BC anuncia uso do PIX para movimentar dinheiro do auxílio emergencial

Uso do PIX para movimentar dinheiro do auxílio emergencial vale a partir de 30 de abril, somente para transações com titularidade diferente.

LilianCH
Lilian Calmon

Nesta quinta-feira, 22, o Banco Central (BC) anunciou que será possível usar o PIX para movimentar dinheiro do auxílio emergencial

A medida vale a partir de 30 de abril somente para transações com titularidade diferente da do beneficiário. “Tal excepcionalidade se faz necessária visando a proteção dos usuários, uma vez que tais recursos não podem ser objeto de descontos ou de compensações que impliquem a redução do valor do auxílio”, salientou o BC.

Continua após a publicidade

Utilização do pagamento

Atualmente, quem recebe o benefício não pode utilizar o PIX, sistema que faz transferências de recursos em tempo real, 24 horas por dia, todos os dias da semana, e não cobra tarifas para pessoas físicas.

A partir do dia 30, serão bloqueadas apenas as transações com PIX para contas de mesma titularidade.

Em 2021, de acordo com o painel do Tesouro Nacional, está previsto o pagamento de R$ 44 bilhões em auxílio emergencial para a população de baixa renda.

Até o momento, o valor do benefício encontra-se disponível apenas para pagamentos de boletos, compras utilizando o cartão de débito virtual e compras via QR Code.

Na semana passada, governo antecipou o calendário de saques do auxílio emergencial

Na semana passada, o governo antecipou o calendário de saques do auxílio emergencial. Com isso, a autorização para saques ou transferências dos valores será antecipada em até 18 dias, dependendo da data de nascimento.

Até agora, não houve alteração do calendário original de saques e transferências da segunda e da terceira parcelas.

Veja, abaixo, o novo calendário de saques por mês de nascimento:

  • janeiro: antecipado de 4 de maio para 30 de abril
  • fevereiro: antecipado de 6 de maio para 3 de maio
  • março: antecipado de 10 de maio para 04 de maio
  • abril: antecipado de 12 de maio para 5 de maio
  • maio: antecipado de 14 de maio para 6 de maio
  • junho: antecipado de 18 de maio para 7 de maio
  • julho: antecipado de 20 de maio para 10 de maio
  • agosto: antecipado de 21 de maio para 11 de maio
  • setembro: antecipado de 25 de maio para 12 de maio
  • outubro: antecipado de 27 de maio para 13 de maio
  • novembro: antecipado de 1º de junho para 14 de maio
  • dezembro: antecipado de 4 de junho para 17 de maio

Aproveite e leia também: “Com inflação e alta nos alimentos, o que dá para comprar com o auxílio emergencial em 2021?”.

Quer continuar acompanhando as notícias sobre o uso do PIX para movimentar dinheiro do auxílio emergencial? Então, não deixe de assinar a newsletter do iDinheiro e ativar as notificações push.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.