Empréstimo pessoal para autônomo no carnê: O que é e como fazer?

O empréstimo pessoal para autônomo no carnê é ideal para quem é profissional e tem dificuldade de comprovar renda. Saiba como contratar!

Design sem nome (1)
Mariana Vieira

O empréstimo pessoal para autônomo no carnê pode ser uma saída para quem é profissional liberal e precisa de um dinheiro extra, seja para um projeto pessoal ou profissional. 

Quem é autônomo pode encontrar dificuldades ao buscar aprovação de crédito com as instituições financeiras, devido a uma maior dificuldade de comprovar renda. 

Continua após a publicidade

Isso faz com que, muitas vezes, as taxas de juros nas instituições que oferecem serviço de crédito para essa categoria profissional sejam mais altas em comparação aos produtos oferecidos para outras categorias, como assalariados, por exemplo. 

Dessa maneira, o empréstimo pessoal para autônomos no carnê, oferecido por algumas empresas, surge como uma oportunidade de obtenção de renda extra, mas antes de contratá-lo, é preciso conhecer esse produto, saber como funciona e os cuidados que devem ser tomados. 

Continua após a publicidade

O que é o empréstimo no carnê?

Empréstimo no carnê é uma modalidade oferecida pelas instituições financeiras em que o pagamento do valor negociado ocorre por meio de boletos bancários. 

Geralmente, o cliente recebe um bloquinho, físico ou digital, com todos os boletos referentes a todas as parcelas do valor do empréstimo a serem pagas. 

O empréstimo pessoal para autônomo no carnê funciona exatamente da mesma maneira e permite que o cliente visualize mais claramente as parcelas já pagas e aquelas ainda a pagar. 

Isso é benéfico, uma vez que dificulta que a pessoa esqueça de pagar as parcelas de seu empréstimo e, por causa disso, acabe pagando mais juros ou negativado

Continua após a publicidade

Empréstimo para autônomo no carnê

Quem faz a opção de solicitar um empréstimo para autônomo no carnê precisa, em primeiro lugar, buscar uma instituição que ofereça esse serviço. 

Toda instituição financeira que realiza empréstimos solicita comprovante de renda a fim de avaliar o risco que o cliente apresenta à empresa de se tornar inadimplente. 

É nessa fase da contratação que pode ser mais difícil para o autônomo conseguir ter sua solicitação de empréstimo aceita, uma vez que não possui documentos como, por exemplo, o holerite dos assalariados

Mesmo assim, ainda há esperanças e, o autônomo que deseja contratar um empréstimo a ser pago pelo carnê, ainda pode encontrar instituições que ofereçam o serviço. 

Continua após a publicidade

Assim, será possível ter mais controle sobre o pagamento das parcelas, principalmente no que diz respeito à onde pagar os carnês e adiantar ou não parcelas, o que é uma ótima possibilidade para quem possui renda variável como os autônomos.

Como funciona?

O empréstimo pessoal para autônomos no carnê funciona como qualquer outro processo de concessão de crédito em que, primeiro, é preciso encontrar uma instituição financeira que ofereça o serviço procurado e solicitar uma cotação. 

Uma vez aceita a sua solicitação, a instituição irá disponibilizar um carnê, que é composto com vários boletos, com vencimento mês a mês e valor correspondente às parcelas do empréstimo. 

Geralmente, é possível escolher a data de vencimento desses boletos. Se o cliente escolheu o primeiro vencimento para o dia 10 do mês seguinte à concessão do empréstimo, os demais boletos também terão essa data de vencimento a cada mês seguinte. 

Continua após a publicidade

O número de parcelas desse tipo de empréstimo pode variar de 12 a 36 meses e o carnê virá com a quantidade de boletos correspondente ao número de parcelas combinado. 

Esses boletos podem ser pagos em caixas eletrônicos, no aplicativo do banco ou internet banking e em casas lotéricas até o dia do vencimento. 

Após essa data, será possível realizar o pagamento apenas no banco emissor do documento, que vem indicado nele, normalmente na parte superior da folha.

Precisa comprovar renda para contratar o empréstimo pessoal para autônomo no carnê? 

Ao solicitar um empréstimo pessoal para autônomo no carnê, será preciso conceder um comprovante de renda. 

Continua após a publicidade

Isso pode ser difícil para o autônomo, que não possui holerite, como assalariados ou documentos do INSS, como os aposentados, por exemplo. 

Entretanto, também não estamos diante de uma tarefa impossível, uma vez que a maior parte das instituições aceitam, no caso dos autônomos e profissionais liberais, sem carteira assinada, outros documentos como extrato bancário (geralmente dos últimos 90 dias) e comprovante do imposto de renda

Quais são as taxas de juros?

Devido ao fato de não possuir uma folha de pagamento regular para apresentar como comprovante de renda, o empréstimo pessoal para autônomo no carnê pode apresentar juros mais altos. 

Isso também é influenciado por fatores como possibilidade de esquecer o pagamento dos boletos e sujeição à inadimplência.

Continua após a publicidade

Ou seja, quanto maiores os riscos, para a instituição financeira, de o cliente não honrar com os pagamentos, maiores são as taxas de juros que servem como ação compensatória. 

Dessa maneira, os empréstimos pessoais para autônomos costumam ter uma taxa de juros que varia entre 1,5% a 15% ao mês. 

Autônomos negativados podem solicitar o empréstimo por carnê?

O empréstimo pessoal para autônomo no carnê pode ser solicitado, em algumas instituições, inclusive por quem está negativado. 

Entretanto, em casos de empréstimos com restrição, as taxas de juros podem ser ainda maiores, devido ao maior risco de inadimplência. 

Continua após a publicidade

Nesse tipo de contexto, o autônomo pode achar propostas mais vantajosas em empréstimos com garantia, que costumam ter uma diminuição nas taxas. 

Quais as vantagens e desvantagens do empréstimo pessoal para autônomo no carnê?

Como qualquer operação financeira de obtenção de crédito, o empréstimo pessoal para autônomo no carnê possui suas vantagens e desvantagens. 

Algumas características dessa modalidade de crédito podem facilitar a vida do cliente, enquanto outras podem tornar ainda maiores os riscos deste produto. 

Confira a seguir uma relação com as principais vantagens e desvantagens desse tipo de empréstimo. 

Continua após a publicidade

Vantagens

Algumas vantagens do empréstimo pessoal para autônomo no carnê que podemos destacar são:

  • Possibilidade de adiantar as parcelas facilmente (basta pagar mais de um boleto, mesmo antes seu vencimento); 
  • Obtenção de dinheiro para se capacitar e investir em seu negócio
  • Liberação do dinheiro geralmente acontece de forma rápida;
  • Juros mais baixos do que o rotativo do cartão de crédito ou do cheque especial;
  • Possibilidade de quitar dívidas;
  • Algumas (poucas) instituições não exigem comprovação de renda. 

Desvantagens

Os principais pontos desagradáveis, mas dos quais não se pode deixar de destacar, de um empréstimo pessoal para autônomo no carnê são os seguintes:

  • Assumir uma dívida sem, no entanto, possuir uma renda fixa;
  • Possibilidade de esquecer de pagar o carnê;
  • Taxa de juros maior que em outros tipos de empréstimo, como o consignado e o com garantia;
  • Tempo prolongado para diluir o valor do empréstimo. 

O que é preciso para pedir o empréstimo?

Para pedir um empréstimo pessoal para autônomo no carnê é preciso que, em primeiro lugar, se tenha verdadeira noção de sua atual situação financeira. 

É preciso saber se os ganhos são estáveis o suficiente para garantirem que será possível honrar com as parcelas até o fim dos pagamentos. 

Além disso, para solicitar o empréstimo junto a uma instituição, é importante ter em mãos alguns documentos importantes, como extratos bancários que demonstrem as movimentações dos últimos meses e comprovantes das declarações do imposto de renda. 

Continua após a publicidade

Se alguma empresa ou pessoa física contratou algum serviço seu a longo prazo, a documentação que atesta esse contrato também pode ser interessante para ganhar credibilidade junto à instituição. 

Por fim, embora não seja obrigatório para algumas instituições financeiras, ter um histórico de crédito e um bom score pode ajudar tanto na aprovação do empréstimo quanto na diminuição da taxa de juros. 

Quais cuidados devo tomar antes de solicitar o empréstimo pessoal para autônomo no carnê?

Solicitar um empréstimo pessoal para autônomo no carnê pode parecer muito fácil, no entanto, essa facilidade pode se tornar uma grande cilada, quando o pedido de empréstimo não é feito mediante um bom planejamento financeiro.

Muitas pessoas que solicitam empréstimos no carnê, ou outras modalidades de crédito, para melhorarem sua situação financeira, acabam se endividando e terminam piores que no início. 

Continua após a publicidade

Isso pode acontecer pela falta de projeção real dos próprios ganhos a longo prazo, o que é muito comum de acontecer quando se é autônomo com uma renda variável. 

Por isso, é muito importante ter controle sobre as próprias finanças a ponto de ter garantias de que será possível honrar com todas as parcelas do empréstimo. 

Além disso, é preciso ter muita atenção em relação à instituição na qual se contrata o empréstimo, buscar por sua reputação no mercado e regularização junto aos órgãos responsáveis. 

Um bom caminho para isso é buscar a empresa na plataforma Reclame Aqui, que normalmente funciona como um bom termômetro da qualidade da empresa e seus produtos. 

Continua após a publicidade

É muito importante também conferir se a instituição em questão é devidamente registrada e regulada/supervisionada pelo BC (Banco Central), o que pode ser feito a partir de uma rápida pesquisa por este link

Isso protege o consumidor de ser vítima de transações ilícitas conduzidas por instituições fraudulentas. 

Um dos sinais mais claros de golpe é a solicitação de valores adiantados para a aprovação do empréstimo, que é uma ação proibida pelo BC.

Por isso, se isso for solicitado, corra da instituição e faça uma denúncia junto às autoridades responsáveis. 

Para se manter informado sobre oportunidades de crédito e ter acesso gratuito a conteúdos sobre empreendimentos, finanças e negócios, assine nossa newsletter e receba atualizações diárias no seu e-mail!

Continua após a Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Logo iDinheiro

Newsletter iDinheiro: receba novidades sobre o que importa para o seu dinheiro.

Suas informações não serão compartilhadas com terceiros e também não enviaremos promoções ou ofertas.