Investimentos, Notícias

Gestora brasileira Hashdex é autorizada a lançar primeiro ETF de criptomoedas do mundo

Isabella Proença
Isabella Proença
ETF de criptomoedas

A Hashdex, gestora brasileira, foi autorizada na última sexta-feira, 18, a lançar o primeiro ETF de criptomoedas do mundo.

A Hashdex, gestora brasileira, recebeu autorização na última sexta-feira, 18, para lançar o primeiro ETF de criptomoedas do mundo. Os ETFs são fundos que tendem a replicar índices, mas que são negociados como ações.

Uma parceria com a bolsa americana Nasdaq permitiu o desenvolvimento do produto, batizado de “Hashdex Nasdaq Crypto Index ETF. Ele será listado na Bolsa de Valores de Bermudas (BSX) pela corretora Clarien BSX Services.

Continua após a publicidade

O lançamento vai replicar o índice Nasdaq Crypto Index, também criado em conjunto pela Hashdex e Nasdaq. Seu objetivo é representar o cenário institucional de investimentos em criptomoedas.

Embora não haja muitos detalhes sobre a data de lançamento, a expectativa é que o ETF esteja disponível até o fim do ano.

Com informações do Valor Investe.

Primeiro ETF de criptomoedas do mundo

De acordo com a Hashdex, a Nasdaq divulgará a metodologia e os detalhes do do fundo de índice na data do lançamento do produto.

A empresa escolheu Bermudas para cadastro na Bolsa de Valores devido ao fato de o país possuir uma legislação pró-ativos digitais.

Para o CEO da gestora brasileira, Marcelo Sampaio, os endossos de BSX e Nasdaq podem ser uma plataforma para a listagem do ETF de criptomoedas em outros mercados.

“Esse processo também deverá acelerar a entrada de investidores institucionais neste segmento. É uma tendência que cada vez mais se torna concreta”, afirmou ao Valor Investe.

3 milhões de ações

Na publicação sobre a listagem, o ‘Hashdex Nasdaq Crypto Index ETF’ foi descrito pela Bermuda Stock Exchange como um produto na modalidade valores mobiliários ‘Classe E’, com oferta de 3 milhões de ações.

De acordo com o que a Bolsa detalhou, o método de listagem será ‘private placement’‘.

Com isso, o produto terá uma rodada de financiamento. Ou seja, não será possível comprá-los por meio de uma oferta pública.

Sobre a Hashdex

Em 2019, a Hashdex despontou ao lançar 3 fundos de investimentos em uma cesta de criptomoedas:

  • Voyager, com 100% de exposição, para profissionais;
  • Explorer, com 40% de exposição às criptos, para investidores qualificados;
  • Discovery, com 20% de exposição a criptoativos (e o restante em títulos públicos), para o investidor de varejo;

Esta matéria foi útil? Então assine a newsletter do iDinheiro e receba mais notícias sobre investimentos diretamente na caixa de entrada do seu e-mail.

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *