Lista de compras: dicas de como fazer e economizar no supermercado

Fazer uma lista de compras é muito importante na hora de ir ao supermercado, assim, você compra apenas o que realmente precisa.

melissa nunes perfil
Melissa Nunes

Quando você vai ao supermercado, leva uma lista de compras? Se não leva, as chances de gastar mais do que deveria são bastante grandes. Afinal, você não sabe realmente do que precisa e acaba comprando coisas que acha que estão faltando e, ainda por cima, caindo em várias tentações!

mulher colocando várias caixas de cereal no carrinho de supermercado

A lista de compras te ajuda a saber exatamente o que você tem que comprar naquele momento do mês. Assim, você não gasta mais do que o necessário. Mas como fazer uma lista de compras organizada e focada? Você vai descobrir neste artigo!

Continua após a publicidade

Como fazer uma lista de compras?

Uma lista de compras organizada começa ainda antes de fazê-la. Primeiro, é preciso investigar o que já existe na despensa, fazer um orçamento e, por fim, listar todos os itens essenciais e supérfluos. Veja cada etapa com mais detalhes.

1. Organize o que você já possui em casa

Antes de tudo, você precisa saber exatamente o que tem na sua casa. Olhe a despensa, a geladeira, armários, lavanderia, banheiro, etc. e analise o que você está precisando comprar.

Continua após a publicidade

A sua lista deve ser separada em setores, como alimentos, produtos de limpeza e outros que mostramos neste artigo. Então, comece a anotar tudo que você precisa por categoria, priorizando os produtos mais necessários.

Também é muito importante você estipular de quanto em quanto tempo fará as compras de casa. Uma vez ao mês? Uma vez por semana? Se for uma vez na semana, a quantidade de arroz, por exemplo, será menor do que se você for uma vez ao mês.


Procurando um aplicativo de lista de compras? Conheça os melhores!


2. Calcule quanto você pretende gastar

É importante separar uma parte do seu orçamento para as compras no supermercado. A quantia vai variar de acordo com suas necessidades e o quanto você realmente pode gastar.

Se o valor estipulado for 500 reais, por exemplo, é importante que você mantenha esse valor e não o ultrapasse. Caso você sinta a necessidade de aumentar este valor, analise bem se o seu orçamento não sofrerá perdas grandes.

Continua após a publicidade

Claro que ocorrem imprevistos e pode acontecer de você precisar comprar alguma coisa fora de suas compras mensais ou semanais. Nessa situação, é essencial que você reorganize o seu orçamento para isto.


Controle de orçamento: 21 dicas essenciais que vão te ajudar neste objetivo


3. Faça sua lista de compras

Como mencionamos, comece sua lista de compras básica pelos itens essenciais para a sua sobrevivência e de sua família. Veja o exemplo abaixo, que pode servir como um começo para sua organização:

lista de compras exemplo

Depois, se o orçamento permitir, você pode incluir outros produtos que não são essenciais, mas que vão melhorar sua qualidade de vida ou propiciar um momento especial com alguma comida gostosa ou aperitivo.

Se você quiser mais exemplos de listas, dê uma olhada neste artigo com muitos exemplos.

Continua após a publicidade

Dicas para economizar no supermercado

A lista de compras econômica é um ótimo começo para poupar no supermercado, mas também podemos usar outras estratégias que nos ajudam a ficar dentro do orçamento e evitar as tentações! Veja abaixo.

1. Vá direto ao ponto

Ao chegar no supermercado, vá direto ao ponto! Se você já fez a lista de compras separando por setor, então, você já sabe exatamente para onde tem que ir e evita de ficar circulando entre os corredores desnecessariamente.

Desse modo, se você não precisa passar pela padaria, não vá até lá. Isso evita de você desejar (e comprar) itens que não são necessários naquele momento (especialmente por causa do cheirinho de pão novo).

homer simpson cheirando algo bom

Você não precisa de tudo: aprenda a diferença entre necessidade e desejo!


2. Se não tiver algum item da lista, substitua ou procure mais!

Pode ser que quando você for comprar esteja faltando algum(ns) item(ns) da sua lista. Nesse caso, você pode tentar substituir os itens por outros que tenham a mesma função. Apenas analise se o preço não é mais caro, o que poderia bagunçar seu orçamento.

Continua após a publicidade

Ou, caso seja algo muito específico e você tenha tempo, pode tentar achar em outros supermercados.

3. Fome? Vá em outro momento

Nunca vá ao supermercado com fome, pois é a pior cilada! Ao chegar lá e ver todas as comidas, você vai querer comprar muito mais do que já estava estipulado (seu estômago vai fazer questão de te avisar).

Então, para o seu orçamento continuar saudável, apenas vá para o supermercado quando você não estiver com fome. Se precisar, faça um pequeno lanche antes de sair de casa.


Como manter uma alimentação saudável gastando pouco


4. Conheça as safras dos produtos

Toda fruta, legume e verdura possuem uma época do ano que estão mais baratas que o comum. Isso porque cada alimento tem seu período de safra definido, quando há mais oferta e os preços são melhores.

Continua após a publicidade

Por isso, quando for às compras no supermercado ou na feira livre, priorize a escolha por produtos que estejam nessa época! Se não souber, pergunte a um feirante ou faça uma pesquisa em site como este aqui. Com certeza, esse cuidado vai te ajudar a economizar bastante!

5. Fique atento às promoções

Supermercados sempre possuem promoções, às vezes, em algum dia específico da semana para diferentes produtos, como o dia das frutas, o dia das carnes etc. Então, sempre fique atento quando terá promoção no supermercado que você frequenta e aproveite para fazer as compras.

Se você possui o cartão de crédito do supermercado ou rede associada, normalmente, existem programas de pontos que você acumula e pode trocar por prêmios ou descontos na nota fiscal. Porém, não se obrigue a fazer o cartão apenas por esse motivo, analise outros fatores como anuidade e outras taxas.

Mesmo assim, tome cuidado com promoções que parecem mais vantajosas, mas não são, como descontos progressivos que te fazem gastar mais com coisas que, muitas vezes, você nem precisa.

Continua após a publicidade

Por fim, o “melhor dos mundos” seria fazer compras em diferentes mercados para aproveitar todas as promoções. mas isso exige tempo de sobra e outros gastos, como deslocamento, e pode não valer o esforço.


10 dicas para usar melhor seu cartão de crédito


6. Deixe as crianças em casa

Se você puder deixar seus filhos em casa enquanto vai ao supermercado, vai ser melhor, pois as crianças não conseguem manter um certo foco em lugares como o supermercado.

criança eufórica no supermercado

É claro, os produtos infantis são dispostos para que elas os desejem e tentem persuadir você a comprá-los. E vamos combinar que quase sempre funciona, não é mesmo? Ou seja, o risco de levar itens desnecessários é grande e essa ação provavelmente vai fazer com que você ultrapasse o valor destinado às compras.

Mas, se você não tiver alternativas, procure educar seus filhos desde novos para que entendam que você não pode comprar tudo e que devem ter bom comportamento para poder te acompanhar nas compras. Uma boa estratégia, por exemplo, é permitir que a criança escolha um ou dois itens que quiser (como um doce ou um brinquedo), como um acordo entre vocês, e que não poderá pedir mais nada.

Continua após a publicidade

Ou, ainda, mantenha a criança ocupada e dê tarefas a ela, como controlar o carrinho ou ser responsável por conferir e “checar” todos os itens da lista. Eles adoram se sentir responsáveis e úteis!


Educação financeira infantil: como ensinar a importância da economia


7. Fuja dos pequenos gastos

Por exemplo: você não botou na sua lista que precisa de chiclete e chocolate (e não precisa mesmo), mas como o preço não é alto, você acha que não tem problema comprar.

Se você fez as contas e o seu orçamento não será prejudicado, então, tudo bem. Mas não exagere, pois pequenas despesas, podem se transformar em grandes contas. Por isso, você deve ter consciência do que você realmente precisa comprar naquela hora.

icon

Dica extra

Evite gastos desnecessários, como sacolas plásticas e estacionamento! Se puder, compre “ecobags” e deixe algumas no porta-malas do carro, assim, você nunca vai esquecê-las em casa! E caso o estacionamento seja pago, verifique se não há um valor mínimo de gasto para isenção. Se não for gastar esse valor, estacione fora do supermercado (já que provavelmente você não vai comprar muitas coisas, nesse caso).

Conclusão

A comida tem um aspecto emocional e, muitas vezes, é a porta de entrada para o descontrole financeiro. Por isso, a lista de compras é muito importante para você saber exatamente o que precisa comprar no supermercado e não perder o foco.

Também é importante você botar em prática as dicas de como economizar no supermercado sugeridas aqui. E, para te auxiliar nesta missão, um aplicativo de gerenciamento financeiro ou mesmo uma planilha são ótimas opções. Com elas, você pode registrar despesas e receitas, estipular objetivos e metas, organizar seu orçamento e muito mais.

Sugestões de leitura:

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.