarta-feira (15). Ao todo, 42 milhões de trabalhadores estão aptos ao recebimento de até R$ 1 mil, totalizando o valor de R$ 30 bilhões.

O calendário de liberação dos recursos teve início no dia 20 de abril, de acordo com o mês de aniversário de cada trabalhador. No entanto, apesar do pagamento do último grupo ter sido liberado no dia 15 de junho, a retirada dos valores estará disponível até o dia 15 de dezembro.

Continua após a publicidade

FGTS não caiu na conta? Saiba o que fazer

Qualquer trabalhador que tenha os valores disponíveis, nas contas ativas ou inativas do FGTS, tem direito ao saque. Dessa forma, não é necessário solicitar a retirada do recurso: o crédito é realizado automaticamente na conta da Caixa Tem, em nome do trabalhador.

A solicitação do valor só será necessária caso o trabalhador não tenha recebido o crédito automaticamente. Segundo a Caixa, o bloqueio dos valores pode ocorrer devido a alguns motivos, como:

Continua após a publicidade

  • determinação judicial;
  • garantia de operações de crédito de antecipação do Saque Aniversário;
  • pedido de devolução de valor recolhido pelo empregador;
  • inconsistência nos dados do trabalhador.

Assim, se o valor não caiu na conta automaticamente, é necessário atualizar o seu cadastro no aplicativo FGTS (disponível para Android e iOS) e solicitar o saque no menu “Saque Extraordinário”.

Saiba mais sobre o saque do FGTS

O saque extraordinário de até R$ 1 mil do FGTS foi anunciado em março, por meio de um decreto publicado no Diário Oficial da União. Confira, a seguir, as principais informações sobre a liberação do FGTS extraordinário:

  1. Até quando posso sacar o FGTS?

    A retirada dos valores será possível até o dia 15 de dezembro.

  2. O saque do FGTS é obrigatório?

    Não. O saque não é obrigatório. Dessa forma, penas os trabalhadores que desejarem retirar uma parte do saldo poderão fazê-lo.

  3. Como cancelar o saque extraordinário do FGTS?

    Como o saque não é obrigatório, o trabalhador que não deseja receber os valores poderá informar a sua opção diretamente no aplicativo do FGTS, solicitando que o valor retorne para a sua conta.
    Além disso, caso o valor já tenha sido liberado na Poupança Social Digital do trabalhador (Caixa Tem) e essa conta não seja movimentada até o dia 15 de dezembro, os recursos retornarão para a conta do FGTS automaticamente, com a devida correção.

  4. Como consultar o saldo do FGTS?

    Para saber se possui valores disponíveis para o saque, o trabalhador pode fazer a consulta do saldo de cada conta do Fundo através do aplicativo FGTS, disponível para Android e iOS, ou pelo site da Caixa.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre o saque extraordinário do FGTS? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push. Se inscreva, também, no nosso canal do Telegram para receber todas as novidades.

Continua após a publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.