Gestores de fundos foram multados pela CVM em R$ 2 milhões

Gestores de fundos foram multados pela CVM em pouco mais de R$ 2 milhões. Os envolvidos podem recorrer e questionar a decisão do conselho.

Amanda Gusmao
Amanda Gusmão

Gestores de fundos foram multados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em R$ 2 milhões pela acusação de infração na gestão das carteiras de ativos.

A aplicação da multa se dá pelas infrações a deveres fiduciários. O colegiado da CMV decidiu pela condenação por unanimidade.

Continua após a publicidade

De acordo com a decisão, os executivos e administradoras de fundos de investimentos adquiriram e acompanharam CCBs para as carteiras de ativos que gerenciam. E isso é uma infração.

Gestores de fundos foram multados pela CVM; veja detalhes

Quatro gestores de fundos de investimentos receberam a condenação, totalizando um montante de R$ 2,130 milhões.

Continua após a publicidade

Global Capital 2000

A Global Capital 2000 Administradora terá que pagar R$ 250 mil por utilizar práticas não condizentes com a relação fiduciária com os cotistas dos fundos.

De acordo com a decisão, ela não revelou um conflito de interesses ao comprar CCBs.

E, além disso, ainda incorreu das infrações de falta de diligência e lealdade com os cotistas.

Para essas duas últimas, também terá que arcar com uma multa adicional de R$ 470 mil.

Continua após a publicidade

Julius Haupt Buchenrode

O gestor recebeu multa de R$ 125 mil por conta do conflito de interesses sem declaração. Ou seja, por usar práticas sem alinhamento com a relação fiduciária que deveria conduzir com os cotistas dos fundos que geria.

Além disso, também vai arcar com o pagamento de multa no valor de R$ 235 mil por falta de diligência e lealdade pela aquisição de CCBs e a falta de acompanhamento dos mesmos.

Global Equity Administradora

A Global Equity Administradora de Recursos Financeiros vai pagar uma multa de R$ 250 mil por conflito de interesses e mais R$ 450 mil por falta de diligência e lealdade com os cotistas dos fundos.

Patrícia Araújo Branco

A gestora Patrícia Araújo Branco terá que arcar com multa de R$ 125 mil, acrescida de R$ 225 mil pelas mesmas infrações.

Continua após a publicidade

Ou seja, conflito de interesses e falta de diligência e lealdade aos cotistas.

Infrações pelas quais gestores foram multados estão nas CVM 306 e CVM 409

Tais infrações estão descritas na Instrução CVM 306 nos artigos 14, II e, na CVM 409 artigo 65-A, I, instrumentos para as administradoras de fundos fundamentarem suas gestões.

CCBs são Cédulas de Crédito Bancário, um título de dívida privada de Renda Fixa.

Essa, porém, não é a primeira vez que a CVM multa administradora e gestores de fundos por sua aquisição.

Isso porque, como a emissão ocorre na iniciativa privada, pode haver conflito de interesses caso a administração do fundo tenha relação com a emissora.

Além disso, vale mencionar que os gestores de fundos multados pela CVM podem recorrer ao chamado Conselhinho.

Com informações de matéria do Valor Investe.

Quer acompanhar o mercado financeiro e suas notícias? Então, assine agora mesmo a newsletter do iDinheiro.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.