O Itaú Unibanco lançou um novo programa que permite que os clientes possam trocar de Iphone com uma periodicidade de 21 meses. O Iphone para Sempre dará possibilidade de parcelamento estendido. Assim, usuários podem sempre ter uma versão mais atualizada do aparelho.

Aquisição do aparelho pode ser feita por meio dos aplicativos do banco e da Itaucard, com possibilidade de escolha do modelo e configurações escolhidas.

Continua após a publicidade:

Saiba mais sobre o programa.

Como funciona o Iphone para Sempre?

O programa permite que clientes façam a compra do aparelho pelo próprio smartphone, com condições de parcelamento especiais. Após modelo selecionado, celular é enviado para o endereço escolhido e parcelas começam a ser debitadas na fatura. 

Parcelas da compra do Iphone, modelo de celular que pode custar mais de R$ 9 mil, ficam a partir de R$ 140,91 sem juros.

É possível comprar apenas um aparelho por CPF. Apenas pessoas com limite disponível no cartão suficiente para cobrir o valor total do celular escolhido podem solicitar programa..

“O mercado brasileiro geralmente trabalha com parcelas de até 12x, o que torna o valor de cada parcela mais caro. Agora estamos tornando mais fácil para que mais clientes do Itaú possam desfrutar da experiência de alta qualidade do iPhone. E, oferecendo a opção de atualizar para um novo modelo regularmente”, afirma Rubens Fogli, diretor de Negócios Digitais do Itaú Unibanco.

Como participar do programa?

Para fazer parte do programa, o cliente do Itaú deve acessar a versão atualizada dos apps do banco ou da Itaucard, ir até a aba “Serviços” e escolher a opção “iPhone pra Sempre”. 

Nessa aba, é possível selecionar o modelo, incluindo as versões de iPhone 11 e iPhone 11 Pro, o iPhone XR e também o iPhone SE, o lançamento mais recente da Apple. 

Depois de 21 meses, o cliente terá pago cerca de 70% do valor de mercado do aparelho. Então, terá três opções: 

  • permanecer em definitivo com o celular, pagando uma última parcela correspondente a aproximadamente 30% do valor daquele aparelho;
  • trocar o produto em uso por uma versão mais moderna, com a abertura de um novo ciclo de financiamento; ou
  • devolver o aparelho e sair do programa.

Caso cliente escolha pela troca ou devolução do iPhone, o pagamento da última parcela não é necessário. Para conferir mais informações e detalhes do programa acesse este site.

Quer continuar acompanhando as novidades? Então, assine a newsletter do iDinheiro e receba tudo em tempo real. 

Publicidade