Notícias

Home office permanente na Petrobras: empresa anuncia medida

Ana Júlia Ramos
Imagem de uma pessoa trabalhando em casa para representar a notícia em que o home office permanente na Petrobras foi anunciado

Um plano para adotar o home office permanente na Petrobras foi anunciado. Medida valerá mesmo após a pandemia, e aceitação é positiva.

Planos para adotar o home office permanente na Petrobras foram anunciados pela empresa na última segunda-feira, 31.

Até então, funcionários estavam em trabalho remoto desde o início da pandemia e permaneceriam até o final de dezembro.

Continua após a publicidade:

Nesse sentido, a partir do dia 1º de setembro, funcionários poderão sinalizar sua vontade de aderir ao novo modelo de trabalho ou não. Prazo de comunicação para o RH é de três dias.

Saiba mais sobre as informações, divulgadas pelo portal da Revista Exame.

Opção não é obrigatória

Medida vale para todos os funcionários administrativos. Ao todo, 28.500 pessoas em todo o Brasil poderão permanecer em casa mesmo após a pandemia.

Quem optar pelo home office permanente na Petrobras não precisa manter a decisão de forma permanente, assim como a escolha não é obrigatória.

Nesse sentido, o profissional pode indicar uma menor frequência de idas à empresa ou até mudar de ideia no futuro caso não se adeque ao modelo no longo prazo.

De toda forma, o gerente de executivo de RH, Cláudio Costa, em entrevista para a Exame, acredita que a adesão será alta.

Em pesquisa com mais de 13 mil empregados, cerca de 86% gostou da experiência de teletrabalho, definindo-a como ótima ou boa. 82% dessas pessoas têm interesse em adotar o teletrabalho definitivo no período de até três dias.

O executivo avalia que haverá uma redução de custos para a empresa, mas que o objetivo real foi buscar por uma maior eficiência unida ao “aumento na qualidade de vida, produtividade e engajamento”.

Dados sobre a pesquisa de home office permanente na Petrobras são positivos

Ainda de acordo com a pesquisa divulgada pela Exame, 60% dos funcionários afirmaram que a produtividade aumentou durante o período de quarentena.

Outros 34% perceberam uma manutenção da produtividade. Sobre as vantagens, 92% acreditam que a principal delas é o menor risco de exposição à Covid-19.

Além desse benefício, 91% apontaram a a ausência de deslocamento para o escritório e 64% das pessoas relataram melhor qualidade de vida.

Quer continuar acompanhando as novidades sobre o regime de home office permanente na Petrobras? Então, assine a newsletter do iDinheiro e receba tudo em tempo real. 

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *