Comprar ou alugar um carro? Entenda as vantagens e desvantagens

Neste conteúdo, confira qual modalidade vale mais a pena: alugar ou comprar um carro? Veja também as vantagens e desvantagens para cada opção.

Luana de Oliveira
Luana de Oliveira

Comprar ou alugar um carro? Entenda as vantagens e desvantagens

 

Podemos dizer que, nos dias de hoje, o uso do automóvel se tornou um fator primordial para muitas pessoas.

Pensando nisso, muitas delas acabam utilizando este transporte visando o conforto, praticidade ou até mesmo necessidade.

Continua após a publicidade

Por causa da grande demanda, muitas empresas começaram a investir no serviço de aluguel de carro.

Além disso, com as mudanças de comportamento, preocupação com o meio ambiente, repriorização de gastos, sonhos e a “noção de sucesso” dos tempos modernos, podemos assumir que as pessoas encontraram outros desejos que vão além da aquisição de um carro.

Continua após a publicidade

Todavia, esse fato não elimina a necessidade de ter o meio de transporte para trabalhar ou desempenhar tarefas diárias que demandem o veículo.

Com isso, muitos hoje em dia possuem dúvida sobre o que vale mais a pena: comprar ou alugar um carro.

Para descobrir qual é a melhor solução para você, apresentaremos neste artigo as vantagens e desvantagens para comprar ou alugar um carro. Continue a leitura.

Comprar um carro: vantagens e desvantagens

Para você que está na dúvida sobre comprar um carro novo, vamos apresentar os principais pontos positivos e negativos sobre a decisão. Vamos lá?

Continua após a publicidade

Vantagens de um carro novo

Pensando naqueles saídos da concessionária, grande vantagem em comprar um carro novo é a possibilidade de ser o primeiro dono. Então, você tem a certeza que está adquirindo um automóvel zero em folha, até com o famoso cheirinho de novo.

E por falar em carro novo, muitos acreditam que um carro saindo da loja não vai precisar passar por manutenção já que as peças não estão desgastadas.

Outro ponto é a segurança em andar com um carro que não vai te deixar na mão por alguma pane elétrica ou motor, por exemplo.

Todavia, se acontecer algum problema logo no início, este veículo provavelmente passará por um recall da montadora para solucionar o imprevisto.

Continua após a publicidade

E isto não vira custo para o dono do carro, já que o carro zero-quilômetro está na garantia de fábrica.

Um ponto interessante para os carros novos é a sua tecnologia mais avançada. Assim, o dono pode usufruir de funcionalidades novas e mais interessantes, como conexão com a internet, sensores de movimento, airbags laterais e entre outros.

E por ser um veículo que acabou de ser comprado, geralmente o preço do seguro costuma ser mais barato. Isto acontece porque as seguradoras acreditam que este tipo de produto não vai precisar de manutenção ou troca de peças por agora.

E como o carro só possui um único dono, que é você, então até para revender fica muito mais fácil. Com isso o valor da revenda costuma ser muito maior.

Continua após a publicidade

O benefício geral em ter um carro próprio é a independência de ser o dono desse bem. Você deverá arcar com os encargos referentes à compra e, depois disso, será responsável pelas despesas extras, porém sabendo que está direcionando seu tempo e dinheiro para algo que é seu.

Desvantagens de um carro próprio

Mesmo que existam várias vantagens em comprar um carro novo, não podemos deixar de argumentar sobre os pontos negativos desta decisão.

Em primeiro lugar, não podemos deixar de falar que um carro sofre com a desvalorização do preço no momento em que sai da concessionária. Por isso, aquela frase tão comum que diz que “carro é investimento” não é verdade!

Pode ser uma espécie de investimento para os seus sonhos ou felicidade, mas no papel o que acontece é o contrário.

Continua após a publicidade

Além disso, pense em todos os encargos que você terá a partir do momento em que o veículo se torna seu. Parcelas da compra, taxas do financiamento (se for o caso), seguro, gasolina, IPVA, reparos e até mesmo aqueles imprevistos, como multas.

É importante pensar que com a aquisição de um carro, uma boa parte do seu dinheiro será direcionada para cobrir os seus gastos.

Vantagens e desvantagens no aluguel de carro

O aluguel de carro também possui os seus pós e contras. Portanto, confira abaixo os principais pontos:

Vantagens no aluguel de carro

O carro alugado se torna vantajoso quando o seu uso é esporádico.

Isto quer dizer que este tipo de serviço compensa mais em situações como, utiliza-lo para uma viagem, ou então o seu carro está no mecânico e você precisa com urgência de um carro diariamente.

Continua após a publicidade

Pensando além, dependendo das condições de aluguel e da quantidade de vezes em que você sai de casa (e da quilometragem rodada), o aluguel pode sair ainda mais barato do que a compra, justamente pela quantidade de gastos que a compra do carro envolve. 

E por se tratar de aluguel, você pode escolher o modelo que deseja. Assim, você pode usufruir de um carro mais popular, caso o seu uso será feito dentro da cidade e com poucas pessoas, ou então pode apostar em um carro 4×4 para viagens mais distantes e com volume maior de bagagem, por exemplo.

Como existem várias empresas fornecendo este tipo de serviço, nós temos certeza que não vai ser difícil encontrar o modelo de carro onde o valor do aluguel fique em conta para o seu orçamento.

Desvantagens no aluguel de carro

A principal desvantagem em alugar o carro é o chamado custo da disponibilidade. Em uma sociedade imediatista, aguardar a chegada de um carro solicitado por um aplicativo pode ser torturante.

Continua após a publicidade

E mesmo para quem deseja ser o motorista, o fato de precisar se locomover até uma empresa que aluga o carro pode ser complicado e até mesmo irritante.

Outra desvantagem deste serviço pode ser o custo. Por exemplo, se você resolveu viajar para o interior no final de semana, às vezes a passagem de ônibus vai sair muito mais barata do que o aluguel do carro.

Por fim, existe o fato de que o carro não será seu, ou seja, você pagará mensalmente por um serviço de aluguel.

Comprar ou alugar um carro? Veja qual é a melhor opção

Vamos supor que você comprou um novo carro na faixa dos R$ 45 mil reais. Mas como não tinha todo este valor para quita-lo à vista resolveu parcelar em 10x sem juros.

Continua após a publicidade

Além do gasto em adquirir o automóvel, você vai precisar desembolar anualmente um dinheiro para o seguro. E como o carro é novo, será preciso contratar um despachante para resolver o emplacamento. Sem contar as taxas do IPVA, DPVAT e o licenciamento.

Por fim, não podemos esquecer os custos com a manutenção e nos gastos com a gasolina. E no final de tudo isso, é importante que se tenha em mente que a cada dia o seu novo automóvel sofre de depreciação. Isto quer dizer que a dia após dia ocorre uma desvalorização do preço do seu carro.

Enquanto no aluguel de carro você teria gasto apenas com a parcela do aluguel, gasolina e a quilometragem. Ah claro, se ocorrer alguma multa com carro emprestado, este valor também seria de sua responsabilidade, ok?

Todavia, para entender qual opção vale mais a pena, carro próprio ou alugado, é preciso refletir sobre a frequência e o modo que este automóvel estará presente no dia-a-dia.

Continua após a publicidade

Apesar do custo alto em adquirir e manter um carro próprio, se o veículo for utilizado com muita frequência, então esta opção acaba ficando mais em contato.

Enquanto o carro alugado sendo utilizado com muita frequência acaba sendo um gasto muito alto, e ao longo prazo compensariam as parcelas de um novo.

O que considerar antes de tomar a decisão?

Antes de fazer a sua escolha entre a compra do carro novo ou o aluguel do veículo, é crucial que seja feita uma avaliação sobre os seus hábitos e necessidades.

Se formos analisar as duas opções, ambas possuem excelentes qualidades e que podem contribuir na otimização do tempo entre um trajeto e outro.

Continua após a publicidade

Entretanto, existem alguns pontos que você precisa ficar atento para finalizar a sua escolha, como por exemplo, intenção de uso, das distâncias percorridas, do orçamento e até da personalidade de cada um.

Portanto, para tomar a decisão mais correta não deixe e entender o seu perfil como usuária de veículo e as opções apresentadas no mercado. Às vezes nem a compra ou o aluguel pode ser o ideal para o seu estilo de vida, sabia?

Já pensou que o uso de transporte público, ou aplicativo de motorista particular ou até se juntar ao grupo de caronas pode ser as melhores opções para você?

Conclusão

Como você percebeu durante a leitura deste texto, tanto a compra ou aluguel do carro são opções interessantes e que conseguem agradar um grande número de pessoas.

Entretanto, para fazer uma escolha assertiva é primordial que o interessado avalie a sua rotina para identificar qual das opções seria mais benéfico. Além disso, não podemos esquecer o lado financeira, visto que ambos possuem um custo.

E por falar em finanças, caso você tem alguma dúvida financeira que vá além do “comprar ou alugar um carro”, não deixe de conferir os conteúdos produzidos pela equipe do iDinheiro. Portanto, não deixe de assinar a newsletter para receber o material em primeira mão!

Continua após a Publicidade

Comunidade iDinheiro
Pergunte à comunidade ➔
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.