15 bons negócios para abrir no seu bairro investindo pouco

Talvez você não esteja 100% satisfeito com sua ocupação atual, mas saiba que você pode se organizar e, com o planejamento certo, realizar seu sonho do negócio próprio.

Victor Leitao
Victor Leitão

15 bons negócios para abrir no seu bairro investindo pouco.

Todo comércio de bairro deve ter como pilares a comodidade, confiança e proximidade.

De acordo com o gerente de Serviços do Sebrae, André Spínola, saber os nomes dos clientes e fazer propaganda personalizada são algumas das vantagens para os “empreendedores de bairro”.

Contudo, abrir comércio e fazer sua administração no bairro impõe os mesmos desafios que os negócios que ficam em shoppings ou na região central.

Continua após a publicidade

Segundo o especialista, “não adianta criar a empresa sem ter conhecimento sobre os concorrentes e sobre onde eles atuam. É necessário saber, por exemplo, se as pessoas estão indo mais longe para economizar”.

De todo modo, existem muitos exemplos de pequenos negócios que dão certo que você pode implementar dentro de sua própria comunidade e com um investimento que, muitas vezes, cabe tranquilamente no seu orçamento.

Continua após a publicidade

Então, já estava pensando em começar a empreender? Confira ideias para abrir um negócio que você pode investir e gerar ótimos resultados.

15 bons negócios para abrir no bairro ou em uma cidade pequena

1. Economia criativa e artesanato

Reunir lazer e entretenimento pode ajudar você a conquistar clientes de todas as faixas etárias.

Escolas de arte, teatro, música e dança são ideias de negócios que podem funcionar muito bem em um bairro.

Para Spínola, o primeiro passo é explorar a vizinhança para avaliar o mercado.

Vale até montar uma vendinha colaborativa, caso existam outras pessoas no seu bairro que façam trabalho artesanal.

Nunca é demais lembrar que muitas empresas de sucesso começaram como hobbies.

Outra dica é que se você recebe continuamente feedbacks positivos sobre os produtos que cria, e parece haver uma forte demanda, então, talvez seja possível transformar essa atividade em um negócio viável.

Continua após a publicidade

Você só precisa ser claro sobre quem é o seu público-alvo e como você vai alcançá-lo.

Inclusive, esse segmento de artesanato também é citado no nosso artigo sobre produtos para vender e ganhar dinheiro, confira: O que fazer para ganhar dinheiro rápido? Veja 33 ideias de coisas fáceis de vender!

2. Comércio de alimentos

Pizza sobre a mesa
Negócios para abrir: comércio de alimentos

Pizzaria, creperia, lanchonete, restaurante a quilo, vegetariano e bar são alguns nichos de mercado da área de alimentação também considerados negócios lucrativos para cidades pequenas ou grandes metrópoles.

Conforme dados da última pesquisa de orçamento familiar elaborada pelo IBGE, mais de 25% das refeições no Brasil são consumidas fora do lar.

Continua após a publicidade

Nos grandes centros urbanos, inclusive, passa de 1/3.

Ou seja, o potencial de crescimento desse mercado ainda é muito promissor, principalmente quando comparado à realidade norte-americana, no qual o setor responde por mais de 60% das refeições.

Com a correria do dia a dia, o gasto com alimentação fora do lar costuma ser alto e a tendência é que esse hábito continue.

“Procure oferecer aquilo que a vizinhança quer e precisa. Personalização é a arte do negócio”,  aconselha Spínola.

Criar programas de fidelidade e investir em um bom atendimento são outras recomendações para conquistar mais clientes. 

Continua após a publicidade

Quer dicas para criar um negócio que vai prosperar? Então, leia o artigo: 20 fatores importantes para ajudar você a montar um negócio de sucesso.

3. Loja de roupas

Uma das principais dificuldades que as pequenas cidades costumam ter é a falta de lugares para fazer compras de roupas.

Ou talvez você até more em uma cidade maior, mas seu bairro não possui um shopping, mercado ou brechó. E, sem dúvidas, esses são bons negócios.

Começar uma boutique de roupas não apenas o colocará no mapa, mas também fará de você um destino popular para a maioria dos moradores nas proximidades.

Continua após a publicidade

Você será praticamente o substituto do shopping para quem busca uma opção interessante para renovar o guarda-roupa.

Apenas certifique-se de manter-se atualizado sobre as últimas tendências!

4. Serviço de creche

A demanda por creches é gigantesca!

Claro, você vai precisar de licenciamento, adaptar o espaço para se adequar às crianças e ser um lugar seguro considerando os aspectos físicos e sanitários.

Por isso, verifique as creches já existentes no seu bairro, o que elas oferecem e pense no que você pode fazer melhor.

Se você adora crianças, já tem o necessário para iniciar esse tipo de negócio, mas lembre que caso a demanda aumente, talvez você precise começar a contratar pessoas para auxiliar no serviço e não sobrecarregar-se.

Continua após a publicidade

5. Pequenas reformas

Empresas especializadas em serviços de reparos, manutenção e reformas estão sendo muito solicitadas.

E, vale lembrar que não são negócios para cidades pequenas, apenas, mas para qualquer região que tenha carência desse tipo de serviço.

“Nesse momento de crise econômica, as pessoas querem consertar mais”, diz Spínola.

Ainda há espaço no mercado para que os pequenos negócios possam crescer com a clientela do bairro.

6. Atividades de estética e beleza

Os salões de beleza Brasil afora normalmente estão lotados devido à preocupação com a aparência.

Sendo assim, lojas especializadas em cosméticos, barbearias, manicure, depilação e sobrancelha são tipos de negócios para abrir que têm demanda constante nos bairros.

Continua após a publicidade

Vale dizer que ele atendem diferentes públicos, ou seja, mulheres, homens e crianças da região.

7. Passeador ou creche canina

4 cães sentados em frente ao seu passeador
Negócios para abrir: passeador

Para os amantes de animais, o que poderia ser melhor?

Existem sites como o DogHero, onde você se cadastra e oferece seus serviços como passeio ou para cuidar dos animais em sua casa, como se fosse uma creche.

Esse é um daqueles pequenos negócios que dão certo, sabe?

No entanto, leve em consideração que esse trabalho vai demandar muita disposição e energia, pois além de passear com os animais, você deverá brincar com eles, alimentar nos horários adequados e dar muito amor e carinho!

8. Serviços técnicos de computação

Se você tem afinidade com tecnologia, já fez algum curso na área e conhece muito sobre computadores, esse pode ser um tipo de negócio para abrir.

Continua após a publicidade

Caso tenha algumas peças de reserva para seu computador pessoal, você já pode iniciar esse pequeno negócio.

Você pode começar fazendo pequenos reparos, limpeza de computadores, formatação de sistemas e até vender peças para melhorar o desempenho das máquinas.

Aqui, ideias e possibilidades não faltam, o que também não costuma faltar é demanda para esse tipo de serviço.

Afinal, a maioria das pessoas tem computador ou notebook em casa hoje em dia. 

9. Costura e customização

Ainda no ramo fashion, caso goste de costura, você pode pensar em um negócio especializado em customizar ou reparar roupas.

Continua após a publicidade

Se você não entende muito de costura, pode procurar aprender, pois customizar também vai exigir certo nível de habilidade com trabalhos manuais e muita criatividade.

Mas o melhor é que você pode começar a treinar agora mesmo, com o que você já tem em casa.

Ou seja, antes de abrir comércio ou qualquer outra atividade comercial, considere seus talentos e as oportunidades que existem na prestação de serviço.

Você pode fazer o serviço de casa mesmo ou procurar pequenas lojas no bairro para alugar. E, aqui, vale uma dica de marketing.

Continua após a publicidade

O marketing de um negócio leva em consideração 4 P’s: produto, preço, promoção e praça.

Esse último está relacionado a escolha de onde você vai fazer sua lojinha de bairro. Uma rua com bastante movimento vai ajudar a atrair pessoas interessadas. Pense nisso na hora da escolha, combinado?

10. Padaria

Esse é um dos tipos de negócio para abrir que pode dar muito certo em bairros pequenos e tudo isso se deve ao fato de que as padarias oferecem produtos que a maioria das pessoas costuma consumir diariamente.

A área de alimentação, no geral, tende a gerar lucros todos os dias e tem uma maior tendência de fidelizar os clientes locais.

Continua após a publicidade

Mas, uma padaria só vai ser um dos negócios lucrativos em pequenas cidades ou bairros se você também investir nos 4 P’s do marketing e, claro, fazer uma boa gestão do comércio.

11. Centro de jardinagem

Se você gosta de jardinagem, mas prefere compartilhar seus conhecimentos do que ajudar os outros individualmente com seus jardins pessoais, iniciar um centro de jardinagem pode ser a ideia certa para você.

Você pode aconselhar e educar outros entusiastas sobre o que é preciso para tornar seus jardins bonitos.

Outra ideia interessante, é vender plantinhas, jarros e ferramentas para jardinagem.

Aliás, existem bons negócios investindo em serviços delivery de flores ornamentais e kits para montagem de hortinha em casa.

Continua após a publicidade

Ficam aqui duas ideias para abrir um negócio moderno e super simples de gerenciar pois além de ganhar dinheiro, você ainda contribui pra deixar o mundo mais verde.

12. Food Truck

Várias pessoas se alimentando em frente a um food truck
Negócios para abrir: food truck

Abrir um food truck pode não ter sido o primeiro pensamento em sua lista de ideias para um negócio.

Contudo, dependendo da localização de sua cidade, do quão propensos a comer fora de casa os moradores são e, claro, do clima, criar um food truck pode ser um ótimo negócio.

Os food trucks também têm o benefício adicional de poderem ser alugados para eventos especiais.

Continua após a publicidade

Assim, em uma cidade pequena (que pode carecer de um serviço de bufê adequado), poder alugar um caminhão de comida para o aniversário do seu filho ou filha é uma opção bem interessante.

13. Academias

Preocupação com saúde passou a fazer parte da rotina de jovens e idosos nos últimos anos. Academias de ginástica, pilates, lutas, ioga ou crossfit são alguns dos tipos de negócios para abrir que atendem o mais variado público.

Muitas pessoas almejam a comodidade de ter uma academia no bairro, concorda?

Porém, o gerente do Sebrae explica que é indispensável fazer uma pesquisa de mercado visando avaliar a concorrência e buscar um diferencial.

“Diversas pessoas optam por fazer academia em outros bairros porque é mais barato”, afirma.

Mas, antes que você pense que vai precisar de um espaço grande, saiba que muitos studios de pilates e profissionais de educação física estão montando uma estrutura bem bacana em pequenas lojinhas de bairro.

Continua após a publicidade

14. Lojinhas de bairro

As famosas lojinhas de bairro não podem ficar de fora dessa lista, não é mesmo? Mas, esqueça aquele estilo de comércio que você visitava quando criança.

As lojinhas de bairro são pequenos negócios que dão certo, mas é preciso inovar no mix de produtos. Lembra dos 4 P’s do marketing?

Então, aqui a ideia é trazer produtos que sejam relevantes para o bairro, mas também, diferentes.

Como fazer isso? Bom, você pode comprar de fornecedores que trazem produtos importados para o Brasil, por exemplo.

Continua após a publicidade

15. Vendas de produtos orgânicos por assinatura

Esse é um dos pequenos negócios que dão lucro e que tem um público cada vez maior, afinal, as pessoas estão ficando mais conscientes sobre a alimentação e valorizando produtos de qualidade.

E, se você não planta seus próprios produtos, pode negociar com diferentes produtores, ainda mais se aplicar o conceito de assinatura.

Nesse modelo, o cliente fica fidelizado e tem uma compra periódica garantida e, além de você ter uma previsibilidade de ganhos, também pode organizar com seus fornecedores o volume exato de produtos com antecedência.

Esse é um dos bons negócios que, certamente, atendem as necessidades e preferências dos consumidores atuais, não é mesmo?

Continua após a publicidade

Conclusão sobre negócios para abrir no seu bairro

Não esqueça que para montar um negócio você vai precisar fazer um bom planejamento.

Estude a comunidade, quais são as maiores necessidades do seu bairro e como você pode contribuir para resolver ou melhorar isso?

Dessa forma, analise seus potenciais clientes, qual vai ser a melhor forma de abordar essas pessoas na hora de oferecer seus serviços ou de convidar esse público para conhecer seu novo negócio, ok?

Além disso, planeje muito, não economize nessa hora, abrir um negócio é coisa séria e você não deve se apressar.

Você também deve pensar sobre o capital para iniciar um negócio: você já tem o dinheiro guardado para fazer esse investimento inicial, já pensou em como vai ficar seu capital de giro?

Continua após a publicidade

É importante pensar em todos esses aspectos antes mesmo de saber qual negócio abrir. Mas, não deixe de colocar a mão na massa!

Algumas das ideias que demos nesse post podem, inclusive, ser feitas em paralelo com seu trabalho atual, mas outras exigem total dedicação.

Então, já sabe qual negócio abri? No fim, a regra mais importante é: Não desista dos seus sonhos!

Talvez você não esteja 100% satisfeito com sua ocupação atual, mas saiba que você pode se organizar e, com o planejamento financeiro certo, realizar seu sonho do negócio próprio.

Continua após a publicidade

Lembre-se também que para começar um negócio e ter mais chances de ter sucesso, é importante que você esteja com suas finanças pessoais em ordem.

Portanto, não deixe de controlar seu dinheiro e fazer o planejamento financeiro.

Com suas contas no azul, você ficará muito mais tranquilo para administrar sua empresa e poderá focar apenas em trabalhar com afinco para obter os melhores resultados.

O que achou desse artigo? Deixe seu comentário para que possamos saber sua opinião. Se deseja receber mais conteúdos sobre empreendedorismo e negócios, assine agora mesmo a newsletter do iDinheiro.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔

13 comentários

  1. Dayse Avila

    bacana, eu tenho interesse em armarinho, porem diversificando o conceito, tenho um pequeno espaço, sou bem criativa (amigos comentam muito) curiosa, disposta, gosto de contato com publico, internet tb. Aposentada (ja tenho o principal garantido), gostaria de me manter ativa, mão de obra tenho tb disponivel (só não consegui ainda envolve los no meu projeto) sustento 3 pessoas porem não são exatamente disponiveis p trabalho.

  2. Alcidio Quipuco

    É INTERESSANTE AS DICAS QUE ENCONTREI AQUI. PRECISAREI PASSAR MAIS VEZES PARA REFRESCAR MINHAS IDÉIAS.

  3. Patricia Alencar

    Adorei seu conteúdo Parabéns, bem completo e dinâmico.
    Era exatamente o que eu estava buscando na internet e
    todas as minhas dúvidas foram tiradas aqui. Muito sucesso e
    gratidão!

  4. Continua após a publicidade

  5. Claudete Harada

    Muito obrigada, pelas informações,me ajudou muito.

  6. Antônio castro

    Quero abrir uma pequena distribuidora de bebidas é um bom negócio nesse momento de pandemia e quais as dicas pra começar,eu não sei nada sobre empreendedorismo.

  7. Gustavo Woltmann

    Quantas opções maravilhosas. Um ótimo artigo, boas dicas.

  8. Augusto Pimentel

    Uma ótima noite pra vcs, excelente, gostei muito das sugestões.Pretendo colocar em prática uma loja na área da Alimentação(Açaí).
    Obrigado pelas dicas.

  9. Maria do

    Muito BOM, boas idéias para uma preparação de negócios próprios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.