Fiverr: Entenda como trabalhar nesta plataforma de freelancers!

Já conhece o Fiverr? Então confira nosso conteúdo e saiba tudo sobre como a plataforma de freelancers funciona, além de dicas de como trabalhar com ela.

melissa nunes perfil
Melissa Nunes

Fiverr: Entenda como trabalhar nesta plataforma de freelancers!

A Fiverr é uma das alternativas para freelancers que buscam plataformas para trabalhar online.

Um de seus maiores diferenciais são os preços baixos, o que atrai grande demanda de clientes.

Por ser uma nova alternativa de trabalho no mercado de profissionais autônomos, a Fiverr Brasil pode apresentar um campo interessante a ser explorado.

Continua após a publicidade

Além disso, o site também é acessível para profissionais autônomos iniciantes.

No entanto, é preciso se atentar para o funcionamento do site e outros detalhes.

Pensando nisso, o iDinheiro preparou um conteúdo especial, com tudo que você precisa saber sobre o Fiverr antes de começar a trabalhar dentro do site.

O que é a Fiverr?

A Fiverr é uma plataforma online de serviços freelancers. Nela, clientes e profissionais de todas as partes do mundo podem interagir em torno da prestação de serviços.

Continua após a publicidade

Criada em 2010, seu nome vem da expressão Fiverr, maneira popular pela qual a nota de cinco dólares é chamada.

Essa relação vem do preço dos serviços da plataforma, que costuma ser um dos sites com valores mais acessíveis aos clientes em relação ao mercado internacional.

Na Fiverr, é possível encontrar diferentes propostas de tarefas pelo preço de cinco dólares americanos.

Por isso, a plataforma se popularizou na internet, especialmente entre usuários que buscam trabalhos mais pontuais ou estão precisando de uma renda extra.

Além disso, é uma das alternativas para a atuação de freelancers no mercado, principalmente dos iniciantes por conta do valor ofertado. 

Continua após a publicidade

O serviço também conta com um site brasileiro, o Fiverr Brasil

Neste caso, o valor mínimo de cinco dólares passa pela conversão para o real, o que torna a plataforma uma alternativa interessante.

Como funciona a plataforma Fiverr?

Para começar a atuar na plataforma, seja como freelancer ou cliente, é necessário fazer uma conta.

No entanto, o site é bastante intuitivo, e permite o cadastro de e-mails ou a possibilidade de vincular uma conta das redes sociais, como Facebook.

Depois de inscrito, é possível navegar entre as seções e conferir como o Fiverr funciona.

Continua após a publicidade

A princípio, o freelancer acessa o site e divulga o anúncio da sua prestação de serviços. Por isso, quanto mais informações que possam esclarecer as atividades prestadas, melhor.

Com isso, é possível indicar a proposta e o valor, que não é negociável para nenhuma das partes. 

Posteriormente, o cliente seleciona o freelancer para realizar aquele trabalho, chamado de Gigs.

Esse processo funciona como uma vitrine de profissionais. Dessa forma, o usuário que está em busca de uma atividade pode analisar as diversas opções da categoria.

Por exemplo, um serviço de tradução ou revisão de texto. Ao clicar na aba referente a esse segmento, o cliente poderá ver todos os freelancers que oferecem esse serviço.

Continua após a publicidade

Em seguida, ao encontrar um anúncio que chame sua atenção, o usuário pode entrar em contato com o profissional e discutir os detalhes.

Depois que o trabalho for entregue e aceito pelo cliente, o pagamento é liberado para o contratado.

Níveis de perfil

Além disso, o Fiverr também oferece diferentes níveis de perfil para o freelancer.

Quanto melhor a reputação do usuário, melhores são as oportunidades de trabalho e visibilidade no site para atrair a atenção do possível cliente.

Para subir de nível, é necessário cumprir alguns requisitos, que incluem:

  • ser ativo no site;
  • ter baixas taxas de cancelamento de projeto;
  • entregar determinada quantidade de gigs (5, 10, 20 e 50 pedidos);
  • pontuação acima de 4 estrelas;
  • participação no fórum de discussões.

Assim como outros sites semelhantes, essas são algumas das práticas mais simples e eficazes para quem deseja ganhar notoriedade durante o trabalho. 

Continua após a publicidade

Fiverr: Quais são os benefícios desta plataforma para os freelancers?

Assim como outras alternativas de mercado, trabalhar prestando serviços junto a um site intermediador pode se tornar uma opção interessante de curto e médio prazo.

Desta forma, você como profissional pode aproveitar diferentes vantagens para ganhar destaque neste mercado.

Confira abaixo algumas das principais que selecionamos para te ajudar a analisar com maior profundidade. 

Utilização gratuita

Um dos grandes diferenciais do Fiverr está na gratuidade da utilização da plataforma.

O usuário pode fazer o cadastro, publicar quantos anúncios desejar e entrar em contato com o cliente sem precisar fazer o pagamento antecipado sobre nenhuma dessas funções.

Posteriormente, se conseguir a proposta, parte do pagamento fica para o site, como taxa de mediação e serviço prestado.

No entanto, todas as interações não possuem custos desde a negociação até o término do trabalho.

Continua após a publicidade

Assim, freelancers iniciantes também podem ter uma chance de disputar projetos na plataforma junto com profissionais experientes.

Diversidade

O Fiverr possui uma grande diversidade de segmentos e disponibilidade de serviços.

Por exemplo, suas áreas mais populares são:

  • redação;
  • marketing;
  • edição;
  • programação;
  • design.
  • entre outros.

Dessa forma, profissionais com diferentes competências podem oferecer seus serviços no site.

Inclusive, existem trabalhos realmente pontuais e diferenciados, como fazer ligações, dar conselhos ou escrever logos.

Existem muitas demandas variadas, o que significa mais possibilidades para o profissional, e mais chances de conseguir o projeto.

Fácil de usar

A plataforma é intuitiva e fácil de ser usada. Depois do cadastro, você já consegue publicar seu anúncio e começar a trabalhar.

Continua após a publicidade

Além disso, o Fiverr atua apenas como intermediário no contato entre o cliente e o profissional.

Por isso, a burocracia é menor, com oportunidades mais acessíveis para ambos os lados.

Como funciona o Fiverr para o cliente?

Como mencionamos, o Fiverr é apenas um canal de comunicação entre o cliente e o freelancer. Por isso, a solicitação do serviço é feita apenas entre eles.

Ao contrário de outras plataformas do segmento, como a Workana, por exemplo, são os profissionais que oferecem suas habilidades.

Dessa forma, o contratante consegue selecionar o usuário que considerar ideal para atender a sua demanda.

Continua após a publicidade

Por exemplo, o freelancer pode anunciar uma revisão de texto de 500 palavras por cinco dólares.

Assim, pessoas que estiverem precisando desse tipo de serviço entram em contato.

É por esse motivo que os anúncios precisam ser específicos e chamativos.

Todos os detalhes do trabalho são acordados entre contratante e contratado. 

Neste caso, o Fiverr apenas age como mediador, tendo a obrigação de garantir o pagamento do projeto após a execução completa.

Quais são as desvantagens de utilizar o Fiverr?

No entanto, o Fiverr também possui alguns pontos menos vantajosos para os freelancers que procuram a plataforma.

Veja algumas das desvantagens que devem ser levadas em conta:

Competitividade

Como o site é acessível, uma grande quantidade de freelancers se cadastram, em busca de projetos.

Continua após a publicidade

Isso faz com que a competitividade aumente, uma vez que existe um alto número de opções para o cliente escolher.

Dessa forma, usuários iniciantes podem não ter tanta visibilidade, o que prejudica sua atuação.

Serviços desvalorizados

É possível encontrar projetos a partir de cinco dólares, o que é uma vantagem para clientes.

Por outro lado, os preços não são muito atrativos para os profissionais. Muitas vezes, os projetos são desvalorizados.

Para conseguir ser contratado, diversos profissionais propõem uma quantia que desvaloriza seu trabalho.

Além de ser prejudicial para o freelancer, também não permite que ele viva unicamente da renda do site.

Continua após a publicidade

Como se cadastrar no Fiverr?

Interessados em atuar no Fiverr podem se cadastrar diretamente no site.

Ao entrar na página inicial, um pop-up já oferece a opção de acessar a conta ou se inscrever.

Também é possível entrar com uma rede social, como o Facebook. Assim, o usuário economiza tempo.

Em seguida, será necessário preencher os dados do freelancer, como:

  • nome;
  • foto;
  • número de celular;
  • número da conta para pagamentos;
  • confirmação do e-mail.

Depois que todas as informações tiverem sido confirmadas, o freelancer já pode começar a publicar.

Pagamentos no Fiverr – Como funciona?

Depois de realizar o trabalho, o profissional recebe o pagamento estipulado no anúncio, que não é negociável depois de aceito.

Continua após a publicidade

A princípio, existem duas maneiras de acessar o dinheiro:

  • através do PayPal;
  • créditos para o uso dentro da plataforma.

Com ele, é possível promover o próprio anúncio e ganhar mais visibilidade.

Enquanto isso, clientes que contratam serviços no Fiverr podem pagar com:

Além disso, o Fiverr atua como mediador em todas as transações.

Assim, o pagamento fica retido até que o cliente confirme o recebimento do projeto.

Em seguida, é liberado para o usuário, que pode retirá-lo pelo PayPal. No entanto, essa permissão é dada entre 15 a 20 dias após o pagamento.

É importante lembrar que a plataforma opera em dólares. Por isso, é necessário fazer as conversões dos valores para sacar em real.

No Fiverr Brasil, os valores dos projetos já aparecem convertidos.

Quais são as taxas cobradas pela Fiverr?

O Fiverr cobra 20% de taxa sobre o valor do trabalho. 

Enquanto isso, também é descontado 10% do preço pago pelo cliente que contratou.

Ainda, para transferir o pagamento para a conta do PayPal e sacar, é cobrada uma tarifa de 5% sobre o valor.

Como aproveitar o melhor da plataforma?

Apesar da acessibilidade e das funções do Fiverr, a plataforma pode não ser a melhor opção como única fonte de renda.

Continua após a publicidade

Por isso, para aproveitar melhor o site, é importante que você trabalhe em outras plataformas do mesmo segmento.

Assim, não precisará se preocupar com os recebimentos, se essa for sua atividade principal para ganhar dinheiro.

Além disso, é recomendável utilizar o Fiverr para aumentar a experiência profissional, e conseguir trabalhos para incrementar o portfólio.

De forma geral, a plataforma é ideal para serviços mais pontuais, e não recorrentes.

Conclusão: o Fiverr é uma boa plataforma para freelancers?

Pessoas que decidem seguir como freelancers e autônomos muitas vezes utilizam plataformas online para trabalhar.

Continua após a publicidade

Principalmente atividades que envolvem o segmento digital, como produção de conteúdo.

Nesse cenário, o Fiverr é um site bastante acessível, especialmente para usuários iniciantes, principalmente por não cobrar taxas de cadastro ou para publicar anúncios. 

No entanto, a competitividade e a desvalorização do serviço são alguns pontos negativos que você deve levar em consideração.

Por isso, é importante que o profissional avalie o custo-benefício de atuar no Fiverr, e não conte com a página como única fonte de renda.

Quanto a serviços mais pontuais e rápidos, a plataforma pode atender bem as necessidades, tanto de clientes, quanto de freelancers.

Gostou do conteúdo? Ative as notificações do Push e assine a newsletter do iDinheiro para receber mais novidades sobre o universo financeiro.

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.