Loja do Instagram: Crie e gerencie seu negócio de forma estratégica!

Confira nosso guia completo para aprender a criar sua loja no Instagram e como potencializar a divulgação dos seus produtos utilizando as redes sociais.

Karina Carneiro
Karina Carneiro

Loja do Instagram: Crie e gerencie seu negócio de forma estratégica! 

Ter uma loja no Instagram pode ser uma das melhores alternativas para quem deseja aumentar as vendas, conquistar mais clientes ou ganhar uma renda extra.

Afinal, essa rede social se tornou uma das plataformas mais populares da internet, com bilhões de usuários em todo o mundo, e já disponibiliza uma área voltada para perfis comerciais.

Continua após a publicidade

Dessa forma, além de potencializar vendas, ela também se torna uma opção interessante para quem deseja trabalhar pela internet, sem sair de casa.

Por isso, o iDinheiro preparou um guia especial com o passo a passo completo para você criar sua loja no Instagram de maneira prática, rápida e bem-sucedida.

Continua após a publicidade

Acompanhe!

Como funciona uma loja no Instagram?

O Instagram é uma rede social de compartilhamento de fotos e vídeos, criada em 2010 por  Kevin Systrom e Mike Krieger, tornando-se rapidamente popular.

Em 2012, já contava com mais de 100 milhões de usuários, e foi quando Mark Zuckerberg, fundador e proprietário do Facebook, adquiriu a plataforma.

Desde então, o Instagram passou por uma série de reformulações, com o objetivo de acompanhar o avanço da tecnologia e das mídias sociais.

Assim, em 2017, a plataforma passou a integrar ferramentas que permitiam a divulgação de produtos, implementando oficialmente a possibilidade de comercialização.

Continua após a publicidade

Atualmente, ter uma loja no Instagram é gratuito. Ou seja, o usuário não paga nenhuma taxa para criar um perfil comercial e publicar suas mercadorias.

Uma vez que a conta é criada, já é possível começar a fazer publicações e marcá-las como anúncios.

Dessa forma, as imagens e vídeos dos produtos poderão aparecer no Instagram Shopping.

No entanto, é importante lembrar que essa ferramenta da plataforma apenas otimiza o contato entre compradores e vendedores, mas não conta com um sistema de pagamentos. 

Por isso, essa etapa ocorre em links externos, de responsabilidade de cada negociante.

Em resumo, uma loja no Instagram atua, principalmente, como uma forma de divulgação, facilitando o alcance do público-alvo e aumentando a visibilidade do seu negócio, de maneira prática e acessível.

Continua após a publicidade

O que é Instagram Shopping?

O Instagram Shopping, ou Compras no Instagram, como também pode ser traduzido, é uma aba do aplicativo que reúne os anúncios em um só lugar.

O objetivo dessa ferramenta é, de fato, atuar como um shopping center, onde os usuários podem navegar pelos produtos como se olhassem vitrines.

No entanto, um diferencial da plataforma é que as exibições são personalizadas para cada usuário de acordo com sua atividade na rede social, como curtidas e perfis que segue.

Assim, o algoritmo reúne todas as preferências da conta e identifica possíveis anúncios que podem ser do seu interesse.

Continua após a publicidade

Dessa forma, é possível intensificar a experiência do usuário no setor, além de aumentar as chances de interação com as lojas.

Além disso, o Instagram Shopping também permite que o consumidor acesse mais detalhes de um produto que chamou sua atenção, incluindo:

  • preço;
  • características (como tamanho e medidas);
  • link externo da loja;
  • mais fotos;
  • outros produtos do mesmo vendedor.

Essa ferramenta pode ser identificada no aplicativo através do ícone de sacolinha.

No site desktop, a opção não está disponível para visualização, apenas a aba “Explorar”, que pode mostrar resultados de acordo com a palavra-chave buscada.

Publicando anúncios e utilizando o impulsionamento certo, sua loja no Instagram poderá aparecer na vitrine de usuários que fazem parte do seu público-alvo.

Continua após a publicidade

O que é preciso para criar uma loja na rede social?

Criar uma loja no Instagram é um processo rápido e acessível, que demanda apenas alguns elementos para habilitar a função para qualquer usuário.

E, mesmo que pareça básico, estar presente na rede social como pessoa física já é um grande passo para se familiarizar com o aplicativo.

Por isso, confira o que é preciso para começar a vender nessa rede social e ganhar dinheiro:

1. Ter uma conta comercial

Ter uma conta comercial é fundamental para liberar algumas ferramentas necessárias para publicação de anúncios e postagens publicitárias.

Continua após a publicidade

No entanto, assim como o cadastro de usuário normal, a conta comercial não necessita de nenhum pagamento de taxa adicional, sendo autorizada para todos os perfis.

Além disso, um dos diferenciais do Instagram é a possibilidade de transformar uma conta pessoal em comercial, sem precisar criar um login novo.

Essa alternativa é vantajosa para pessoas que começaram a divulgar seus produtos em um perfil normal, mas desejam integrar o Instagram Shopping.

Assim, a conta passa a ter caráter comercial, mas sem perder o número de seguidores ou precisar começar do zero, por exemplo.

Continua após a publicidade

Mas caso o usuário deseje criar um perfil especialmente para sua loja no Instagram, basta seguir as orientações convencionais, e a plataforma irá disponibilizar a ferramenta profissional.

2. Gerenciar um perfil externo

A loja no Instagram funciona, principalmente, como uma forma de divulgação e alcance de clientes.

O usuário poderá publicar anúncios, bem como detalhes como valor e detalhes dos produtos. No entanto, a rede social ainda não oferece uma plataforma de pagamentos interna.

Por isso, o cliente deverá ser direcionado para um link externo, para dar continuidade à negociação.

Continua após a publicidade

Apesar de não ser necessário ter uma loja virtual ou um blog, é preciso ter um outro perfil, onde o usuário possa finalizar a compra.

Sabendo disso, esse link pode ser para um site ou outra rede social, inclusive para o Facebook, por exemplo.

Dessa forma, além de aumentar a divulgação dos seus produtos, você também aumentará as chances de fechar negócio.

3. Vincular o perfil ao Facebook e habilite a função loja

Além do Facebook poder atuar como perfil externo para finalizar as vendas, ele também oferece um gerenciamento comercial vinculado ao Instagram.

Continua após a publicidade

Isso porque uma vez que ambas as redes sociais pertencem ao mesmo grupo, os catálogos de marketplace trabalham juntos.

Assim, é essencial estabelecer essa relação entre as duas plataformas, para poder habilitar a função loja e começar a publicar anúncios e produtos.

Além disso, com esse recurso, sua loja no Instagram terá mais chances de ganhar visibilidade e poderá atuar em mais de um ambiente ao mesmo tempo.

4. Investir em conteúdos visuais

Para ter uma loja no Instagram, é fundamental investir em conteúdos visuais, especialmente fotos e vídeos.

Continua após a publicidade

Isso porque os anúncios que são direcionados para o Instagram Shopping precisam acompanhar imagens na descrição, para serem impulsionados e vistos pelos demais usuários.

Além disso, publicações com conteúdos visuais bem elaborados atraem mais visualizações, o que, consequentemente, aumenta as chances de venda.

Assim, é importante ter fotos e vídeos dos produtos da sua loja, para incluir nos anúncios.

Como criar loja no Instagram: veja o passo a passo na rede social

Se você decidiu que está pronto para começar sua loja no Instagram e já tem o que é preciso, chegou o momento de conhecer o passo a passo para iniciar o seu negócio na plataforma.

Continua após a publicidade

Veja as etapas para criar uma conta e habilitar todas as ferramentas comerciais:

1. Crie uma conta no instagram

Antes de mais nada, é preciso criar uma conta no Instagram. Ela será seu perfil comercial, onde poderá publicar as postagens com produtos e anúncios publicitários.

Para isso, para fazer o download do aplicativo no seu celular, disponível para sistemas Android e iOS.

Em seguida, siga as orientações para “Criar uma nova conta”. O processo é rápido e gratuito. A princípio, escolha seu login entre as alternativas:

  • endereço de e-mail;
  • número de celular;
  • conta do Google;
  • perfil do Facebook.

É importante lembrar que somente as opções de endereço de e-mail e conta do Google permitem a criação de múltiplas contas, pois associam o login à domínios distintos.

Continua após a publicidade

Enquanto isso, o número de celular e o perfil do Facebook só podem ser vinculados a uma conta. Assim, se você já possuir um perfil associado a essas alternativas, deverá excluir primeiro.

Depois de selecionar a opção, será necessário criar uma senha e um nome de usuário para login, e confirmar a criação da conta.

No caso de escolher um endereço de e-mail, pode ser preciso confirmar que é um domínio válido através de um link enviado pela plataforma.

Entretanto, o procedimento também é rápido, e, depois da validação, você já poderá entrar na sua nova conta.

Continua após a publicidade

Vale lembrar que essa etapa é indicada apenas para pessoas que querem criar uma loja no Instagram a partir de um novo perfil. 

Se você deseja utilizar sua conta antiga, basta seguir para a etapa de conversão para uma conta comercial.

2. Preencha as informações de perfil

Após criar sua nova conta, você poderá preencher algumas informações básicas de perfil.

Embora não seja obrigatório, o algoritmo que seleciona produtos para exibição no Instagram Shopping reconhece melhor contas que tenham mais dados.

Por isso, é interessante completar seu perfil com informações como:

  • nome;
  • foto de perfil;
  • biografia;
  • destaques;
  • dados de contato;
  • site pessoal.

Além de potencializar o impulsionamento da sua conta e dos seus produtos, também será mais fácil para os clientes localizarem sua loja.

Continua após a publicidade

Todas as informações podem ser alteradas no futuro, então não é preciso se preocupar em colocar dados antigos, ou querer mudá-los depois.

3. Converta seu perfil em uma conta comercial

Depois de criar sua conta e preencher todas as informações, é hora de convertê-la oficialmente em um perfil comercial.

Para isso, você precisará entrar no seu perfil e localizar o botão “Editar perfil”. No final do menu de opções, você poderá encontrar a aba “Mudar para conta profissional”.

Essa possibilidade também está disponível para usuários com contas pessoais que desejam transformá-las em uma conta comercial, sem criar outra do zero.

Continua após a publicidade

Clique em prosseguir e selecione uma categoria para sua loja no Instagram. Isso irá ajudar o algoritmo a identificar seus produtos e combiná-los com os interesses dos demais usuários. Algumas das opções são:

  • artista;
  • blogueiro;
  • saúde e beleza;
  • escritor;
  • gamer;
  • restaurante;
  • compras e varejo;
  • cosméticos e cuidados pessoais.

Nesta etapa, lembre-se de selecionar a categoria que melhor se alinha ao seu perfil comercial, como “compras e varejo” ou “cosméticos e cuidados pessoais”, dependendo dos produtos oferecidos.

Em seguida, basta finalizar o procedimento e confirmar com a sua senha. Seu perfil já será uma conta profissional, com todas as ferramentas liberadas.

4. Vincule ao Facebook

Como mencionamos, é necessário cumprir esta etapa antes de liberar sua loja no Instagram para as vendas.

Continua após a publicidade

Uma vez que o Instagram Shopping e o Marketplace do Facebook são duas plataformas integradas, é preciso associar sua conta à essa rede social.

Dessa forma, o sistema irá criar um catálogo de produtos fora do Instagram, que também ficará disponível para acesso externo.

Por isso, esse vínculo pode ser feito tanto através de uma página já criada, quanto através do Gerenciador de Negócios do Facebook.

Algumas pessoas podem utilizar seu perfil na rede social para criar uma nova conta no Instagram.

Continua após a publicidade

No entanto, também será necessário realizar esse segundo vínculo, dessa vez à uma página oficial de vendas.

Agora, se não desejar trabalhar com essa opção agora, poderá apenas cadastrar seus produtos no catálogo do Facebook.

Seja qual for a alternativa que melhor atenda suas necessidades, é fundamental realizar essa conexão antes de prosseguir com seu negócio online.

5. Leia a política comercial 

Tanto o Instagram quanto o Facebook disponibilizam a Política Comercial das plataformas.

Ou seja, as normas de conduta e permissões para atuar profissionalmente nessas redes sociais.

É importante conhecer todos os termos, para não correr o risco de perder sua loja no Instagram por violação de conduta.

Continua após a publicidade

Por isso, é interessante acessar esse manual antes de começar a divulgar seus anúncios, para saber, por exemplo:

  • o que é permitido, ou não, postar;
  • responsabilidades do usuário;
  • comportamentos que resultam em suspensão da conta;
  • orientações para atuar no Shopping Instagram.

A política comercial fica à disposição dos usuários nas duas plataformas, e pode ser acessada a qualquer momento.

6. Habilite as funções de contato

Depois de criar sua conta comercial, é hora de habilitar algumas ferramentas importantes e começar a divulgar.

Por isso, garanta que todas as funções de contato estão autorizadas, como:

  • receber mensagens diretas;
  • notificação para comentários e curtidas;
  • links externos atualizados;
  • espaço para interação habilitados, como link rápido para enviar mensagem ou visitar o produto em outro perfil.

Dessa forma, o seu público-alvo não poderá apenas visualizar seus produtos, mas também interagir com eles e com seu perfil.

Continua após a publicidade

Muitas lojas no Instagram perdem diversas chances de fechar negócio por não terem todas as funções de contato devidamente habilitadas.

Por esse motivo, vale a pena conferir esse recurso antes de começar a divulgar.

7. Vincule sua conta a um link externo

No momento de editar o seu perfil para incluir as informações básicas ou dados de contato, por exemplo, existe a possibilidade de adicionar um link externo.

Esse espaço pode ser utilizado para associar uma conta em outra rede social, levar o cliente para uma loja virtual ou mesmo para um blog.

Utilizar essa funcionalidade é de grande importância para quem deseja ter uma loja no Instagram completa e bem-sucedida.

Continua após a publicidade

Isso porque, conforme mencionamos, é necessário redirecionar o cliente para uma plataforma externa para finalizar a compra, uma vez que não existe sistema de pagamento interno.

Assim, é fundamental vincular sua conta comercial ao seu site, perfil ou blog para essa etapa.

Além disso, também é possível incluir links externos em cada publicação, para que o cliente também possa ser redirecionado direto do produto, sem precisar entrar no perfil. 

Para isso, basta seguir o seguinte passo a passo:

  1. faça a postagem;
  2. clique sobre o produto que deseja marcar na foto da publicação;
  3. pesquise o nome do produto ou link cadastrado;
  4. confirme.

Essa opção está disponível por conta do catálogo integrado com o Facebook. Por isso, é preciso cadastrar os produtos antes.

Continua após a publicidade

Por exemplo, você postou a foto de uma camiseta e quer direcionar o cliente para sua loja virtual quando ele encontrar o produto na vitrine do Instagram Shopping.

Assim, basta ter cadastrado o link anteriormente no catálogo ou na página do Facebook e localizá-lo na lista de opções na hora de marcar a postagem.

Em resumo, o link externo pode ser vinculado em:

  • perfis, através da biografia;
  • publicações, marcando os produtos da foto;
  • stories, uma ferramenta de compartilhamento rápido;
  • IGTV, um recurso de videos longos.

8. Comece a postar

Sua loja no Instagram já está pronta para começar a funcionar.

Sabendo disso, comece a fazer postagens, marcar produtos e divulgar seus anúncios na vitrine da rede social.

A conta comercial já estará com as ferramentas de gerenciamento habilitadas, como:

  • ver alcance das publicações;
  • acompanhar o número de cliques e seguidores;
  • impulsionar produtos;
  • relatórios de desempenho.

Por isso, é interessante utilizar cada um desses recursos para monitorar sua loja e o índice de atividades que conseguiram alcançar o público.

Continua após a publicidade

Cada postagem pode ter até marcação de até 5 produtos do catálogo, onde os clientes podem interagir tanto diretamente pelo perfil.

Com isso, existe a possibilidade de enviar comentários e mensagens diretas pelo Instagram Shopping ao ver um produto específico.

Como gerenciar a loja no Instagram depois de pronta?

Depois de cumprir todas as etapas de criação da sua loja no Instagram, você já poderá começar a gerenciá-la.

Para isso, existem alguns processos essenciais que podem ajudar os iniciantes a ter um bom desempenho dentro da rede social.

Continua após a publicidade

Confira os próximos passos para colocar a loja em funcionamento:

1. Insira produtos

Você pode começar a inserir produtos através do catálogo vinculado ao Facebook, que exibe os itens no marketplace e no Instagram Shopping.

Em seguida, eles estarão disponíveis para serem marcados nas suas publicações, que podem ser promocionais ou de divulgação.

Por exemplo, uma imagem de uma camiseta, ou uma modelo usando a camiseta.

Ambas podem receber uma marcação com link para seu perfil externo.

Para cadastrar produtos e ganhar visibilidade na sua loja, é importante preencher dados importantes, como preços, fotos e descrições.

Dessa forma, os usuários terão acesso a todos os detalhes quando visualizarem o produto em sua página personalizada.

Continua após a publicidade

Ou seja, a inserção de produtos depende de duas etapas diferentes, no catálogo e nas publicações no Instagram. 

No entanto, é um processo rápido, e quanto mais itens você publicar, maior será seu inventário.

2. Promova os produtos com impulsionamento

Nas redes sociais, o impulsionamento consiste no aumento do alcance original da publicação através de algumas ações.

Esse recurso conta com dois tipos principais, o impulsionamento orgânico e inorgânico.

Orgânico

Basicamente, impulsionar organicamente um post significa potencializar seu alcance de forma natural, sem nenhum tipo de investimento financeiro. 

Continua após a publicidade

Por exemplo:

  • utilizar as hashtags corretas;
  • publicar nos melhores horários;
  • divulgar com diferentes recursos;
  • dar visibilidade para publicações antigas.

Dessa forma, os posts voltarão para a timeline e para a vitrine dos usuários de maneira autêntica, e poderão ser vistos por mais pessoas.

Inorgânico

Por outro lado, é possível optar pelo impulsionamento pago, que consiste em investimentos de publicidade e patrocínio.

Ele pode ser feito através de parcerias com outros usuários, divulgações ou impulsão pela própria plataforma, na forma de anúncios patrocinados.

Também é uma maneira eficiente de potencializar o alcance dos posts, especialmente além do público padrão.

Continua após a publicidade

3. Faça interações com os clientes para ter engajamento

Você pode ter percebido que quando um usuário comenta em uma postagem, ela aparece no seu feed, seja no Instagram ou no Facebook.

Isso porque houve uma atividade recente no post, e ele foi impulsionado, ganhando o que chamamos de engajamento.

Por isso, é importante interagir com clientes, para poder manter a publicação recente e visível nas visualizações de outros usuários.

Assim, busque sempre responder comentários, curtir as respostas e divulgar sempre que possível. 

Dessa forma, você estará aumentando a credibilidade da sua loja no Instagram, além de ter um impulsionamento orgânico.

Continua após a publicidade

4. Utilize os recursos da rede social

O Instagram não possui apenas ferramentas de postagens, mas também outros recursos essenciais para promover sua loja.

Por exemplo, os stories, uma ferramenta de compartilhamento rápido de fotos e vídeos, ou o IGTV, canal de vídeos mais longos.

Por isso, invista em conteúdos alternativos e criativos, não apenas para atrair mais usuários, mas para manter sua conta sempre movimentada.

Também invista em outras formas de interação, como:

  • enquetes;
  • promoções;
  • descontos;
  • sorteios;
  • divulgações diferenciadas.

Dessa forma, poderá aproveitar ao máximo todas as ferramentas que a plataforma oferece para perfis comerciais.

Continua após a publicidade

Principais dúvidas sobre criar uma loja no Instagram

Veja algumas das principais dúvidas dos usuários sobre criar uma loja no Instagram:

1. Preciso ter uma loja virtual própria para ter minha loja no Instagram?

Não é preciso ter uma loja virtual para poder atuar no Instagram. 

Apesar de ser necessário possuir um link externo, por conta do sistema de pagamento e outras ações, é possível administrar esse negócio sem um site, por exemplo.

Inclusive, com algumas técnicas, é possível até mesmo direcionar os clientes para outras redes sociais, como Facebook e Whatsapp, onde pode existir uma comunicação mais direta, rápida e pessoal.

2. É possível colocar link de pagamento na loja do Instagram?

Embora seja necessário direcionar o cliente para outro link, a fim de finalizar o pagamento da compra, não é possível incluir um link direto na postagem.

Isso porque só podem ser marcados produtos cadastrados no catálogo associado ao Facebook. 

No entanto, é possível adicionar links de maneira indireta. Por exemplo, redirecionar o link do catálogo do Facebook para uma plataforma de pagamentos.

Continua após a publicidade

Sendo assim, o usuário seria encaminhado para uma segunda página, a partir do produto vinculado na postagem.

Além disso, também existe a possibilidade de incluir o link direto de pagamento na descrição do post ou nos comentários, mas não é possível incorporá-lo diretamente.

3. Qual a política de fotos para a loja do Instagram?

O Instagram é uma rede social voltada para o compartilhamento de fotos, de modo que possui uma política muito rigorosa quanto às imagens compartilhadas.

Basicamente, o usuário não pode desrespeitar o código de conduta com imagens que promovam a violência ou a nudez.

Continua após a publicidade

Também é necessário ter todos os direitos das fotos, ou seja, não violar os direitos autorais de terceiros.

Outras especificações podem ser encontradas na Política Comercial e de Produtos da plataforma.

4. Posso usar a loja do Instagram para impulsionar meus anúncios?

Sim, como vimos, é possível usar sua loja do Instagram para impulsionar anúncios e produtos, mesmo que em plataformas externas.

Desde que os itens estejam cadastrados no catálogo do Facebook e cumpram a política comercial, a divulgação está autorizada.

Inclusive, o impulsionamento pode ser orgânico ou inorgânico, através de pacotes de patrocínio e publicidade.

Continua após a publicidade

5. É seguro usar a loja do Instagram para vender nas redes sociais?

O Instagram é uma das maiores redes sociais do mundo, de modo que sua Política de Privacidade e sistema de segurança possuem diversas garantias.

Sendo assim, podemos considerar que a plataforma é segura para realização de vendas, tendo, inclusive, desenvolvido uma série de recursos voltados apenas para esse segmento.

No entanto, é importante se atentar para os links externos utilizados para concluir os pagamentos.

Uma vez que o Instagram ainda não fornece um sistema interno, cada loja fica responsável pelo seu próprio redirecionamento.

Continua após a publicidade

Entretanto, o Instagram se certifica de que as contas estejam cumprindo o código de conduta, para tentar amenizar situações suspeitas.

Qual a importância do Facebook diante da loja do Instagram? 

Conforme apresentamos ao longo de todo o conteúdo, o Facebook exerce um papel fundamental na sua loja do Instagram.

Isso porque é a rede social que gerencia todo o sistema de vendas e produtos, além do cadastro de itens em seu catálogo.

Ou seja, não é possível ter uma loja na plataforma sem vincular sua conta ao Facebook.

Continua após a publicidade

Dessa forma, é importante se atentar para as exigências da empresa antes de começar a gerenciar seu negócio, criando uma página comercial ou um inventário para controle nessa rede.

Vale a pena ter uma loja no instagram? 

O Instagram possui bilhões de usuários em todo o mundo, um número que apenas cresce, de modo que se torna cada vez mais influente.

Além disso, as redes sociais se tornaram uma das principais alternativas para a interação da comunidade e a execução de atividades simples do dia a dia, como trabalhar e fazer compras.

Por esse motivo, pode ser interessante criar uma loja no Instagram se você deseja alavancar seu negócio e alcançar mais clientes.

Continua após a publicidade

Essa plataforma oferece uma série de facilidades gratuitas para o usuário, e em apenas alguns minutos é possível criar a sua própria conta comercial.

De fato, determinar se vale ou não a pena é uma decisão que depende de uma análise diretamente pessoal, considerando suas necessidades e objetivos.

No entanto, essa rede pode ser capaz de potencializar as suas vendas, de maneira prática e acessível, com ferramentas profissionais de acompanhamento e divulgação.

Assim, podemos concluir que é vantajoso conferir como funciona a plataforma e dar uma chance para a loja no Instagram.

Gostou do conteúdo? Assine a newsletter do iDinheiro e ative as notificações do Push para receber todas as novidades do universo financeiro.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.