Empréstimo, Empréstimo e Financiamento, Empréstimos

Empréstimo sem comprovação de renda: como conseguir e onde fazer?

Fabíola Thibes
Fabíola Thibes
mulher sentada em frente ao computador com vários papéis em sua mão e cara de preocupada por estar endividada

O empréstimo sem comprovação de renda é uma opção, mas tem juros mais altos. Veja como viabilizar a contratação.

Empréstimo sem comprovação de renda: como conseguir e onde fazer?

 

O Brasil está com 67,1% das famílias endividadas e 25,4% de pessoas inadimplentes. Os dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) mostram que a situação é desafiadora. Nesse contexto, surge a dúvida: como fazer um empréstimo sem comprovação de renda?

Essa pergunta é ainda mais importante no cenário atual. Afinal, com um nível de desemprego que chega a 13,3%, conforme dados de junho de 2020, é preciso equilibrar as finanças sem prejudicar o orçamento.

Continua após a publicidade

Você está nessa situação? Então, saiba que existe a possibilidade de conseguir um empréstimo sem comprovar renda. Como? Vamos explicar as opções disponíveis neste post. Confira!

Onde conseguir um empréstimo sem comprovação de renda?

Um empréstimo sem comprovação de renda é aquele contratado sem apresentar um holerite. Existem vários motivos para optar por essa modalidade. Algumas deles são:

Continua após a publicidade

  • trabalho como autônomo;
  • desemprego;
  • informalidade.

Qualquer que seja o seu motivo, existem diferentes formas de obter o dinheiro necessário sem apresentar o contracheque. Veja quais são as principais.

Penhor

É uma modalidade mais antiga, em que você entrega um bem como garantia do pagamento das prestações do empréstimo. Muitas vezes, é usada uma joia. Caso fique inadimplente, o item ficará como pagamento.

Apesar de ser pouco aplicada ultimamente, o penhor ainda existe e é praticado até mesmo por instituições financeiras tradicionais. Uma delas é a Caixa Econômica Federal.

Empréstimos

Podem ser contratados com a ajuda de financeiras especializadas ou fintechs.

Existem diferentes modalidades. No entanto, a modalidade com garantia de imóvel ou veículo é a mais adotada para empréstimos sem comprovação de renda.

Continua após a publicidade

Em ambos os casos, você oferece um bem como segurança em caso de inadimplência das prestações. O imóvel ou o carro ficam em processo de alienação fiduciária até que o valor total da dívida seja quitado.

A alienação fiduciária é o processo em que a propriedade de um bem fica atrelada ao pagamento de um empréstimo. O contrato prevê que a instituição financeira pode tomar o item, caso o pagamento não seja feito. Ainda assim, você pode utilizá-lo normalmente.

Microcrédito

É uma linha de crédito especial para o empreendedorismo. Costuma ser voltado para a realização de investimentos ou quitação de dívidas. Apesar de não exigir comprovação de renda, esse empréstimo requer um plano de negócio.

O plano de negócio é um documento criado pelo empreendedor para mostrar a viabilidade do seu negócio. Abrange concorrentes, investimentos a serem feitos, potenciais clientes e fornecedores.

Avalista

É uma espécie de fiador, mas aplicado a outros tipos de contratos. Você não precisa comprovar a renda para conseguir o empréstimo, mas o avalista passa por essa análise. Isso é necessário, porque ele se torna responsável pela dívida, em caso de falta de pagamento.

Como fazer um empréstimo sem comprovação de renda?

Para ter seu perfil aprovado nessa modalidade, é importante seguir algumas dicas. Como o empréstimo não tem comprovação de renda, o banco fará outras exigências.

Continua após a publicidade

Mas você não precisa ter receio! É possível percorrer um caminho seguro. Veja como!

Pague suas contas no vencimento

O primeiro passo é ter um bom histórico de crédito. Você precisa provar para a instituição financeira que tem condições de arcar com o compromisso assumido. Por isso, mantenha suas contas em dia para ter um score elevado.

O score de crédito é uma pontuação definida por órgãos de proteção ao crédito que demonstra se você tem um bom relacionamento com o mercado. Vários fatores são considerados, como pagamentos em dia e contratação de empréstimos.

Uma boa forma de manter todos os pagamentos em dia é concentrar os pagamentos e os recebimentos em uma conta bancária. Isso evita esquecimentos e aumenta o controle de ganhos e despesas.

Pesquise opções na internet

Existem várias fintechs  financeiras que oferecem empréstimos, inclusive sem comprovação de renda. Encontre a melhor proposta acessando os sites e fazendo simulações.

Avalie sempre o Custo Efetivo Total (CET), que inclui juros e outros encargos. Além disso, tenha certeza de que a instituição financeira é confiável.

Continua após a publicidade

Tenha cuidado com os golpes

Desconfie das simulações que fizer, mesmo daqueles sites que parecem verdadeiros. Alguns são golpes. O ideal é pesquisar sobre a financeira e avaliar sua reputação em sites como o Reclame Aqui.

Uma boa dica é consultar o site do Banco Central. Ele traz todas as instituições autorizadas a operarem com empréstimos, com e sem comprovação de renda.

Além disso, nunca pague valores antecipados. Se for feita essa solicitação, pode ter certeza de que é golpe!

Compare sempre

Aproveite os simuladores online e veja qual é a melhor opção para você. Faça comparações e confira o CET e as condições de pagamento.

Continua após a publicidade

Mais do que isso, use marketplaces de crédito para ver diferentes ofertas. Uma alternativa é o Serasa eCred. Você verá várias opções de empréstimos no site e poderá fechar o melhor negócio.

Onde fazer um empréstimo sem comprovar renda?

A melhor saída é pesquisar as opções na internet e verificar o CET, como já indicado. Ainda assim, existem algumas dicas que facilitam esse processo. Saiba o que fazer!

Simplic

A Simplic oferece empréstimos de R$ 500 a R$ 3.500, que podem ser pagos em até 12 vezes. O empréstimo sem comprovação de renda vale até mesmo para negativados, mas os juros são altos: podem atingir 15% ao mês.

Moneyman

O Moneyman funciona de maneira similar à Simplic. É possível emprestar de R$ 500 a R$ 2.000 e o pagamento é feito em até 12 vezes.

Continua após a publicidade

A diferença é a modalidade progressiva. Isso significa que você empresta um valor com pagamento de 3 meses. Se fizer os pagamentos em dia, é possível contratar quantias mais altas e com melhores condições.

Losango

A Losango uma financeira tradicional e exige apenas RG e CPF para simular um empréstimo. Caso você queira contratar, deve apresentar um extrato bancário dos últimos 3 meses.

A taxa de juros é personalizada. Ela varia de acordo com seu histórico de pagamentos, valor do empréstimo e número de parcelas. Há restrições para negativados.

Ibi

A Ibi se autodenomina uma loja de crédito. No entanto, é burocrático conseguir um empréstimo sem comprovação de renda. É preciso apresentar outros dados, como tipo de residência, grau de escolaridade e dois telefones para confirmação.

Continua após a publicidade

Há restrições para negativados. Para fazer a contratação, é obrigatório ter um cartão de crédito.

Conclusão

Como você pôde perceber, é possível contratar um empréstimo sem comprovação de renda. No entanto, é preciso seguir algumas dicas para facilitar a aprovação.

Além disso, nem todas as instituições financeiras trabalham com essa modalidade. De toda forma, é possível chegar lá.

Gostou de entender mais sobre o assunto e quer continuar se atualizando? Assine a newsletter do iDinheiro e receba as melhores informações no seu e-mail.

Publicidade

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

    Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *